SINDSEMP apresenta contraproposta referente reajuste de 5% para servidores das categorias de leis específicas

(Foto: ASCOM)

O Sindicato dos servidores Municipais de Petrolina (SINDSEMP), e representantes das Associações das categorias de Leis específicas se reuniram na tarde desta segunda-feira (10), com a Secretária de Gestão Administrativa, Luiza Leão, a Secretária de Saúde, Magnilde Albuquerque e o Controlador Geral, Romero Borja, para apresentar contraproposta do reajuste salarial de 5%, o que não atende a reinvindicação do sindicato, que é no mínimo a reposição inflacionária.

Na oportunidade, o sindicato solicitou a prestação de esclarecimento sobre a proposta do Executivo, de reajuste dos 5% sobre o salário base, levando em consideração a condição igualitária perante os demais servidores, no que diz respeito a reposição inflacionária.

O SINDSEMP estava representado pelo presidente Walber Lins, o Diretor de Políticas Sindicais, Edson Santos e o Diretor Financeiro, Juvênio Barbosa, levou ainda à mesa de negociação temas relevantes a exemplo da gratificação de difícil acesso dos servidores da saúde e dos secretários escolares, atraso de vale transportes, a necessidade de concurso público, a situação de formação permanente e de receita, inclusive a implacabilidade do Plano Plurianual (PPA) e Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2018 (LDO).

LEIA MAIS

SINDSEMP realiza a Ressaca do São João 2017 dos Servidores Municipais de Petrolina

(Foto: ASCOM)

A tarde deste domingo (9), foi de muita animação no Clube de Campo SINDSEMP, com a Ressaca do São João! A festa realizada pela diretoria do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina reuniu servidores municipais e familiares, que ao som de Manoel da Paixão se divertiram comemorando o São João do servidor.

Para o Diretor de Esporte, Cultura e Lazer, Ernui Dantas, é muito gratificante ver o servidor participando dos eventos que são programados para eles. “As famílias participam, e é muito bom ver o servidor vindo para o clube. Essa é a nossa intenção, o espaço é deles, e a gente espera que o ano que vem seja melhor anda”, completou.

Para o presidente Walber Lins a avaliação foi mais que positiva, levando em consideração que o servidor participe com sua família e confraternize com os amigos.

LEIA MAIS

Secretaria de Educação e Sindicato avançam em pautas em favor do servidor

(Foto: ASCOM)

Cumprindo seu compromisso em receber regulamente a representação sindical dos profissionais em Educação, a secretária da pasta em Petrolina, Maéve Melo, esteve reunida nesta quinta-feira (22), com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindsemp); a Associação dos Professores e representes de outras categorias do setor para encaminhar demandas e encontrar soluções para os anseios dos servidores.  O encontro aconteceu no gabinete da secretária.

Na pauta da reunião, questões referentes ao recesso escolar; a condição salarial dos secretários escolares; a nova normatização dos professores readaptados; a nomenclatura dos professores alfabetizadores e informações sobre o precatório do Fundeb. De acordo com Inês Silva, vice-presidente do Sindsemp, o encontro foi bastante proveitoso.

“Essa é mais uma reunião de tantas outras que temos com a secretária. Sentar para tratar com alguém que entende, que vive a educação, que conhece a Rede é muito importante. Saímos entusiasmados. Percebemos a boa intenção de Maéve em nos ouvir, a apontar saídas e soluções. Assim,  ganha o município, ganha a luta sindical e ganha toda sociedade”, frisou.

LEIA MAIS

Servidores do SUAS de Juazeiro participam de capacitação

(Foto: ASCOM)

Servidores da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDIS)  de Juazeiro (BA) que atuam com o Sistema Único de Assistência Social (SUAS) passaram por capacitação de dois dias nesta última semana visando a otimizar os serviços e consequentemente o atendimento ao público. Profissionais dos CRAS, Centro POP, Casas de Acolhimento, CIAM e CREAS participaram desse momento.

Psicológos, assistentes sociais, educadores sociais e equipe estratégica da secretaria puderam tirar suas dúvidas acerca do acompanhamento do Programa de Atenção Integral à Família (PAIF) e do Programa de Atendimento Especial à Família e Indivíduo (PAEFI). “Foi mais um momento de conhecimento e fortalecimento da política de assistência social”, afirmou a diretora de Proteção Especial, Fátima Carvalho

LEIA MAIS

SINDSEMP vai à Casa Plínio Amorim acompanhar a audiência pública com Secretária de Saúde de Petrolina.

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina e representantes das Associações de Categorias de Leis Específicas do município de Petrolina estiveram presentes na sessão desta quinta-feira (01), na Câmara de Vereadores, para acompanhar a audiência pública para prestação de contas do 1º quadriênio da Secretaria Municipal de saúde.

A secretária Magnilde Albuquerque expôs um diagnóstico da saúde de Petrolina, partindo da situação encontrada no início do mandato, considerada, pela atual gestão como caótica, e especificou todos os pontos administrativos, os desafios e avanços até o momento.

No momento dos questionamentos, apenas os parlamentares estavam autorizados a participar, e o vereador Paulo Valgueiro foi o porta-voz do SINDSEMP, com a pergunta do presidente Walber Lins, sobre o reajuste dos servidores não contemplados, assim como as gratificações propostas nas emendas da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) não cumpridas, tendo em vista a redução na folha de pagamento, em relação ao último quadrimestre, na ordem de R$ 678.148,30 (seiscentos e setenta e oito mil, cento e quarenta e oito reais e trinta centavos), o que deixa claro que tem recurso sobrando e que esse recurso de folha de pagamento de pessoal só pode ser destinado a este fim.

A secretária Magnilde, em sua resposta ao vereador Paulo Valgueiro, sobre o questionamento do sindicato, argumentou que a Secretaria de Administração e Fazenda e o SINDSEMP haviam acordado, em mesa de negociação, que estariam sentando no segundo semestre para discutir a possibilidade do reajuste, prazo que não foi aceito pela diretoria do sindicato, uma vez que o mesmo sempre procurou adiantar o processo dessa negociação, levando em consideração a data base de 1º de janeiro.

Servidores municipais passam a receber a partir deste dia 2 novo Cartão do Servidor

(Foto: ASCOM)

A partir desta sexta-feira (2), a Secretaria de Gestão de Pessoas de Juazeiro inicia um roteiro de distribuição dos novos Cartões do Servidor. A equipe estará nesta sexta-feira distribuindo os novos documentos junto os servidores da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte e da Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária – ADEAP.

O Cartão do Servidor foi instituído na gestão do ex-prefeito Isaac Carvalho e permanece na atual por ter a prerrogativa de uma política de parceria com empresas dos mais diversos ramos, com a finalidade de disponibilizar descontos ou condições vantajosas aos servidores públicos municipais e seus dependentes, na aquisição de produtos e serviços em diversos estabelecimentos comerciais fortalecendo dessa maneira o comércio local.

Para garantir o beneficio do desconto, o servidor precisa apresentar a carteira de identidade, o cartão do servidor e/ou contracheque atualizado no ato da compra.  

LEIA MAIS

Servidores municipais de categorias de lei específicas vão à Câmara de Vereadores buscar apoio em negociação de reajuste salarial

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Os servidores municipais de categorias de lei específica estiveram na sessão ordinária da Câmara Municipal de Petrolina, nessa terça-feira (16), para buscar o apoio dos parlamentares no processo de negociação do reajuste salarial.

As categorias não contempladas são médicos, dentista e enfermeiro do PSF, agente comunitário de saúde, agente de combate às endemias, auditor fiscal da fazenda, procurador do município, analista de controle interno, fiscal de transporte e agente de trânsito.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (Sindsemp), Walber Lins, aproximadamente 25% dos servidores não foram contemplados com o reajuste.

“Os servidores vieram à Casa Legislativa porque as categorias de lei específicas não foram contempladas na lei de reajuste dos servidores municipais. Cerca de 25% dos servidores ainda não foram contemplados. Apesar de resguardar os serviços essenciais de segurança e saúde, nós estamos reunidos aqui com uma parte desses servidores para requerer a mediação para termos avanço nas negociações. Isso é um direito constitucional e, infelizmente, o Poder Executivo está ferindo esse direito”.

LEIA MAIS

Projeto de lei que prevê reajuste salarial de servidores da Facape pode ser votado hoje na Câmara de Vereadores de Petrolina

(Foto: Arquivo)

Os vereadores de Petrolina (PE) podem votar nesta terça-feira (16) o reajuste salarial dos servidores da Autarquia Fundacional do Vale do São Francisco – AEVSF/FACAPE.

O projeto de lei prevê um aumento de 10,54% e tem por base o reajuste no menor dos índices governamentais. Além disso, a matéria deve ser votada em caráter de urgência.

Petrolina: Servidores Municipais não contemplados com reajuste salarial deflagram paralisação

(Foto: ASCOM)

Após a realização de uma Assembleia Extraordinária Setorial, os Servidores Municipais das categorias de leis específicas, não contemplados com o reajuste salarial, vão deflagar, nesta terça-feira (16), uma paralisação de 24 horas.

A Prefeitura Municipal, a Secretaria de Gestão Administrativa, a Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA) e a Secretaria de Saúde foram notificadas sobre a mobilização pelo SINDSEMP, na última sexta-feira (13).

Os servidores vão à Câmara de Vereadores a partir das 8h para tentar sensibilizar o Poder Executivo para a situação dos 25% de servidores que não receberam a reposição inflacionária, ficando com 0% de reajuste.

De acordo com o sindicato, a gestão municipal não apresentou nenhuma proposta para as Categorias de Leis Específicas, mesmo após algumas discussões sobre a viabilidade, já que os impactos financeiros causados ao município com o pagamento do reajuste, estão dentro da margem de receitas.

SINDSEMP realiza assembleia com Servidores das Categorias de Leis Específicas

(Foto: ASCOM)

O Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (SINDSEMP), realizou na manhã dessa sexta-feira (5), no auditório do Hotel Grande Rio, a Assembleia Extraordinária Setorial com os servidores das categorias de Leis específicas. O objetivo da assembleia foi repassar aos servidores o teor da última reunião com a secretária de Gestão Administrativa de Petrolina, ocorrida em 26 de abril na sede do IGEPREV.

Na oportunidade, a secretária Luiza leão informou que o município estaria sem viabilidade econômica para efetuar o reajuste das categorias de Leis específicas neste primeiro semestre, alegando que a dificuldade da negociação é referente ao impacto na folha, com o pagamento retroativo do reajuste dado aos 75% dos servidores das categorias de base elementar, superior e médio.

Para o presidente do SINDSEMP, Walber Lins, a mesa de negociação, que o Executivo afirma estar aberta, não está tendo resultado, uma vez que não existe proposta para o reajuste do servidor. “Pena que o Executivo Municipal não nos trouxe nenhuma proposta, pena que não avançou na negociação, pena que ele diz que a negociação está aberta, mas sem proposição, sem nenhum avanço, isso pra mim e para as categorias não é negociação, isso pra mim é travar a negociação”, afirmou.

Diante da situação, os servidores participaram positivamente, aderindo às mobilizações programadas em pleito, na busca pelos seus direitos.

Sindsemp convoca servidores para Assembleia Extraordinária Setorial nesta sexta

O Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (Sindsemp) está convocando todos os servidores públicos da cidade para participarem, nesta sexta-feira (5), de uma Assembleia Extraordinária Setorial.

Durante a assembleia serão discutidos informes gerais, além da campanha salarial. O encontro está marcado para as 8h, no auditório do Hotel Grande Rio.

Recadastramento da Prefeitura de Petrolina atinge quase 95% dos servidores

(Foto: Arquivo)

Encerrado na última quarta-feira (19), o recadastramento de servidores ativos efetivos da Prefeitura de Petrolina alcançou a meta prevista, atingindo um alto índice, com o total de quase 95% dos 3.758 convocados. Ao todo, 3.558 servidores compareceram, faltando apenas 200.

Iniciada em março, a ação teve como objetivo validar os locais e jornada de trabalho dos servidores, a fim de operacionalizar o sistema de recursos humanos do município. Além de balizar informações importantes para os novos gestores da Administração, o recadastramento vai identificar a existência de possíveis não conformidades, a exemplo do acúmulo indevido de cargos e a incompatibilidade de horários de trabalho.

A servidora municipal Eva Britto elogiou o processo. “Não tive nenhuma dificuldade para fazer o recadastramento, foi simples, rápido e fácil,”, disse. O servidor Ronnie Van compartilhou da mesma opinião. “Não encontrei nenhum problema, em menos de 10 minutos consegui fazer o recadastramento”, comentou. Ambos destacaram a importância do processo para a Administração do município.

LEIA MAIS

Prefeito Miguel Coelho sanciona reajuste dos servidores municipais de Petrolina

O processo de negociação continua para poucas categorias, regidas por leis específicas. (Foto: Internet)

O prefeito Miguel Coelho sancionou, na noite dessa quinta-feira (20), o projeto de lei de reajuste salarial para a categoria. A proposta foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Vereadores na sessão dessa quinta. O percentual de aumento foi de 7,45% para os servidores de nível elementar e 6,29% para os servidores de níveis médio e superior.

Segundo a secretária de Gestão Administrativa, Luiza Leão, o Projeto de Lei 011/2017 contempla mais de 75% dos servidores municipais. “O novo valor já será repassado no mês de abril, retroativo a janeiro deste ano. Mais uma vez, a gestão do prefeito Miguel Coelho demonstra seu compromisso em valorizar os servidores municipais”, afirmou.

O processo de negociação continua para poucas categorias, regidas por leis específicas. Já na educação, por exemplo, a novidade foi a implantação do difícil acesso para os secretários escolares. Para os profissionais do magistério, o aumento chegou a 7,64%. O prefeito Miguel ressalta que, mesmo em período de crise, Petrolina concede um reajuste até maior que muitos municípios brasileiros.

“Mesmo diante de uma crise que atinge todas as cidades do país, conseguimos prever esse reajuste, resultado de muito planejamento e de um diálogo aberto com os servidores e o Sindsemp, honrando os compromissos com seriedade e valorizando aqueles que são a essência da administração municipal”, destacou o prefeito.

123