Tapetão: 1º de Maio perde no STJD e fica de fora da segunda fase do Pernambucano Séria A2

1º de Maio foi eliminado da competição. (Foto: Agência CH)

O 1º de Maio está fora da segunda fase do Pernambucano Séria A2. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julgou, nessa quinta-feira (10), a equipe do Decisão pela escalação irregular de dois atletas e puniu, por 5 a 3, o clube somente com uma multa de R$ 100, sem perda de pontos.

De acordo com a denúncia da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), o Decisão descumpriu, claramente, o artigo 6º do Regulamento da Competição. Segundo o dispositivo, os clubes só poderiam inscrever até quatro atletas oriundos de outras federações estaduais, e o Decisão inseriu seis atletas de fora.

Para o advogado do 1º de Maio, o clube de Bonito (PE) deveria, então, ser enquadrado pelo art. 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê a perda de pontos à equipe que escale jogador em situação irregular.

LEIA MAIS

Julgamento no STJD nesta quinta pode confirmar 1º de Maio na segunda fase do Pernambucano A2

1º de Maio confia na permanência na próxima fase da competição. (Foto: Agência CH)

Nesta quinta-feira (10), o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) vai julgar as irregularidades cometidas pela equipe do Decisão no Campeonato Pernambucano Série A2. O clube escalou alguns atletas irregulares e perdeu 10 pontos na classificação da competição, no entanto, após recurso a equipe recuperou a pontuação.

Caso o STJD considere que o clube realmente escalou atletas irregulares, a equipe perde os 10 pontos e o 1º de Maio garante a classificação para a segunda fase do campeonato. A sessão está prevista para iniciar às 11h no plenário do STJD.

LEIA MAIS

STJD julgará processo que definirá continuidade da Série A2 do Pernambucano

1º de Maio e Decisão aguardam julgamento no STJD (Foto: Maria Akemi/Elas e os Esportes)

Demorou, mas finalmente o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (SJTD) definirá o rumo que o Campeonato Pernambucano da Série A2 tomará. Nesta quinta-feira (10) o Pleno julgará 15 processos, um deles pode favorecer o 1º de Maio.

O Decisão será julgado por descumprir o regulamento da competição e caso haja a confirmação da perda dos pontos, o Azulino do Atrás da Banca disputará a Segunda Fase do estadual. Na expectativa por uma resposta positiva, o presidente Josué Nascimento está otimista.

LEIA TAMBÉM:

STJD julga processo que pode beneficiar 1º de Maio no Campeonato Pernambucano da Série A2

Campeonato Pernambucano: FPF paralisa Série A2 e partidas da primeira rodada da segunda fase são suspensos

Série A2: 1º de Maio leva virada e aguarda julgamento do STJD sobre punição ao Decisão

“A gente espera que seja feita a Justiça, que prevaleça o Regulamento e a verdade. Com fé em Deus vai dar tudo certo. Já tem a tabela feita, se der certo vamos jogar domingo contra o Íbis lá e na quarta, contra o Retrô”, disse ao Blog Waldiney Passos. Enquanto aguarda a decisão, Josué precisou liberar o elenco do Azulino devido a incerteza da competição.

“A gente liberou eles tem mais de oito dias, quem é que aguenta ficar segurando 26 atletas sem ter perspectiva de quando volta o campeonato“, explicou. A sessão no STJD começará às 11h.

STJD não confirma pauta e Série A2 do Pernambucano segue paralisada

STJD não divulgou pauta e Série A2 segue paralisada (Foto: STJD/Ascom)

O julgamento do Decisão estava marcado para a última sexta-feira (20) no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), mas o time foi retirado de pauta e deveria ter voltado a discussão nessa semana. Contudo, a entidade mor de Justiça Desportiva nacional não divulgou a pauta de amanhã (27) e o Campeonato Pernambucano da Série A2 deverá ficar paralisada por mais tempo.

O STJD julga em última instância o Falcão, acusado em Pernambuco pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) por exceder o número de transferências interestaduais. Em primeira instância o Decisão foi punido, perdeu 10 pontos e conseguiu reverter a punição ainda no TJD.

A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) não concordou com a reversão da pena e acionou o STJD. O processo pode favorecer o 1º de Maio, representante de Petrolina na competição. O Azulino está fora da Segunda Fase da Competição, mas a perda de pontos do Falcão colocaria o Azulino na zona de classificação.

Enquanto isso a Série A2 está paralisada, já que o 1º de Maio conseguiu uma ordem na Justiça e a bola só deve voltar a rolar quando o julgamento do STJD acontecer.

STJD julga processo que pode beneficiar 1º de Maio no Campeonato Pernambucano da Série A2

Azulino do Atrás da Banca pode ser beneficiado com julgamento contra Decisão (Foto: Agência CH)

O pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) começa a julgar às 11h dessa sexta-feira (20) 11 processos colocados na pauta de hoje. Um deles, o item nove interessa ao 1º de Maio, representante de Petrolina no Campeonato Pernambucano da Série A2.

O Azulino assiste de camarote o Processo n° 292/2019, movido pelo Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE) contra o Decisão. O Falcão de Bonito foi denunciado por exceder o número de contratações interestaduais. Na primeira instância o clube foi punido com a perda de 10 pontos, mas recorreu no próprio TJD e venceu.

LEIA TAMBÉM:

Campeonato Pernambucano: FPF paralisa Série A2 e partidas da primeira rodada da segunda fase são suspensos

A Federação Pernambucana de Futebol não concordou com o julgamento e agilizou o processo no STJD. O 1º de Maio entrou com um mandado para suspender a competição até o parecer final do STJD, que virá hoje. O auditor relator José Perdizes dará a palavra final.

Caso o Decisão seja punido com a perda de 10 pontos, o 1º de Maio se classifica para a Segunda Fase do Campeonato Pernambucano. Uma rejeição de punição ao Falcão elimina o Azulino do Atrás da Banca.

Série A2: 1º de Maio leva virada e aguarda julgamento do STJD sobre punição ao Decisão

Azulino viu jogador sofrer injúria racial (Foto: Blog Waldiney Passos)

O sonho do 1º de Maio de voltar à elite do Campeonato Pernambucano em 2020 foi adiado mais uma vez, pelo menos momentaneamente. A equipe representante de Petrolina perdeu para o Centro Limoeirense na tarde de ontem (8), por 3×1 e foi eliminado na Primeira Fase da Série A2.

O Azulino saiu na frente com Ronaldo, no começo do jogo. Mas Thomas Anderson foi o nome do jogo. Ele marcou os três gols do Centro e garantiu a classificação. A partida foi marcada por mais um caso de racismo no futebol. Ronaldo, autor do gol petrolinense foi chamado de macaco pela torcida anfitriã.

Racismo

Segundo o presidente do 1º de Maio, Josué Nascimento, o delegado da partida foi acionada para verificar as ofensas racistas. Contudo, até o momento não é possível confirmar se o árbitro do jogo assinalou a injúria racial na súmula. “Teve xingamento, injúria racial e passamos ao delegado“, disse Josué.

Revés na Justiça

Em conversa com a nossa equipe Josué afirmou que o Azulino ainda tem chances de avançar, já que o recurso do Decisão – que havia perdido 10 pontos e recuperou momentaneamente na Justiça – será analisado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). “Se for cumprido o regulamento, estamos classificados. Se for rasgado é a desmoralização para a Federação. Acredito que a gente volte”, finalizou.

Série A2: Tribunal reverte punição ao Decisão e 1º de Maio não pode vacilar na última rodada

Equipe terá três reforços para jogo decisivo (Foto: Agência CH)

A última rodada da 1ª Fase do Campeonato Pernambucano da Série A2 acontece apenas neste domingo (8), mas já ganhou contornos dramáticos. Na quinta-feira (5) o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-PE) acatou o recurso do Decisão e devolveu os pontos perdidos pela equipe de Bonito.

Com isso, o time que estava eliminado da competição agora está na próxima fase com 9 pontos ganhos. A equipe de Bonito, inclusive, supera o 1º de Maio na tabela. O revés na Justiça Desportiva liga o sinal de alerta ao Azulino. Hoje na 5ª colocação com 5 pontos somados, os petrolinenses não podem vacilar amanhã.

O 1º de Maio precisa de apenas um empate para se classificar e enfrentará um adversário direto na briga. Com 3 pontos, o Centro Limoeirense está na 7ª colocação (fora da zona de classificação). Uma vitória tomaria a vaga do Azulino.

Para o duelo decisivo a diretoria azulina anunciou três reforços: o atacante Jeam, o zagueiro Jefferson Petrolina e o lateral-esquerdo Jair. Todos já estão regularizados e devem entrar em campo às 15h desse domingo, no Estádio José Vareda.

1º de Maio empata com Decisão e mantém chances de avançar na Série A2

Azulino saiu na frente, mas cedeu empate (Foto: Blog Waldiney Passos)

Fazendo sua última partida em casa na Primeira Fase do Campeonato Pernambucano da Série A2, o 1º de Maio só empatou com o Decisão em 1×1. Os gols da partida foram marcados por Delegado, para os anfitriões e Flávio Caça-Rato, de pênalti nos minutos finais.

Não faltaram chances de gols aos visitantes, mas Murilo estava inspirado e evitou a derrota do Azulino que foi a 5 pontos e agora terá dois jogos fora de casa. Ao Decisão resta vencer suas partidas finais, se quiser avançar. Hoje a equipe de Bonito tem -1, após ser punida pelo TJD com a perda de 10 pontos.

Entenda a decisão do TSE que devolveu cargo de vereador a Domingos de Cristália

Uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), publicada nessa segunda-feira (05), deferiu o pedido liminar de Domingos de Cristália (PSL), solicitado através de um mandado de segurança, mantendo-o no cargo de vereador do município. Domingos teve seu mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) no início de julho deste ano.

Com a informação vindo à tona durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Vereadores desta terça-feira (06), várias dúvidas começaram a surgir: Domingos volta imediatamente à Casa? A decisão é definitiva? Há chance de Domingos perder o mandato novamente?

LEIA TAMBÉM

Alvorlande se diz tranquilo com liminar do TSE que devolve cargo de vereador a Domingos de Cristália

“Sentimento de que a justiça está sendo feita”, diz Domingos de Cristália após decisão do TSE

Nosso blog buscou as informações necessárias para que a decisão seja compreendida de forma clara. Trata-se de um Mandado de Segurança impetrado no TSE pelo vereador com o pedido liminar para alterar decisão proferida pelo TRE-PE que o afastou da função parlamentar.

LEIA MAIS

Alvorlande se diz tranquilo com liminar do TSE que devolve cargo de vereador a Domingos de Cristália

Alvorlande Cruz (PSL). (Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Alvorlande Cruz (PSL) falou, nesta terça-feira (06), durante sessão ordinária, sobre a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que determinou a manutenção de Domingos de Cristália (PSL) no cargo de vereador de Petrolina (PE).

De acordo com o TSE, que acatou uma liminar, Domingos deve permanecer vereador “até a publicação do aresto a ser proferido pelo TRE/PE nos aclaratórios opostos na AIME 1-54 e na AIJE 443-65”.

LEIA TAMBÉM

Aero Cruz diz que Alvorlande vai atender a justiça após decisão que devolve cargo a Domingos de Cristália

“Sentimento de que a justiça está sendo feita”, diz Domingos de Cristália após decisão do TSE

Liminar suspende cassação do vereador Domingos de Cristália

LEIA MAIS

Juazeirense segue com preparação para jogo decisivo contra Patrocinense

Jogadores durante treino da equipe.

A Juazeirense segue se preparando para o jogo decisivo contra o Patrocinense-MG. A partida acontece neste domingo (23), em Patrocínio, pelo jogo de volta da segunda fase da Série D do Campeonato Brasileiro.

O treinador Carlos Rabello do Cancão de Fogo não poderá contar com o capitão Iran, suspenso pelo terceiro amarelo. Segundo informações do Bahia Notícias, o técnico ainda não decidiu o substituto e vem promovendo alguns testes para definir o time titular.

Como venceu no jogo de ida por 1 a 0, a Juazeirense precisa apenas empatar para garantir vaga nas oitavas de final, devendo enfrentar o vencer do jogo Iporá x União Rondonópolis.

Sindsemp emite nota confirmando Walber Lins como presidente do sindicato

Presidente do Sindsemp, Walber Lins.(Foto: Blog Waldiney Passos)

O Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (Sindsemp) divulgou uma nota sobre a situação da diretoria executiva da corporação após a justiça reconhecer Walber Lins como presidente do sindicato.

Segundo a nota, a justiça não reconheceu a assembleia realizada no final de outubro do ano passado, em que foi constituída uma nova junta governativa, encabeçada por Magda Mangabeira. Ainda de acordo com o documento, a decisão determinou a manutenção por tempo indeterminado de Walber Lins como presidente da diretoria do sindicato.

Dias antes da assembleia, que aconteceu no Hotel Grande Rio, o Sindsemp emitiu um comunicado alertando os servidores sobre a nulidade do encontro. O objetivo era evitar que os trabalhadores sofressem descontos por motivo de falta, já que os idealizadores da assembleia não poderiam emitir declaração de comparecimento.

LEIA MAIS

STF rejeita denúncia contra senador Fernando Bezerra Coelho

(Foto: Arquivo)

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira (11) por 3 votos a 2, rejeitar denúncia apresentada em 2016 pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) pelo crime de corrupção passiva.

O julgamento começou em dezembro do ano passado, mas foi registrado um empate na votação devido à ausência do ministro Ricardo Lewandowski, que estava afastado por motivos de saúde.

Hoje (11) ao retomar o julgamento, Lewandowski seguiu voto divergente iniciado pelo ministro Gilmar Mendes e entendeu que a PGR não apresentou provas suficientes para justificar a abertura de uma ação penal para tornar o parlamentar réu no Supremo.

Antes da suspensão do julgamento, o relator da denúncia, Edson Fachin, e Celso de Mello votaram pelo recebimento da denúncia, e Gilmar Mendes e Dias Toffoli pela rejeição.

Denúncia

LEIA MAIS

Campeonato Juazeirense de Futebol Amador tem confronto inédito na decisão

A Associação Atlética XV de Novembro e Clube Social Barro Vermelho decidem nesta sexta-feira (23) o Campeonato Juazeirense de Futebol Amador 2018. A partida começa às 20h, no Estádio Adauto Moraes, e o torcedor terá entrada franca. Será a primeira vez na história que os dois clubes decidem a competição oficial organizada pela Liga Desportiva Juazeirense (LDJ).

Os dois finalistas nunca se enfrentaram em decisões do campeonato na categoria principal. O único encontro numa final aconteceu em 2005 na categoria Sub 15, quando o Tremendão venceu o Barro Vermelho. Para se habilitar à decisão, o XV venceu o grupo A na primeira fase e eliminou o Colonial na semifinal. Já o Barro, que chegou em segundo na fase inicial no grupo B, eliminou o Olaria.

LEIA MAIS

Cassado, ex-prefeito de Jaguarari vence mais uma e está próximo de reassumir o mandato

O Juiz José Luiz Pessoa Cardoso acatou recurso impetrado pelo ex-prefeito de Jaguarari-BA, Everton Rocha (PSDB), reconsiderando nesta segunda-feira (29) a decisão de afastar e impedir o retorno de Everton ao cargo de prefeito.

Essa foi mais uma vitória de Everton Rocha conseguindo eliminar a decisão Judicial que o mantinha afastado por até 180 dias. A medida tinha sido proferida na última sexta-feira (19).

Como Everton Rocha foi cassado por três vezes: em 21/02 (suspensa/anulada), 29/03 (suspensa/anulada), resta apenas a cassação de 04/06 (sobre o atraso da LOA). Assim sendo, Fabrício D’Agostino ainda responde como prefeito de Jaguarari até que a Justiça decida pela validade ou não da CPP 002/2018.

12345