Receita Federal libera sexto lote da restituição do Imposto de Renda 2019

Sexto lote começou a ser pago hoje (Foto: Agência Brasil)

A Receita Federal liberou hoje (18) o sexto lote de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2019. No lote ainda serão contempladas restituições residuais entre 2008 e 2018. Serão pagos R$ 2,1 bilhões a 1.365.366 contribuintes.

O pagamento é prioritário a idosos acima de 80 anos, seguidos dos de 60 a 79 e pessoas com algum tipo de deficiência física, mental ou doença grave. Para saber se tem direito ao benefício, a Receita orienta o contribuinte que faça a consulta no Receitafone (146) ou na internet.

Também é possível fazer a consulta no aplicativo da instituição. A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate dentro do prazo, deverá fazer requerimento por meio da internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no eCAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Receita Federal abre consulta ao sexto lote do Imposto de Renda

(Foto: Agência Brasil)

A Receita Federal abriu, nesta sexta-feira (8), em função do feriado de 15 de novembro, a consulta ao sexto lote de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2019. O lote de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

O crédito bancário para 1.365.366 contribuintes será realizado no dia 18 de novembro, totalizando o valor de R$ 2,1 bilhões. Desse total, R$ 207.186.130,72 são destinados a 5.270 idosos acima de 80 anos, 32.641 contribuintes entre 60 e 79 anos, 4.673 com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 16.408 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, no serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

LEIA MAIS

Juarez Canejo ganha homenagem póstuma em faculdade da região

Familiares de Juarez marcaram presença e se emocionaram (Foto: Ascom)

O empresário Juarez Canejo ganhou uma homenagem póstuma da Faculdade São Francisco de Juazeiro (FASJ). O publicitário que morreu no ano passado dá nome ao laboratório de TV e Fotografia da instituição. A solenidade de inauguração aconteceu ontem (1°), com a presença de familiares de Juarez.

Alunos, professores e amigos do publicitário também estiveram na inauguração. “Os alunos decidiram que para essa homenagem não poderia ter outro nome a não ser o de Juarez, por toda sua história em favor da comunicação regional. O pioneiro na área está, agora, eternizado na única e melhor faculdade de publicidade do Sertão do São Francisco e do Norte baiano“, destacou o coordenador do curso, professor Welington Junior.

As filhas Mariana e Lilian, além da viúva de Juarez, Betina marcaram presença na solenidade. “Agradecemos muito a homenagem ao nosso pai que foi um grande exemplo para nós e para todos da área da comunicação”, disse Mariana.

Receita libera 5º lote de restituição do Imposto de Renda

(Foto: Agência Brasil)

A Receita Federal liberou hoje (15) o pagamento das restituições do quinto lote do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). Esse lote inclui também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018. O dinheiro será depositado nas contas dos contribuintes.

2.703.715 pessoas totaliza receberão o crédito. De acordo com a Receita, 4.848 contribuintes idosos acima de 80 anos, 32.634 contribuintes entre 60 e 79 anos, 4.281 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou doença grave, e 17.056 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Caso o contribuinte não faça o resgate nesse prazo, deverá fazer requerimento por meio da internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Para saber se tem direito ao dinheiro desse lote, basta fazer a consulta na página da Receita na internet, pelo Receitafone 146, informando o CPF e a data de nascimento.

Receita libera consulta ao quinto lote de restituição nesta terça-feira

Contribuinte pode consultar site da Receita a partir das 9h

A partir das 9 horas desta terça-feira (8), estará disponível para consulta o quinto lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física  (IRPF) 2019. O lote de restituição inclui também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

O crédito bancário para 2.703.715 contribuintes será realizado no dia 15 de outubro, totalizando R$ 3,5 bilhões. Desse total, R$180.177.859,42 referem-se ao quantitativo de contribuintes com preferência: 4.848 contribuintes idosos acima de 80 anos, 32.634 contribuintes entre 60 e 79 anos, 4.281 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou doença grave, e 17.056 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

LEIA MAIS

Receita libera 4º lote do Imposto de Renda

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

A Receita Federal liberou hoje (16) o pagamento do 4º lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física 2019. O valor de R$ 3,5 bilhões será pago a 2.819.522 contribuintes, contemplando também lotes residuais entre 2008 e 2018.

O dinheiro será depositado nas contas dos contribuintes. Para saber se foi contemplado, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet, pelo Receitafone 146, informando o CPF e a data de nascimento. Caso o valor não tenha sido pago, é necessário ligar nos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) ou ir a uma agência do Banco do Brasil para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Os lotes de restituição são liberados mensalmente. O Fisco libera os pagamentos por ordem de chegada da declaração. Isso significa que quem entregou a declaração mais cedo recebe a restituição primeiro. A restituição ficará disponível no banco durante um ano.

Receita libera consulta ao 4º lote de restituição do Imposto de Renda

(Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

Os contribuintes já podem consultar o 4º lote da restituição do Imposto de Renda Pessoa Física 2019. A Receita Federal liberou hoje (9), às 9h quem receberá o crédito bancária que totaliza R$ 3,5 bilhões. O dinheiro será depositado na próxima segunda-feira (16).

2.819.522 contribuintes receberão o dinheiro em suas contas. Ainda de acordo com a Receita, o lote também contempla restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018. A consulta para saber se a declaração foi liberada pode ser feita acessando a página da Receita na internet.

O contribuinte também pode ligar para o Receitafone 146 e informar o CPF e a data de nascimento. Se estiver incluído no lote, a situação da declaração será “crédito enviado ao banco”. A restituição ficará disponível no banco durante um ano.

Consulta ao quarto lote do Imposto de Renda será aberta segunda-feira

(Foto: Internet)

A Receita Federal informou hoje (6) que a consulta ao quarto lote de restituições do Imposto de Renda 2019 será aberta na próxima segunda-feira (9), a partir das 9h. O quarto lote inclui também  restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018. Segundo a Receita, o dinheiro será depositado na conta do contribuinte no dia 16 deste mês. O crédito bancário será feito para 2.819.522 contribuintes, totalizando R$ 3,5 bilhões.

Para saber se a declaração foi liberada, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet ou ligar para o Receitafone (146) e informar o CPF e a data de nascimento. Caso tenha entrado no quarto lote, a situação da declaração será “crédito enviado ao banco”.

LEIA MAIS

Restituições do 3º lote do Imposto de Renda 2019 já estão disponíveis

(Foto: Agência Brasil)

A Receita Federal liberou nesta quinta-feira (15) as restituições do terceiro lote do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2019. Segundo o Fisco, estão sendo liberados R$ 3,8 bilhões a 2.978.614 contribuintes. O lote contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone, 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistência de dados identificada pelo processamento.

LEIA MAIS

Receita Federal abre consulta a terceiro lote de restituição do Imposto de Renda

Os contribuintes já podem consultar se estão no terceiro lote de restituição de Imposto de Renda (IR). O lote contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

O crédito bancário para mais de 2,978 milhões de contribuintes será feito no próximo dia, somando R$ 3,8 bilhões. Desse total, R$ 298,493 milhões são para contribuintes com prioridade: 7.532 idosos acima de 80 anos, 44.062 entre 60 e 79 anos, 6.888 com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 24.513 contribuintes cuja maior fonte de renda é o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone: 146.

Receita Federal abre consulta a lote de restituição do Imposto de Renda nesta quinta

(Foto: Agência Brasil)

A partir das 9h desta quinta-feira (8), os contribuintes poderão consultar se estão no terceiro lote de restituição de Imposto de Renda. O lote de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

O crédito bancário para mais de 2,978 milhões contribuintes será realizado no dia 15 de agosto, totalizando o valor de R$ 3,8 bilhões. Desse total, R$ 298,493 milhões são para contribuintes com prioridade: 7.532 idosos acima de 80 anos, 44.062 entre 60 e 79 anos, 6.888 com alguma deficiência física ou mental ou doença grave, e 24.513 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet, ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

LEIA MAIS

Receita começa a pagar 2º lote da restituição do Imposto de Renda

(Foto: Arquivo)

A Receita Federal começa a pagar hoje (15) o segundo lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2019, que também contempla restituições de 2008 a 2018. De acordo com o órgão serão depositados R$ 5 bilhões para 3.164.229 contribuintes.

R$2.362.514.597,42 serão pagos a 15.489 contribuintes idosos acima de 80 anos, 197.895 contribuintes entre 60 e 79 anos, 24.793 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, e 1.251.906 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

O contribuinte pode fazer a consulta e saber se teve a declaração liberada através dos seguintes canais: site da Receita Federal, ligar para o Receitafone (146) ou via aplicativo para tablets e smartphones. O dinheiro será depositado nas contas informadas na declaração.

Receita libera consulta ao 2º lote da restituição do Imposto de Renda

(Foto: Reprodução/Internet)

Desde às 9h dessa segunda-feira (8) a Receita Federal liberou a consulta ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física de 2019. Serão creditados R$ 5 bilhões, dos quais R$ 2,36 bilhões serão pagos a idosos, pessoas com deficiência e contribuintes cuja maior fonte de renda venha do ensino.

A previsão é que o pagamento seja realizado para 3,16 milhões de contribuintes já na próxima segunda-feira (15). A Receita também pagará restituições residuais entre 2008 e 2018, para quem caiu na malha fina nesse período.

Para saber se tem direito à restituição o contribuinte pode entrar no site da Receita, ligar para o Receita Fone (146) ou utilizar o aplicativo em smartphone.

Receita começa a pagar restituições do Imposto de Renda

(Foto: Agência Brasil)

A Receita Federal começou a pagar hoje (17) as restituições do Imposto de Renda Pessoa Física 2019. R$ 5,1 bilhões serão depositados nas contas de 2.573. 186 contribuintes. No primeiro lote, segundo o Leão, serão contemplados idosos acima de 80 anos, pessoas entre 60 e 79 anos e cidadãos com deficiência física ou mental ou moléstia grave.

Ao todo, serão desembolsados R$ 4,99 bilhões, do lote deste ano, a 2.551.099 contribuintes. A Receita também pagará R$ 109,6 milhões a 20.087 mil contribuintes que fizeram a declaração entre 2008 e 2018, mas estavam caíram na malha fina.

O dinheiro será depositado nas contas informadas na declaração e ficará disponível por um ano. O contribuinte que não receber a restituição deverá ir a qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para os telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para ter acesso ao pagamento.

Consulta a 1º lote de restituição do Imposto de Renda será liberada na segunda-feira

(Foto: Reprodução/Internet)

A consulta ao primeiro lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) será liberada na próxima segunda-feira (10), a partir das 9h. De acordo com a Receita Federal, o lote contempla restituições não apenas de 2019, mas entre 2008 e 2018.

2.573 milhões de contribuintes terão direito à restituição que será creditada no dia 17 de junho, totalizando R$ 5,1 bilhões, afirma a Receita. Nesse primeiro lote estão contemplados os contribuintes idosos e com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

A restituição tem correção de 1,54% relativo à taxa Selic de maio a junho de 2019. O contribuinte pode verificar se a declaração está liberada através do site da Receita, do número 156 ou do aplicativo para smartphone.

123