Vereador Ibamar Fernandes requere moção de repúdio a Marcondes Prazeres “Ele disse em alto e bom som que vereador não é nada”

monção repudio

O requerimento foi não foi aprovado por 7 x 5 e três abstenções

Nesta quinta-feira (02), na sessão da Câmara Municipal de Petrolina, o vereador Ibamar Fernandes (PRTB) colocou como requerimento de moção de repúdio ao secretário executivo do Centro Administrativo, Marcondes Prazeres. Segundo o vereador da oposição, o secretário estaria tendo ações de abuso de poder no Ceape.

De acordo com o Ibamar Fernandes,  o secretário acionou a Polícia Militar, afirmando que estavam roubando as lâmpadas, para que fosse retiradas as outras do Ceape. E o vereador ainda vociferou “eu queria que isso fosse lá na minha terra, lá em Cabrobó, que ele ia tomar uma camada de pau. Arrogante, prepotente, não respeita nem um pai de família ali do Ceape” afirmou.

O vereador José Batista da Gama (PDT), atacou mais uma vez o prefeito Julio Lossio (PMDB) “É pau mandado. Esse tipo de gente, se não fizer perde o emprego”, afirmando que o secretário estava sob ordens do prefeito.

Já o vereador Betão (PMDB), tentou acalmar os ânimos, afirmando que Marcondes Prazeres, recebeu a demanda e estava apenas cumprindo a função de zelar pelo local. “Qualquer movimento que fizer no Ceape, vai gerar essa polêmica (…) a explicação de Marcondes é que estavam roubando as luminárias e ele foi para preservar o patrimônio público”

Seguindo o embate na Câmara,  Ibamar ainda afirmou que Marcondes Prazeres ainda desrespeitou os vereadores. “Ele disse em alto e bom som que vereador não é nada. Pode não ser nada para ele, mas para Petrolina é. Quem não é nada é ele”.

O requerimento foi não foi aprovado por 7 x 5 e três abstenções.

Deixe uma resposta