Em cima da notícia

Durma com um barulho desse

A presidente Dillma Rousseff  mais do que triplicou o valor das prestações do Minha Casa Minha Vida, mas os aumentos só passarão a vigorar quando Michel Temer estiver na presidência. A estratégia (mesquinha) está numa carta que o governo federal mandou aos prefeitos informando que a partir de 01/07/2016, os empreendimentos Faixa 1 com prestação mínima atual passarão de R$ 25,00  para  R$ 80,00 e os com a prestação máxima atual R$ 80,00 passarão para R$ 270,00.

JulioLossio e o caso Beatriz

Cobrado para se pronunciar por manifestantes do caso Beatriz, o prefeito de Petrolina Julio Lossio afirmou que não está calado, apenas não que dar publicidade ao que tem feito no sentido de apoiar na elucidação do crime. “Eu não vou ficar fazendo publicidade tirando foto que fui visitar uma família, tirando foto e divulgando as conversas que eu tive com o Governador, com o secretário de Segurança Pública, porque eu penso que esse é um momento de muita dor, de muito sofrimento, e eu não quero ter nenhum ganho político com isso”, disse.

Votou ou não votou?

O vereador Manoel da Acosap deixou seu colega Zenildo Nunes em maus lençóis ao afirmar que ele votou contra o projeto dos R$ 30 milhões, autorizando o município a realizar a pavimentação de muitas ruas em Petrolina.  Manoel não gostou dos requerimentos apresentados por Zenildo cobrando melhorias para Rajada e disparou “Vossa excelência votou contra, eu tenho a votação o senhor votou contra”. Zenildo disse que Manoel estava faltando com a verdade, pois votou a favor do empréstimo.

Odacy-Amorim-foto-AlepeEsposa de Odacy na vice

Ao participar da audiência pública que discutiu a situação do matadouro de Petrolina o deputado Adalberto Cavalcanti afirmou ter procurado o deputado Odacy Amorim, juntamente com Isabel Cristina, para oferecer a vaga de vice para sua esposa Dulcicleide Amorim. Odacy teria dito que não tem acordo, pois não abre mão de sua candidatura a prefeito.

O ciúme

O governador Paulo Câmara está com uma pulga atrás da orelha com a possibilidade do deputado Fernando Filho assumir o Ministério da Integração Nacional, cargo que já foi ocupado pelo seu pai senador Fernando Bezerra Coelho. A preocupação de Câmara é que com essa decisão FBC ganhe mais força para disputar o palácio do Campo das Princesas em 2018.

Fernandinho pode não ser o ministro

O jornalista informou nesta segunda-feira (9), está indefinido o nome do PSB para o provável Governo Michel Temer. Tudo caminhava para o líder do partido na Câmara, o pernambucano Fernando Bezerra Filho, mas na última sexta-feira o senador José Rocha, integrante da bancada do partido no Senado, esteve com Michel Temer e defendeu dois ministérios para a legenda, o que dificilmente será atendido. Neste caso, Rocha passou a dividir com Fernando Filho a indicação do partido para o Ministério da Integração.

JÚLIO E GUILHERMENão duvide

Se Guilherme Coelho for mesmo o candidato de Júlio Lossio a prefeito de Petrolina nas próximas eleições. Com isso Julio estaria fazendo um grande gesto com a família de Osvaldo Coelho, a quem sempre se refere em suas falas como padrinho político, e ainda poderia emplacar um candidato a vice do PMDB. Pronto, a cartada certa para sair bem na fita, caso contrário…..

CURTAS

Comenta-se que se depender do deputado Gonzaga Patriota o líder do seu partido Fernando Filho assumirá sim o Ministério da Integração. Gonzaga estaria sendo um dos maiores defensores para que isso ocorra. Não entendo, para prefeito de Petrolina Patriota diz que não apoio filho de Fernando Bezerra e para ministro apoia, qual a diferença?

O presidente da Câmara Municipal de Petrolina Osório Siqueira agora está comandando a Casa com pulso forte, se não tem vereador em plenário, não pensa duas vezes, encerra a sessão.

 A Paróquia Santuário Santa Rita de Cássia é uma das mais conhecidas em Petrolina. Nesta quinta-feira (12), terá um momento especial. Fiéis da igreja católica do bairro Gercino Coelho iniciarão os festejos à padroeira com o novenário 2016 e o tema “Com Santa Rita de Cássia, Vivenciando a Misericórdia Divina”.

A Secretaria de Serviços Públicos (Sesp) de Juazeiro destinou desde o inicio da semana passada uma equipe específica para atuar no turno da noite com o objetivo de melhorar a iluminação pública nos bairros, as solicitações podem ser feitas  pelo telefone 3612-5411.

 

Temer disponibiliza ministérios para se fortalecer na Câmara

Sem Cunha na Câmara Temer oferta cargos para se fortalecer

O vice-presidente Michel Temer (PMDB) intensificou a distribuição dos ministérios entre os principais partidos que devem dar sustentabilidade ao possível novo governo no Congresso. Temer concentrou as investidas nas quatro maiores bancadas com que pretende trabalhar na Casa: PMDB, PSDB, PP e PR.

Somadas, essas bancadas têm 206 votos e, para o vice, devem ser o eixo de sustentação de seu governo, ainda mais após o afastamento do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), com o qual Temer contava para aprovar as medidas econômicas que pretende enviar ao Legislativo.

O primeiro passo dado pelo vice foi a confirmação do deputado Mauricio Quintella Lessa (PR-AL) no comando do Ministério dos Transportes, que tem sob o guarda-chuva empresas públicas e autarquias do porte do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A.

Os acertos foram feitos em encontros realizados entre Temer e o deputado no Palácio do Jaburu, residência oficial da Vice-Presidência. O vice questionou a possibilidade de não fundir a pasta com a Aviação Civil. Mas o deputado disse que via dificuldades em abrir mão, uma vez que a pasta, que deve virar secretaria, vinha sendo negociada desde o início das conversas com o partido.

O pedido de Temer à Quintella Lessa foi feito em meio à pressão do PMDB da Câmara que também reivindica o comando da Aviação Civil. A bancada peemedebista conseguiu, contudo, emplacar o nome do atual líder, deputado Leonardo Picciani (RJ), para o Ministério do Esporte. A pasta é considerada estratégica para o PMDB fluminense em razão da Olimpíada do Rio, neste ano.

A negociação foi feita entre o vice e o deputado estadual Jorge Picciani, presidente da Assembleia Legislativa do Estado e pai de Leonardo.

A ideia inicial era indicar o deputado federal licenciado Marco Antônio Cabral para o cargo. Filho do ex-governador do Rio Sérgio Cabral, o nome de Marco Antônio enfrentou resistência entre membros da bancada do PMDB na Câmara, por ele ser “muito novo”. Atualmente, Marco Antônio ocupa o cargo de Secretário do Esporte no governo do Estado do Rio.

O PMDB da Câmara dos Deputados deve assegurar ainda a indicação do deputado Osmar Terra (RS) para o Ministério de Desenvolvimento Social.

A ida de Leonardo Picciani para os Esportes, por outro lado, deve ser foco de novos problemas para Temer. Parte da bancada defende uma nova eleição interna para definir o novo líder em vez de manter no posto o primeiro-vice-líder, Leonardo Quintão (MG).

 Com informações Estadão

 

PSC manifesta apoio ao governo Isaac Carvalho

Reunião PSC Isaac

Em reunião realizada no inicio da noite desta sexta-feira (1) o prefeito Isaac Carvalho, acompanhado pelo secretário de Governo Paulo Bonfim, recebeu a visita de uma comitiva formada por membros do Partido Social Cristão (PSC), tendo à frente o presidente da sigla, o médico e jornalista Paganini Nobre Mota.

O encontro teve como objetivo firmar o alinhamento político do PSC com o PC do B e firmar apoio à gestão do prefeito Isaac Carvalho, juntando-se à base dos partidos governistas formada também pelo PT, PR, PSD, PSL, PP, PROS e PRB. “Nosso partido tem se firmado no Brasil, na Bahia e aqui em Juazeiro. Já vínhamos conversando sobre essa possibilidade e sentimos que o momento era ideal para fecharmos essa aliança, pois queremos fortalecer o PSC nas próximas eleições e com isso também poder colaborar com esse projeto político já consolidado sob a liderança de Isaac”, explicou.

Para Paulo Bomfim, a chegada do PSC fortalece ainda mais o governo municipal. “Esse é um namoro antigo que agora se concretiza demonstrando o quanto este projeto liderado por Isaac é qualificado para continuar promovendo o desenvolvimento de Juazeiro”, frisou.

Também participaram da reunião os pastores Ademar Neto e Roberto Alves, além do secretário do partido, Nilson Costa.

Remanso: pré-candidato a prefeito Zé Filho recebe poio do empresário Charles Ribeiro

Zé Filho - Remanso

A pré-candidatura do ex-prefeito Zé Filho (PSD) na cidade de Remanso-BA, ganha mais apoio importante, desta do empresário Charles Ribeiro.

De acordo com o empresário o apoio a Zé Filho é em reconhecimento ao trabalho já realizado por ele no município e que tem certeza que voltando a prefeitura irá fazer muito mais. “Somos todos Zé Filho”, afirmou.

Com informações do portal Remanso News.

Artesãs são homenageadas pela Codevasf

Artesas 1

Neste sábado é comemorado também o Dia do Artesão, profissional que transforma e dá vida a variadas matérias-primas como palha, cerâmica, bordado, renda, entre outras. A produção artesanal é uma importante manifestação da cultura popular e principal fonte de renda para muitas famílias do nosso país.

Em Alagoas, produtoras da Associação dos Artesãos em Couro de Tilápia (AACT), localizada no município de Piranhas, vivem do artesanato produzido a partir do couro de titápia. Nas mãos das produtoras, a cultura popular ganha vida e se transforma em diversas peças que são comercializadas na região.

Bolsas, sandálias, cintos, carteiras, capa para agendas e bijouterias, são algumas das peças produzidas no município. Gilvaneide Correia dos Anjos é presidente da associação, que reúne seis mulheres e dois homem. Ela explica como funciona o trabalho desenvolvido pelos artesãos.

“Nós aprendemos essa técnica, há 8 anos, em um curso promovido pela prefeitura e pelo Sebrae. Nós compramos o couro da tilápia, in natura, de associações e cooperativas de pequenos piscicultores daqui da região. Nós fazemos todo o processo de curtimento com tintura vegetal e depois elaboramos as peças que vendemos em feiras de artesanato de Alagoas e Sergipe”, explica.

De acordo com a artesã as peças possuem inspiração sertaneja, como o cangaço, as flores do sertão e o rio São Francisco. Recentemente, as artesãs foram assistidas pela Codevasf com equipamentos que facilitaram o trabalho das produtoras.

“Nós recebemos da Codevasf duas máquinas que nós usamos muito. Nós até já temos uma, mas não é da mesma potência dessa que ganhamos da Codevasf. Nossa expectativa é de melhorar a cada dia o nosso trabalho”, ressalta.

Em Sergipe, os produtores da Associação de Artesanato e Apicultura dos Povoados Tigre e Junça, em Pacatuba, também são assistidos por projetos da Codevasf direcionados para a apicultura. Além do mel e do pólem, eles produzem bolsas, tapetes, chapéu, jogo americano, portas moedas e pufes que são vendidos em eventos de artesanato e na própria região.

Entre as ações promovidas pela empresa em sua área de atuação estão: o fornecimento de equipamentos, apoio na comercialização dos produtos como a participação em feiras e eventos e por meio de capacitação. Já foram beneficiadas artesãs dos estados da Bahia, Sergipe, Minas Gerais, Pernambuco, Alagoas, Piauí e Maranhão.

Cuba manifesta apoio a Lula, a Dilma e ao PT diante de “ataques injustificáveis”

brasil e cuba

Cuba manifestou seu apoio ao líder do Partido dos Trabalhadores e ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e à presidenta do país, Dilma Rousseff, considerando que ambos são alvo de ações judiciais e parlamentares “injustificáveis e desproporcionais”.

“A indigna manipulação da luta contra a corrupção tem o objetivo de desacreditar e criminalizar um líder emblemático da América [Lula] e desqualificar uma das organizações políticas [PT] mais combativas da região”, diz uma declaração, divulgada no domingo (6), pela diplomacia cubana.

Lula, que governou o Brasil entre 2003 e 2010, tornou-se, na sexta-feira (4), o novo alvo da maior investigação por corrupção na história do Brasil, a Operação Lava Jato, após ter sido levado pela Polícia Federal de sua casa para prestar declarações pelo seu suposto envolvimento no escândalo de desvio de recursos da Petrobras.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros cubano disse ainda que o ataque contra a Constituição e a democracia no Brasil também visa a “derrubar o legítimo governo da presidenta Dilma Rousseff e liquidar o processo progressista regional”.

“Com estes métodos sujos, setores dos aparelhos policiais, legislativos e judiciários de alguns Estados da nossa região, em estreita aliança com grupos transnacionais da comunicação, as oligarquias e o imperialismo, pretendem impor, por via da força, pessoas que não foram capazes de vencer as eleições nas urnas”, acrescenta.

Na declaração, o Ministério dos Negócios Estrangeiros diz ainda que Cuba “não tem dúvidas de que a verdade abrirá caminho e que o povo trabalhador do Brasil vai se mobilizar em sua defesa, assim como na salvaguarda dos avanços políticos e sociais conquistados pelos governos do Partido dos Trabalhadores”.

Programa Anjo da Guarda em Petrolina ganha reforço do Instituto Alfa e Beto

lossio alfa

O Prefeito Julio Lossio esteve reunindo, nesta quarta-feira (24), com o presidente do Instituto Alfa e Beto, João Batista para juntos definir a parceria que vai dar início a atuação do Programa Anjo da Guarda em Petrolina. “Já conhecemos a metodologia e o trabalho do Alfa & Beto e essa parceria sem dúvidas vai fortalecer ainda mais o Programa Anjo da Guarda no Município”, assegurou.

O Anjo da Guarda é uma iniciativa do município de Petrolina, que constitui um elo entre a assistência pré-natal e assistência ao parto, com grande potencial de intervenção na vinculação da gestante. Segundo o prefeito uma equipe da Secretaria de Saúde e dos CRAS municipais vão atuar na orientação as famílias em casos onde houver riscos à saúde da gestante ou do bebê.

O referido programa se divide em três eixos: Consultas de pré-natal, Atendimento e/ou Locomoção e Monitoramento. O prefeito Julio Lossio salienta que o Programa Anjo da Guarda não substitui a assistência operacionalizada pelas equipes de saúde, pelo SAMU 192 ou pelo pré-natal, mas se configura como apoio para o fortalecimento do vínculo e da vigilância.

“ É fundamental que a gestante inicie seu pré-natal no primeiro trimestre e compareçam as unidades de saúde de referência para cumprimento do protocolo de consultas e exames preconizados pelo Ministério da Saúde”, expôs.

Pais de Beatriz pedem apoio a Presidenta Dilma para solucionar o caso da morte da filha

Dilma e Pais de Betriz em Juazeiro

Nesta sexta-feira, 19, durante visita da Presidenta Dilma Rousseff (PT) a Juazeiro o prefeito Isaac Carvalho (PC do B) mediou um encontro dos pais da menina Beatriz Motta, brutalmente assassinada no colégio Auxiliadora em Petrolina no dia 10 de dezembro 2015.

Há cerca de um mês, o prefeito Isaac enviou ofício ao Ministro da Justiça requisitando o apoio da Polícia Federal no caso. Durante o encontro, a presidente Dilma ouviu o apelo dos pais e abraçou a mãe de Beatriz, Lúcia Motta, num gesto de carinho.

Dilma se comprometeu em fortalecer o pedido ao Ministro Eduardo Cardoso para dar maior celeridade à resposta da solicitação de apoio da Polícia Federal. “Acreditamos que as coisas possam se encaminhar de modo mais rápido, a partir desse encontro com a presidente, que foi muito solidária, pois é mãe, avó, que batalhou pela democracia e tem o desejo de Justiça”, declarou Isaac Carvalho.

Perguntado sobre esta intervenção feita pelo prefeito Isaac, o pai de Beatriz, o professor Sandro Motta, agradeceu o apoio dado pelos seus conterrâneos, principalmente ao prefeito Isaac, por se mostrar interessado em solucionar o caso.

 “É um clamor social muito grande. O prefeito vem acompanhando o caso desde o início. Ele hoje nos abre esta oportunidade de entregar tanto um documento quanto de conversar pessoalmente com a presidente. Eu só tenho a agradecer”, disse emocionado.

Governadores pedem que União autorize operações de crédito pelos estados

Governadores cobram mais investimentos dos governos

O ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, recebeu hoje (28) em Brasília os governadores de Tocantins, Distrito Federal, Minas Gerais, Bahia, São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Goiás, Pernambuco e Piauí, além do vice-governador do Maranhão. O grupo levou uma pauta concisa com ponto referentes à relação dos estados e municípios com o governo federal e que podem impactar na melhora da situação econômica dos entes federados.

O principal ponto tratado com o ministro pelos governadores foi o pedido para que o governo federal volte a autorizar operações de crédito pelos estados. Segundo o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), os estados até têm condições fiscais de contrair empréstimos com bancos internacionais. Não estão conseguindo porque dependem de autorização do governo federal. “O primeiro e principal ponto foi a questão das operações de crédito. Nós passamos este ano inteiro com capacidade de contrair crédito, sem autorização”, explicou.

De acordo com Alckmin, foi solicitada também a criação de um fundo garantidor para que os estados e municípios possam firmar parcerias público-privadas (PPPs). “Os estados querem fazer as PPPs. Isso é bom, é investimento na veia. Agora, precisa ter crédito e isso não se faz em 24 horas, às vezes leva mais de um ano”, disse.

Outra reivindicação dos governadores foi em relação à dívida dos estados. O Congresso Nacional aprovou uma nova lei que autoriza a redução dos juros cobrados pela União sobre a dívida dos entes federados, mas o assunto ainda precisa de regulamentação do governo federal. Ao fim da reunião, o grupo ouviu do ministro Nelson Barbosa a promessa de que o assunto será resolvido já em janeiro. “O ministro colocou que nos próximos dias o governo regulamentará a lei aprovada no Congresso Nacional que modifica os indexadores, e isso vai modificar tanto o estoque, quanto o fluxo da dívida dos estados”, disse o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg.

Planos de saúde

Outro assunto que preocupa os governadores é o financiamento da saúde pública. Eles pediram ao ministro que a União delegue aos estados e municípios a prerrogativa de cobrar dos planos de saúde os atendimentos oferecidos na rede pública a pessoas conveniadas. Segundo o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, cerca de 30% das pessoas atendidas nos hospitais públicos têm plano de saúde.

“Com essa crise econômica, as pessoas estão com dificuldade de pagar seus planos de saúde e cada vez mais se socorrem na rede pública – tanto das prefeituras, quanto dos hospitais estaduais. E isso está nos sobrecarregando muito em um momento em que estamos com queda de receita, ainda mais com queda de repasses para a saúde. Então se a gente puder fazer essa cobrança dos planos de saúde – que hoje é feita pelo governo federal, mas não é feita fortemente –, passar essa cobrança para os estados e municípios, pode ser uma nova fonte de receitas”, disse. (Fonte: EBC).

1234