Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Compesa emite nota sobre esgoto estourado no Jardim Petrópolis

Na manhã desta quarta-feira (6) o Blog Waldiney Passos publicou uma matéria sobre um esgoto estourado na Rua 12, no bairro Jardim Petrópolis em Petrolina (PE). De acordo com os moradores que denunciaram a situação, o problema de esgotamento sanitário já afeta sete ruas da localidade.

LEIA TAMBÉM: 

Esgoto se mistura com água da chuva e invade casas no bairro Jardim Petrópolis 

Diante da denúncia, o Blog entrou em contato com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) para saber quais providências seriam tomadas. Por meio de nota, a Compesa informou que “Devido as chuvas que vêm atingindo Petrolina, a empresa tem priorizado as áreas onde há a cobrança da taxa do esgotamento sanitário e em seguida, ajuda a comunidade onde for possível, uma vez que várias ruas do bairro Jardim Petrópolis não têm uma rede coletora de esgoto em condições para que haja a devida manutenção.”

Ainda de acordo com a nota, a Compesa “não opera o saneamento do bairro Jardim Petrópolis e por isso, não há cobrança de taxa de esgoto no local.”

Esgoto se mistura com água da chuva e invade casas no bairro Jardim Petrópolis

Imagine conviver com um rio de esgoto na frente de sua residência. Para os moradores do bairro Jardim Petrópolis, em Petrolina não é necessário pensar, já que a realidade é feita por mau cheiro, mosquitos e muito esgoto a céu aberto.

De acordo com leitores que procuraram a nossa Redação, o problema no esgotamento sanitário não se restringe a uma única rua. “Essas fotos são da Rua 12, mas está assim nas Ruas 14, 15, 18, 21, 28 e 29. O esgoto extravasado é antigo e a Compesa não anda aqui”, relatou um morador.

A situação se agravou com a chuva de terça-feira (5). “As águas [suja e limpa] estão misturadas invadindo as casas sempre que chove. Vem se agravando cada vez mais e mais”, continuou o leitor. Para evitar ter as casas tomadas por esgoto a comunidade se uniu e está buscando por conta própria amenizar a situação.

Outro lado

O Blog procurou a Compesa, solicitando informações sobre quando será feita alguma ação no sentido de melhorar o problema denunciado pelo leitor. Até o momento não tivermos retorno sobre nossos questionamentos e deixamos o espaço aberto a companhia.

Prefeitura promove ação de conscientização sobre violência contra mulher no bairro Jardim Petrópolis

(Foto: Ascom)

Nesta quarta-feira (16), a Prefeitura de Petrolina (PE) levará às mulheres do bairro Jardim Petrópolis e bairros vizinhos o projeto: ‘Elas merecem respeito’. A partir das 10h, a temática da violência contra a mulher será debatida entre os presentes abordando tanto as agressões, quanto as leis que protegem este público.

“A Prefeitura de Petrolina tem desenvolvido este projeto a fim de conscientizar as mulheres e a população em geral sobre a violência doméstica e familiar. A nossa palestra tem por objetivo levar essas pessoas a refletir e orientá-las como proceder no enfrentamento a esse tipo de violência” explica a secretária executiva de Juventude, Direitos Humanos, Mulher e Acessibilidade, Bruna Ruana.

O evento no Jardim Petrópolis acontecerá no espaço de eventos da comunidade, localizado na Rua 26, nº 305 e contará com a participação da assessora jurídica da pasta, Talita Andrade e da estudante de psicologia Milena Duarte. As comunidades que desejarem levar a palestra ao seu bairro podem entrar em contato com o Centro de Referência da Mulher (CEAM) pelo telefone (87) 3867-3516.

Jovem é assassinado no bairro Jardim Petrópolis em Petrolina

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Na tarde desta sexta-feira (11) foi registrado um homicídio em Petrolina (PE). Alison Martins de Lima, de 24 anos, foi morto a tiros no bairro Jardim Petrópolis por volta das 14h30. A vítima era natural de Petrolina e morava no bairro São Gonçalo.

Segundo informações da Polícia Civil, Alison tinha passagens pelo crime de roubo e havia cumprido pena na penitenciária Dr. Edvaldo Gomes. A motivação e a autoria do crime são desconhecidas. A polícia investiga o caso.

A polícia Militar esteve no local e isolou a área. Prepostos do Instituto Médico Legal (IML) realizaram os procedimentos de praxe e encaminharam o corpo da vítima para o IML.

Homem acusado de tráfico de drogas é preso no bairro Jardim Petrópolis em Petrolina

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Durante rondas no bairro jardim Petrópolis em Petrolina (PE), as guarnições do 2º BIEsp avistaram um homem, conhecido popularmente como “GG”, em atitude suspeita.  Ao ser dada a voz de parada, o mesmo se desfez de dois “bigs” de maconha e tentou se evadir do local, mas foi surpreendido pelo policiamento que impediu a fuga.

Após ser questionado, o acusado confessou aos policiais que nas dependências da sua residência tinha mais droga escondida. No local, a polícia encontrou mais 3 kg de substância análoga à maconha e a quantia de R$ 750,00 em espécie.

O acusado juntamente com o material apreendido foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para serem  tomadas as providências cabíveis.

Esgoto a céu aberto tira sossego de moradores do bairro Jardim Petrópolis

Há aproximadamente seis meses, moradores do bairro Jardim Petrópolis em Petrolina (PE) vivem em meio ao caos, por causa de problemas no saneamento da comunidade. Na Rua 25, a lagoa de esgoto tomou conta da área, e moradores foram obrigados a saírem de suas casas, por que a sujeira invadiu as residências.

Segundo Douglas José de Souza, morador do bairro, o esgoto que transbordou, é resultado do entupimento da rede coletora do saneamento.“Na realidade, o saneamento do Jardim Petrópolis é um saneamento que não foi concluído, e os moradores ligaram os PVs, ligaram as redes das casas, e o saneamento não tem saída e congestiona”, disse.

Ainda de acordo com Douglas, em outras ocasiões, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), responsável pelo serviço, atendia o chamado da comunidade e realizava procedimentos paliativos para conter o esgoto, mas ultimamente nem isso tem sido feito. “A Compesa fazia os paliativos, mas até hoje estamos pedindo e ela não está afim de fazer isso, e nós precisamos que ela venha”, afirma o morador.

Nossa produção entrou em contato com a Compesa para saber o motivo pelo qual a comunidade não foi atendida, e quais providências serão tomadas para resolver o problema. Segundo a Compesa, o bairro Jardim Petrópolis não é atendido pela Companhia, e a responsabilidade é da prefeitura. Até o momento não obtivemos reposta da gestão municipal.

Nova Unidade Básica de Saúde do bairro Jardim Petrópolis deve ser inaugurada ainda este ano

Outras estruturas já estão sendo preparadas para que as ações voltadas à saúde sejam reforçadas já no início do próximo ano. (Foto: ASCOM)

Seguindo o modelo de saúde defendido no plano de governo e aprovado por especialistas, o prefeito Miguel Coelho anunciou mais uma inauguração, dentro do planejamento de descentralizações das Unidades Básicas de Saúde de Petrolina (PE). Desta vez, a comunidade beneficiada será do bairro Jardim Petrópolis. A novidade foi anunciada em entrevista à imprensa.

A descentralização tem o objetivo de reduzir o tempo de espera e a distância entre o médico e a comunidade. Para isso, a gestão municipal vem investindo na reabertura de postos de saúde que haviam sido fechados, e criação de novas unidades. Somente  no segundo semestre desse ano já foram inaugurados nove postos de saúde nas comunidades: N-6; Mandacaru; Alto do Cocar; N-4; Capim; Lajedo; Jardim Maravilha; Roçado e Fernando Idalino.

LEIA MAIS