Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Mais de 10 bairros de Juazeiro ficarão sem água amanhã (29)

Pelo menos 15 bairros ficarão sem água das 8h às 14h30 em Juazeiro (BA) nesta quinta-feira (29). De acordo com o Serviço de Água e Saneamento Ambiental (SAAE), o motivo na interrupção do abastecimento é a troca de um flutuante na Estação de Captação.

Serão atingidos os bairros Residencial Mairi, Pirangas I e II, Quidé, Malhada da Areia, Expedito Nascimento, Condomínios Terra dos Sonhos,  Assunção de Maria e Colina do Rio, Palmares I e II, Dom José Rodrigues, Pedro Raimundo, Pedra do Lorde, Country Clube, Alto da Maravilha, Santo Antônio e Alto do Alencar.

O fornecimento poderá ser normalizado antes do previsto, segundo o SAAE. “Caso o serviço seja concluído antes do tempo previsto, o abastecimento voltará á normalidade”, afirmou em nota.

Manutenção emergencial deixa parte de Petrolina sem água

Boa parte de Petrolina ficou sem água na manhã de hoje (22) devido à uma manutenção emergencial na Estação de Tratamento (ETA) Petrolina. Segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), o restabelecimento deve ser feito até o final do dia.

Devido ao serviço emergencial executado pela Compesa ficaram sem água os bairros Jardim Amazonas, Alto do Cocar, Pedro Raimundo, Quati, Jardim São paulo, Vila Eduardo, Vila dos Ingas, Loteamento Nossa senhora Rainha dos Anjos, Vitivinicola, Alto Cheiroso, São José, Henrique Leite, Jatobá, Novo Horizonte, Carneiros, Cidade Universitária, parte do Gercino Coelho, Vila Vitoria, Vila Moco, Areia Branca, Dom Malan, Caminho do Sol e  Maria Auxiliadora, além do Centro.

Compesa emite nota sobre falta d’água em bairros de Petrolina

(Foto: Ilustração)

Constantemente, a nossa produção recebe reclamação de moradores de vários bairros de Petrolina (PE), dando conta de que a falta d’água nas comunidades tem tirado o sossego da população petrolinense. A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), responsável pelo abastecimento de água na cidade, emitiu uma nota esclarecendo o problema. Mais uma vez, a Compesa atribuiu a falta d’água ao aumento das temperaturas. Confira a nota na íntegra:

“Em relação às reclamações da falta de água em alguns locais da cidade, a Compesa esclarece que com o aumento da temperatura, aumentou também o consumo de água na cidade e em virtude disso, a Companhia vem realizando testes de adequação das pressões da água na rede para melhor atender a  população, tentando evitar estouramentos na rede de distribuição. Mesmo assim ocorre em algumas áreas, como aconteceu ontem(20) , em  algumas redes, como uma rede na avenida da Integração, o que comprometeu ainda mais o  abastecimento nos bairros, onde já estava sendo feita, paralelamente, a manutenção da rede do Jardim Amazonas.  Também houve estouramentos que já foram resolvidos e que  comprometeu o abastecimento do centro e também do bairro São Gonçalo, este último que ainda está sendo consertado, com previsão de conclusão até hoje(21) as 17 horas.  

Sobre o estouramentos ocorridos, imediatamente é  iniciado o reparo nas redes. Sobre o do  Quati ocorrido ontem,  o conserto só  terminou essa madrugada(21)  e o abastecimento foi restabelecido em alguns locais  e já está  sendo normalizado  em outras regiões que, de acordo com as pressões , há lentidão no abastecimento. São eles: Jardim Amazonas, Alto do Cocar, Quati, Jardim São Paulo, Bela Vista e Pedro Raimundo”

Sete bairros ficarão sem água nessa segunda-feira em Petrolina

Um reparo no registro que abastece os bairros Jardim Amazonas, Pedro Raimundo e Alto do Cocar fez com que a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) interrompesse nessa segunda-feira (19) o abastecimento de água em sete bairros de Petrolina.

Segundo a Compesa o problema foi identificado na quarta-feira (14). Dessa forma, além dos bairros já mencionados, terão o fornecimento interrompido as comunidades do Quati, Cohab Massangano, Jardim São Paulo e Bela Vista. A previsão é que a situação seja normalizada assim que o serviço for concluído.

Compesa informa sobre possível falta d’água em vários bairros de Petrolina na próxima segunda-feira (12)

(Foto: Ilustração)

Nos últimos dias, moradores de vários bairros de Petrolina (PE) têm reclamado de falta d’água e os transtornos causados por esse desabastecimento. Sobre as reclamações, por meio de nota, a Compesa informou que “com o aumento da temperatura, aumentou também o consumo de água na cidade e em virtude disso, a Companhia vem realizando testes de adequação das pressões da água na rede para melhor atender a população, sem provocar estouramentos na rede de distribuição”.

A nota ainda informa sobre uma possível falta de água na próxima segunda-feira (12), a partir das 08h, que deve acometer os bairros Quati, Jardim Amazonas, Jardim São Paulo, Pedro Raimundo e Alto do Cocar, num período de 72 horas, devido a um teste de inversão de abastecimento que pode provocar diminuição nas pressões, e consequentemente afetar o abastecimento. “Dessa vez, a manobra no abastecimento será a mudança de reservatório da Eta Centro para Eta Vitória”, explica a nota.

Moradores do bairro Novo Encontro estão sem água desde sábado, afirma leitor

Nossa produção foi informada por um morador do bairro Novo Encontro, em Juazeiro (BA) que a comunidade está sem água desde o sábado (3). De acordo com o leitor, o problema começou durante a noite e já no domingo não havia mais água nas torneiras.

Durante todo o domingo a comunidade continuou sem água e amanheceram nessa segunda-feira (5) com o mesmo problema. Ele afirma que a situação é mais crítica nas residências com primeiro andar. “Isso tem acontecido com frequência, no domingo fomos surpreendidos pela falta de água”, afirmou.

Nossa produção entrou em contato com a Prefeitura de Juazeiro e com o Serviço de Água e Saneamento Ambiental (SAAE) para saber o que estaria ocasionando esse problema, no entanto ainda não tivemos retorno.

Por meio de nota, Compesa esclarece falta d’água no Residencial Novo Tempo e informa que o problema já foi solucionado

Materiais de construção encontrados na tubulação da estação do Residencial Novo Tempo. (Foto: ASCOM)

Ontem (29), o nosso blog publicou uma matéria sobre a falta d’água no Residencial Novo Tempo, localizado no bairro Pedra Linda em Petrolina (PE). A denúncia partiu de uma moradora que relatou o problema, afirmando que os moradores do residencial citado, estavam sofrendo com a falta d’água há mais de dez dias.

LEIA TAMBÉM:

Moradora do Residencial Novo Tempo reclama de falta d’água

Em nota, a Compesa, responsável pelo abastecimento da comunidade, informou que “as altas temperaturas dos últimos dias em Petrolina provocaram o aumento do consumo no residencial Novo Tempo, que antes estava sendo abastecido com a pressão da caixa de água do Centro. O abastecimento do bairro necessitou do reforço de uma estação elevatória, que foi projetada na época da construção do empreendimento, para manter as pressões da água normais ao longo do dia.”

Segundo a Compesa, a causa do problema no abastecimento se deu por que a estação que foi construída para atender as necessidades do residencial, apresentou alguns problemas de obstrução quando precisou ser acionada.

De acordo com a nota, “os problemas já foram resolvidos e através de monitoramento realizado pela COMPESA,  foi verificado que chegou água em todas as casas do residencial no dia de hoje terça feira, 30 de outubro, mas a normalização das pressões nos horários de pico só deve acontecer de forma gradativa até o final da semana devido ao longo período em que o residencial ficou sem água.”

Moradora do Residencial Novo Tempo reclama de falta d’água

(Foto: Ilustração)

Em contato com o nosso blog, uma moradora do Residencial Novo Tempo, localizado no bairro Pedra Linda em Petrolina (PE), relatou um problema recorrente que os moradores do residencial estão enfrentando: a falta d’água.

De acordo com a moradora, há mais de dez dias não tem água no residencial. Segundo ela, a água chega de vez em quando por volta das 02h da manhã e depois acaba, gerando transtorno e prejuízo. “Como trabalhamos precisamos descansar em vez de ficar aparando gotas de água. É uma falta de respeito da Compesa com nós. Temos que comprar água para beber e cozinhar”, informou a moradora que não quis se identificar.

A nossa produção entrou em contato com a Compesa para saber qual a causa da falta d’água no Residencial Novo Tempo, bem como a previsão de normalização do abastecimento. Infelizmente, até o momento não obtivemos resposta.

Três bairros ficarão sem água em Petrolina nesta quarta-feira (24)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) fará uma interligação na Rede DN 250 e três bairros de Petrolina ficarão sem água.

De acordo com a Compesa, Loteamento Recife, Vila Marcela e Nova York Amanhã terão o abastecimento interrompido das 8h às 20h e a previsão é que a situação seja normalizada após a conclusão do serviço.

Faltará água em Juazeiro nesta terça-feira (9)

Amanhã (9) vai faltar água no Centro de Juazeiro (BA) das 8h às 12h. O Serviço de Água e Saneamento Ambiental (SAAE) explica que o corte no abastecimento será necessário para reparar um vazamento descoberto há duas semanas na Avenida Rio Branco, próximo ao Colégio Dr. Edson Ribeiro.

De acordo com o SAAE, o vazamento foi registrado na rede principal de 250 milímetros e será necessário um corte na parte do asfalto. Dessa forma, toda a região central estará sem água na parte da manhã. A previsão do SAAE é que o fornecimento seja feito assim que o reparo estiver concluído.

Compesa afirma que abastecimento em Rajada segue normalmente

Já são mais de 15 dias sem água nas torneiras das residências e os moradores do Distrito de Rajada continuam cobrando a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) sobre a falta d’água na região. O problema foi mostrado em nosso Blog na sexta-feira (14) e segundo leitores, nada mudou.

LEIA TAMBÉM:

Moradores de Rajada afirmam estar sem água há mais de 15 dias

Hoje (17) a Compesa informou através de nota que o abastecimento no local segue normalmente e que durante o final de semana. Ainda nessa segunda-feira todas as regiões de Rajada devem ser abastecidas, conforme o calendário para zona rural.

Confira a seguir a resposta da Compesa:

LEIA MAIS

Moradores de Rajada afirmam estar sem água há mais de 15 dias

(Foto: Reprodução)

Moradores do Distrito de Rajada estão há 15 dias sem água nas torneiras de suas residências e segundo os leitores que procuraram o Blog nessa sexta-feira (14), até o momento a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) não informou o motivo e nem deu um prazo para solucionar o problema.

A situação mais crítica vem sendo registrada nas ruas Antônio Vaz Filgueira e Rua Gabriel Moreira. “Tá terrível a situação aqui, aproveito o espaço do Blog para pedir essa ajuda”, disse uma leitora que preferiu não se identificar.

Procurada por nossa equipe, a Compesa informou estar ciente do problema e prestaria os esclarecimentos aos moradores de Rajada. No entanto, até o momento a companhia não nos retornou com as informações por nossa Redação.

Compesa realiza manutenção na ETA I e parte de Petrolina está sem água

Uma manutenção da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) deixou parte de Petrolina sem água nessa terça-feira (4). Segundo a companhia, o motivo para a interrupção no abastecimento é um serviço na Estação de Tratamento de Água (ETA) I Petrolina.

Dessa forma 34 bairros estão com o abastecimento interrompido. Em nota, a Compesa afirma que até o final do dia a situação será restabelecida e que a manutenção se fez necessária para “melhoria da qualidade do fornecimento de água”.

Confira a lista das comunidades afetas pelo serviço

Petrolina: Falta de água no Centro e proximidades aconteceu devido a vazamento em rede da Compesa

Vazamento aconteceu em uma das galerias da companhia.

A falta de água que atinge o Centro de Petrolina e bairros adjacentes desde essa sexta-feira (24) acontece devido a um vazamento na rede de água da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

De acordo com a companhia, a dificuldade maior de resolver o problema é que o vazamento – que só foi descoberto neste sábado – aconteceu em uma das galerias e é necessário quebrar placas de concreto para realizar a manutenção.

Para fazer o conserto, foi necessário suspender o abastecimento de água para a região. A previsão inicial é que o abastecimento volte ao normal na segunda-feira (27).

Reclamação

Uma moradora do bairro Atrás da Banca reclamou da falta de água e da dificuldade em manter a rotina. “A gente tem criança pequena em casa e precisa de água para cozinhar, para limpar a casa, dar banho nas crianças e aí fica sem água. Tive que comprar comida fora, água para beber, também tive que comprar água fora. Quer dizer, fica complicado para gente porque pagamos por um serviço que não está tendo”.

Moradores do bairro Atrás da Banca estão sem água desde a madrugada

Desde a meia noite alguns moradores da Avenida Clementino Coelho, no bairro Atrás da Banca estão vivendo uma dor de cabeça. Eles estão sem água em suas residências há 12 horas e até o momento não sabem por qual motivo.

Uma moradora que entrou em contato com a Redação do Blog afirma ter procurado o atendimento via telefone, feito a reivindicação, porém continua sem água nas torneiras de casa.

Começou a faltar perto de 0h30, não teve aviso prévio. Liguei, falei com um atendente e me falaram que iam verificar o motivo, só que até agora continua do mesmo jeito”, relatou. Ela afirma que o problema maior é nas residências próximos ao Bompreço, onde quase todas as casas estão sem água.

Outro lado

Nossa produção entrou em contato com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). Segundo a companhia, as equipes estão investigando o motivo para a falta d’água e assim que for identificada a origem do problema, a situação será resolvida.

12