TRE-BA celebra parceria com o WhatsApp para atender aos cidadãos

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) firmou parceria com o aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp para ampliar o atendimento ao público no contexto das Eleições de 2022. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (30), na coletiva de imprensa realizada pelo presidente do TRE-BA, desembargador Roberto Frank, e pelo diretor de políticas públicas do WhatsApp no Brasil, Dario Durigan. O evento aconteceu na Sala de Sessões do Eleitoral baiano, em Salvador.

O objetivo da parceria, sem ônus ao orçamento do Tribunal, é ampliar o acesso do público externo aos serviços da Justiça Eleitoral e, consequentemente, à robô Maia, do Núcleo de Atendimento Virtual ao Eleitor (NAVE).  O TRE-BA é o único eleitoral do país e o segundo no mundo a realizar atendimento por este aplicativo de mensagens.

LEIA MAIS

Canal de atendimento via whatsapp é disponibilizado pela Secretaria de Habitação em Petrolina

 

A Secretaria Executiva de Habitação de Petrolina, responsável pela execução dos programas habitacionais no município, buscando oferecer um melhor atendimento e se aproximar cada vez mais da população está disponibilizando um número de whatsapp para a população.

Através do número (87) 99190-7667, na opção 7 – SEDURBHS, e depois digite a opção 3 – Habitação, a população pode enviar mensagens de texto, fotos ou vídeos. O atendimento ocorrerá das 7h às 13h, para tirar suas dúvidas e denúncias referentes à habitação.

LEIA MAIS

WhatsApp, Facebook e Instagram apresentam instabilidade

WhatsApp, Facebook e Instagram apresentam instabilidade no começo da tarde desta segunda-feira (4). Internautas em todo o mundo estão relatando dificuldade pra acessar os 3 serviços – todos eles pertencem ao Facebook.

Reclamações também cresceram com relação a operadoras de telefonia e internet, inclusive no Brasil.

O termo WhatsApp se tornou o primeiro nos Trending Topics do Twitter no Brasil por volta das 12h50. Cerca de meia hora depois, o concorrente Telegram, que segue no ar, passou a ser o segundo mais comentado.

Às 13h10, o site Downdetector, que monitora reclamações sobre serviços da internet, registrava cerca de 40 mil queixas sobre o WhatsApp. Para o Instagram, eram cerca de 10 mil e, para o Facebook, 5 mil.

O que dizem as redes

Ao g1, o Facebook informou que está investigando o motivo dessa instabilidade. No Twitter, os perfis do Facebook e do WhatsApp postaram: “Estamos cientes de que algumas pessoas estão enfrentando problemas com o WhatsApp no momento. Estamos trabalhando para que as coisas voltem ao normal e enviaremos uma atualização assim que possível”.

E o Instagram tuitou: “O Instagram e amigos estão tendo um momento complicado agora e talvez você esteja com problemas para usá-los. Conte com a gente, estamos em cima disso”.

A instabilidade também rendeu memes e reações no Twitter.

Os três aplicativos também enfrentaram instabilidade em junho passado durante cerca de 2h30. Na ocasião, o Facebook afirmou que a falha foi causada por um ajuste de configuração.

Banco do Brasil lança emissão de boletos por WhatsApp

Os clientes do Banco do Brasil (BB) agora podem emitir, consultar e alterar boletos bancários pelo WhatsApp. Pioneiro no Brasil, o sistema de cobrança bancária por chat foi lançado nesta semana e, segundo a instituição financeira, beneficiará principalmente pequenos empreendedores.

Para usar a ferramenta, o cliente deve acessar o WhatsApp do BB e iniciar uma conversa com o especialista PJ, o assistente virtual do banco no aplicativo, digitando “#PJ”. Em seguida, basta escrever “Preciso registrar um boleto” para aparecerem instruções na tela de conversas.

O aplicativo pedirá as informações do pagante (CPF, nome, endereço, complemento) e os detalhes de pagamento (valor, vencimento). O boleto é gerado assim que as informações forem confirmadas, com o cliente podendo encaminhá-lo ao destinatário.

LEIA MAIS

Caixa e Whatsapp fecham parceria para envio de mensagens sobre auxílio

Nos próximos dias, os beneficiários do auxílio emergencial passarão a receber de graça as informações sobre datas de depósito, de pagamento e de saque no celular. A Caixa Econômica Federal e o WhatsApp fecharam parceria, inédita no mundo, para o envio de mensagens sobre o benefício.

Uma conta oficial e verificada da Caixa passará a enviar as informações sobre o auxílio emergencial. Segundo o presidente do banco, Pedro Guimarães, cerca de 500 milhões de mensagens gratuitas deverão ser enviadas durante o pagamento das parcelas restantes do benefício.

LEIA MAIS

Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano de Juazeiro disponibiliza canal de atendimento via WhatsApp

A Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (Semaurb) de Juazeiro vem buscando inovações para oferecer o melhor atendimento e se aproximar cada vez mais da população. Pensando nisso, a Semaurb disponibilizou um número de Whatsapp exclusivo para o atendimento.

Através do número (74) 3612-3581 tanto a população pode telefonar, das 8h às 14h (horário de funcionamento da secretaria) ou também pode enviar mensagens de texto via WhatsApp durante todo o dia para fazer denúncias, tirar dúvidas sobre procedimentos, solicitar documentação para entrada de processos na secretaria, solicitar 2ª via DAM e Alvarás já aprovados e emitidos. A criação do WhatsApp faz parte do processo de Informatização do Atendimento, que em conjunto com o Portal de Atendimento Eletrônico da Semaurb (que está em fase de implantação), tornará mais rápida a resposta às demandas da população.

LEIA MAIS

Ex-candidato à prefeitura de Petrolina é vítima de golpe e tem WhatsApp clonado

O ex-candidato à prefeitura de Petrolina, Deomiro Santos, informou, através das suas redes sociais, que foi vítima de um golpe. Ele teve seu WhatsApp clonado por bandidos que estão entrando em contato com seus amigos e familiares para pedir dinheiro e informações extremamente pessoais.

Deomiro Santos.

Lamentavelmente no mundo em que vivemos estamos sujeitos a esses tipos de crimes cibernéticos. Sendo assim, quero informá-los que já recuperei a minha conta e gostaria de pedir desculpas por qualquer mensagem importuna recebidas por esse WhatsApp”, disse.

BC libera oficialmente transferências bancárias pelo WhatsApp

15/09/2017
REUTERS/Dado Ruvic

Horas depois de o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, anunciar que o órgão liberaria transações pelo WhatsApp, o BC autorizou oficialmente as transferências bancárias pelo aplicativo. A decisão foi anunciada na noite desta terça-feira (30) pela autoridade monetária.

A empresa Facebook Pagamentos do Brasil, dona do WhatsApp, foi aprovada como “iniciador de transações”. As operadoras Visa e Mastercard receberam autorizações de dois arranjos de pagamentos: transferência/depósito e operações pré-pagas, em que o cliente abastece uma carteira virtual com dinheiro para gastar mais tarde.

LEIA MAIS

WhatsApp libera chamadas de voz e vídeo pelo computador; veja como usar

O WhatsApp liberou nesta quinta-feira (4) chamadas de voz e vídeo pelo computador, por meio dos aplicativos para Windows e Mac.

A ferramenta, no entanto, não funciona no WhatsApp Web, que é aberto pelo navegador do computador. É preciso baixar o aplicativo para o computador.

Além disso, só é possível fazer ligações individuais – o recurso de chamadas em grupo de até 8 pessoas ainda não está liberado.

A janela das chamadas de vídeo funciona nos modos paisagem e retrato, pode ser redimensionada, e está configurada para ficar sempre em primeiro plano em relação às outras janelas.

A liberação das chamadas no computador será feita de forma gradual, então é possível que a opção não apareça imediatamente para todas as pessoas. O WhatsApp, porém, está liberando a atualização no mundo todo.

Como fazer ligações pelo WhatsApp?

  • Baixe o aplicativo do WhatsApp para Windows ou Mac;
  • Faça o login com o seu WhatsApp. No Android, toque no ícone de três pontinhos localizado na parte de cia da tela e aperte em “WhatsApp Web”. No iPhone, clique no ícone da engrenagem (Ajustes) que fica na parte de baixo e toque em “WhatsApp Web/Computador”.
  • Em seguida escaneie o QR Code;
  • Abra uma conversa e ao lado da foto e do nome do seu contato, clique no ícone de ligação por voz ou vídeo.

Prefeitura de Petrolina vai priorizar atendimento virtual para evitar propagação do coronavírus em repartições

(Foto: ASCOM/PMP)

Diante das novas medidas de isolamento social para conter o avanço do coronavírus, o atendimento à população será alterado nas repartições da Prefeitura de Petrolina. Os serviços presenciais no prédio na prefeitura, bem como nos órgãos ligados à Administração Municipal estarão suspensos até o próximo dia 27, com exceção dos serviços essenciais.

Neste novo momento, o atendimento será realizado, exclusivamente, de forma virtual e uma das principais ferramentas utilizadas pela gestão para manter os serviços é a plataforma ‘Petro online’ disponível no site da prefeitura no link https://petrolina.pe.gov.br/petro-online/ .

No ambiente virtual é possível solicitar quase 250 serviços como comprovante de rendimentos, contracheques, ITBI, IPTU (parcelamento, prescrição), certidões, licença de construção, alvará, baixa de inscrição municipal, entre outros. Além da plataforma no site da prefeitura, os cidadãos também podem ter acesso através do aplicativo ‘1 Doc’ que está disponível para as versões android e IOS e pode ser baixado no link: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.a1doc.theioapp.

Atendimento via WhatsApp:

Além de poder solicitar atendimento através da plataforma e do aplicativo, o cidadão que desejar algum serviço junto à Secretaria Municipal da Fazenda, também pode solicitá-lo via WhatsApp no número (87) 99190-7667.

Já na Ouvidoria Municipal, o cidadão pode solicitar atendimento de segunda a sexta das 7h às 13h através dos números (87) 98844-2540; (87) 98834-7434; (87) 99802-0840 ou ainda pelo WhatsApp (87) 99190-7475.  Solicitações junto ao setor de Recursos Humanos (RH) podem ser feitas tanto através da plataforma e aplicativo quanto através do número de WhatsApp (87) 99645-6080 das 8h às 13h.

WhatsApp suspende contas de distribuição de mensagens do PT

Pelo menos 10 contas de distribuição de mensagens no WhatsApp que pertencem ao Partido dos Trabalhadores (PT) foram supostamente derrubadas sem nenhuma explicação, de acordo com a sigla.

O partido afirma que as contas, chamadas “Zap do PT”, eram mantidas para distribuição de notícias e conteúdos a filiados, e foram derrubadas desde o último dia 25.

A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, afirmou, de acordo com reportagem do G1, que procurou o Facebook, dono do WhatsApp, na última segunda-feira (6). A assessoria do partido informou nesta quarta (9) que a empresa ainda não respondeu ao pedido.

A reportagem do G1 procurou o WhatsApp, e a empresa respondeu que várias contas foram banidas por “disparos massivos”, sem citar quais, quantas e a quem pertenciam, e que não comenta casos específicos. Mas que sabe que entre essas contas havia alguma ligada ao partido porque o PT recorreu da decisão.

O partido diz que soube que os canais foram suspensos por meio de um e-mail padrão, após o bloqueio, onde o WhatsApp afirmava que houve “reclamações”.

O WhatsApp ainda afirmou, através de nota, que seus produtos “não foram projetados para enviar mensagens em massa ou automatizadas, que violam nossos termos de serviço”. E que “por meio de nossos avançados sistemas de aprendizado de máquina somos capazes de detectar essas práticas”.

WhatsApp suspende contas do PT por disparo de mensagens

12 contas do Partido dos Trabalhadores (PT) foram suspensas no aplicativo WhatsApp, pertencente ao Facebook. A empresa afirma que as contas violaram os termos de serviço e estariam operando de forma automatizada. O bloqueio aconteceu no último dia 25 de junho e somente ganhou repercussão nessa semana.

A direção do PT disse não ter sido oficialmente informada sobre a decisão, mesmo após quase 15 dias da decisão. Segundo o Extra, a assessoria do partido também entrou em contato com a empresa responsável pelo disparo das mensagens, mas ainda não obteve resposta.

O serviço

Os perfis eram gerenciados pela empresa Lead Whats – contratada há três meses – que em seu site oferecia o serviço de gestão e automatização do WhatsApp para Empresas. Na decisão de suspender as contas o WhatsApp informou que o aplicativo não foi projetado para enviar mensagens em massa.

Na quarta-feira (8) o Blog noticiou a suspensão de contas do Facebook ligadas aos ex-partido do atual presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), por disseminação de fake news.

Sicredi Vale do São Francisco começa a operacionalizar um novo sistema de pagamentos via WhatsApp Business

O Sistema Sicredi é um dos parceiros do Facebook Pay na realização de uma das mais surpreendentes transações financeiras feitas pelo celular: o envio e o recebimento de dinheiro pelo WhatsApp.

A novidade, que também vai permitir a compra de produtos oferecidos por empresas que utilizam o WhatsApp Business, passou a funcionar nessa segunda-feira (15), em todo Brasil e está disponível para pessoas físicas e pequenas empresas.

De acordo com o presidente do Sicredi Vale do São Francisco, Antônio Vinícius Ramalho Leite, a cooperativa de crédito que tem sede em Petrolina e atua em toda região, já começou a operacionalizar a nova opção de pagamento pelo aplicativo.

LEIA MAIS

WhatsApp: Deputado Fernando Filho alerta para tentativa de golpe usando seu nome

Mais um deputado se tornou vítima de tentativa de golpe pelo aplicativo WhatsApp. Nessa quanta-feira (27), Fernando Filho alertou amigos e seguidores sobre pessoas usando seu nome para conseguir cometer crimes pelo app.

“É um golpe para poder roubar o Whatsapp e a gente sabe que é para cometer todo tipo aí de ato criminoso”, alertou.

Segundo o parlamentar, são vários números com DDD de São Paulo ligando e enviando mensagens para seus contatos e seguidores das redes sociais.

“Isso já está acontecendo com outros parlamentares na Câmara e infelizmente desde ontem também alguns dos nossos seguidores têm recebido essa ligação e essa mensagem, isso por conta das lives que estamos fazendo todos os dias com as lideranças dos mais diversos  municípios”, disse.

Números de São Paulo têm ligado para várias pessoas seguidoras do parlamentar nas redes sociais pedindo para poder confirmar um número através de um link enviado por SMS. Fernando Filho pede para que  desconsiderem e avisem também aos demais contatos para evitar esta tentativa de golpe.

Veja vídeo:

WhatsApp limita envio de mensagens para tentar conter fake news durante pandemia do covid-19

A pandemia do novo coronavírus afetou também o funcionamento do WhatsApp. No começo da semana o aplicativo anunciou que limitará ainda mais o envio de mensagens durante essa época. Uma mensagem recebida por meio de encaminhamento só pode ser reencaminhada para uma única conversa por vez.

A medida, segundo o WhatsApp é para conter a disseminação de fake news durante a pandemia do covid-19. Soma-se a isso a nova política de controle das mensagens, adotada desde o final de 2019 pela empresa pertencente ao Facebook.

“Acreditamos que é importante desacelerar a disseminação de mensagens encaminhadas para que o WhatsApp continue sendo um espaço seguro para conversas pessoais“, destacou em um comunicado oficial.

123