Univasf realiza colação de grau antecipada do curso de Medicina

Trinta e dois estudantes de Medicina da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) colaram grau na tarde da última sexta-feira (24). A cerimônia de antecipação de colação de grau foi realizada com base na Medida Provisória Nº 934/2020 do Governo Federal e na Portaria Nº 383/2020 do Ministério da Educação (MEC) e aconteceu via web conferência pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), devido à suspensão das atividades presenciais na instituição desde o dia 19 de março, em virtude da pandemia do novo coronavírus.

A solenidade foi presidida pelo pró-reitor de Ensino, Manoel Messias, que concedeu o grau aos formandos. Também estiveram presentes a vice-coordenadora do Colegiado de Medicina do Campus Sede, Dinani Matoso Fialho de Oliveira Armstrong; o presidente da Comissão responsável pela elaboração, acompanhamento e monitoramento de ações de prevenção do Coronavírus – Covid-19, Anderson Armstrong; o pró-reitor de Extensão, Itamar Santos; e a estudante Eveline Cerqueira, que representou a 20ª turma de Medicina do Campus Sede a se formar. Após a solenidade, os formandos compareceram à Reitoria, em horários marcados, para assinar a ata de colação de grau.

A cerimônia de colação também contou com a participação a distância do reitor pro tempore, Paulo César Fagundes. Em seu discurso, ele destacou que, a partir de agora, os novos profissionais formados pela Univasf têm o relevante papel de atuar no combate à Covid-19 e devem ter sempre um olhar humano para o paciente.

“O mais importante é seu paciente. Tenham um olhar humano, protejam, cuidem, curem, superem as dificuldades que o sistema nos impõe, pois o mais importante na nossa profissão é o paciente. Lembrem destas palavras: amor, humildade e tolerância”, disse Fagundes, que é médico ortopedista e professor do Colegiado de Medicina, do Campus Sede.

Outros dez estudantes do curso deverão colar grau ainda nesta semana. Segundo a Reitoria, também está em fase de planejamento a colação de grau da turma de Medicina do Campus Paulo Afonso. A antecipação da colação de grau dos estudantes de Medicina tem o objetivo de contribuir para a ampliação do número de profissionais de saúde que atuam nas unidades hospitalares da região do Vale do São Francisco durante a pandemia da Covid-19. Esta é uma ação que integra as estratégias da gestão pro tempore da Univasf no enfrentamento à disseminação do novo coronavírus.

Deixe uma resposta