Miguel Coelho afirma que até ameças de morte recebeu para não contratar nova empresa de ônibus para Petrolina

Imagem ilustrativa

Durante o evento de entrega do títulos de posse no bairro João de Deus, o prefeito Miguel Coelho falou das dificuldades que enfrentou para ofertar a população um transporte de qualidade. Afirmando não ter não contra os atuais donos das empresas que operam o serviço em Petrolina, Miguel informou ter sido até ameaçado de morte para não levar à frente o processo para contratação de uma nova empresa e que, apesar das ameaças e da pressão, em dezembro deverá está desfilando com 83 novos ônibus, dando mais qualidade no transporte público à população petrolinense.

“Passou do tempo de Petrolina ter ônibus de qualidade para atender nossa população. Falaram que a gente não iria conseguir, briguei com muita gente, fui ameaçado por todo tipo de gente, até de morte me ameaçaram dizendo que eu não iria tirar empresa de ônibus. Não tenho nada contra seu Leãozinho nada contra a empresa Viva Petrolina, mas aqui este tipo de serviço não era digno do morador de Petrolina, não era digno da comunidade do João de Deus que trabalha cedo, acorda no batente às 5 horas da manhã para pegar um ônibus que quebra direto não sabe se chega no centro. Nós fizemos uma nova licitação, em outubro estarei indo para o Rio de janeiro  visitar os ônibus e em dezembro o Galeguinho vai está desfilando com 83 ônibus novos aqui em Petrolina”, afirmou.

Idosos a partir de 60 anos buscam gratuidade nos transportes urbanos em Juazeiro

O Presidente da Câmara, Alex Tanuri, diz concordar e se sensibilizar com os argumentos apresentados pelos comunitários. (Foto: Ilustração/Internet)

A regra de gratuidade para idosos é aplicada para aqueles com mais de 65 anos. Diversas associações e entidades da sociedade civil buscam alterar essa regra, principalmente no Nordeste, onde a perspectiva de vida dos mais carentes mal chega aos 71 anos. Em Juazeiro (BA), na tarde dessa segunda-feira (21), várias associações estiveram com o presidente da Câmara de Vereadores da cidade, Alex Tanuri, para solicitarem alteração da idade mínima para a gratuidade no transporte urbano.

De acordo com o Diretor Legislativo da Câmara de Vereadores, Webster Moraes, a Constituição determina gratuidade acima de 65 anos, mas o Poder Executivo Municipal pode, através de lei, rebaixar a idade: “É uma decisão do prefeito, que tem de ser colocada em lei para a aprovação dos vereadores”.

O Presidente da Câmara, Alex Tanuri, diz concordar e se sensibilizar com os argumentos apresentados pelos comunitários. “O fim dos subsídios aos combustíveis elevou de forma assustadora o preço das passagens dos transportes urbanos e a expectativa de vida, ou seja, o benefício só vem quando a vida está no fim. Vamos levar esse pedido ao prefeito e com certeza ele vai analisar com bons olhos”.

Participaram do encontro a Associação dos Aposentados e Pensionistas do Município de Juazeiro (AAOMJ), representada pelo Presidente Professor João Regis; a Associação dos Moradores de Lago do Salitre, através de sua Presidente Erenice Costa da Silva; Luzinete Pedrina de Sena, representando a Associação dos Moradores do Rodeadouro; José Nilton Rodrigues da Cruz da Associação de Moradores da Malhada da Areia e diversos outros representantes de associações e entidades.

Cerca de 500 mil pessoas são esperadas na 16ª Parada Gay de Pernambuco

(Foto: Ilustração/Internet)

A avenida Boa Viagem será palco, neste domingo (17), de mais um ato em busca de direitos para a comunidade LGBTTI em Pernambuco. Com o tema “Por Cidades Diversas. Nenhum Direito a Menos!”, a 16ª Parada da Diversidade faz alusão à busca por espaços públicos mais inclusivos e sem homofobia.

Além de um ponto tradicional de encontro e celebração, a parada é um ato político que visa reivindicar e proteger os direitos desta população e contará com diversas ações para alertar ao cuidado com a saúde e enfrentamento à violência.

A concentração do evento será às 9h, no Parque Dona Lindu, de onde os participantes seguirão até a Padaria Boa Viagem. Rotas de alguns transportes públicos serão alteradas e trechos serão interditados, para a passagem das 500 mil pessoas esperadas.

Acordos no âmbito da Lava Jato restituem cerca de R$ 1 bi aos cofres públicos

(Foto: Divulgação/Polícia Federal)

Nas últimas duas semanas os acordos de leniência e de colaboração firmados no âmbito da Operação Lava Jato restituíram aos cofres públicos quase R$ 1 bilhão. De acordo com Ministério Público Federal (MPF), entre os dias 26 de junho e quinta-feira (6), o empresário Marcelo Odebrecht e as empresas Braskem e Andrade Gutierrez devolveram aos cofres públicos R$ 903,9 milhões em cumprimento às obrigações assumidas nos acordos feitos com o MPF.

“A expressiva e inédita quantia de quase R$ 1 bilhão efetivamente recuperada em dez dias revela que essa técnica especial de investigação também permite, em tempo recorde, o adiantamento do ressarcimento de prejuízos causados aos cofres públicos”, disse, em nota, a Procuradoria da República no Paraná.

Segundo o MPF, no dia 26 de junho, o ex-presidente da construtora Norberto Odebrecht Marcelo Odebrecht depositou judicialmente, à vista, R$ 73.399.314,07. O montante refere-se ao total da multa que foi atribuída ao executivo em decorrência do acordo de colaboração, que corresponde a 70% dos rendimentos auferidos por ele no período em que participou atos criminosos, limitado a dez anos.

LEIA MAIS

Ao som de Safadão e da sofrência, São João de Petrolina tem público histórico

(Foto: ASCOM)

Uma noite inesquecível para mais de 100 mil pessoas que superlotaram o Pátio Ana das Carrancas. Nesta quinta-feira (22), atrações como Wesley Safadão, Mano Walter e Pablo fizeram o público esquentar  com vários ritmos musicais, do forró autêntico, passando pelo sertanejo e a sofrência. Foi o recorde de presença de pessoas no Pátio desde a abertura oficial no dia 16 passado.

O arraial do Sertão foi aberto por atrações da região. Gean Mota e o Trio Granah conduziram o público com repertório cheio de clássicos do forró e sertanejo. Em seguida, Mano Walter levou os maiores sucessos da vaquejada ao Pátio Ana das Carrancas.

Já era mais de meia noite, quando a atração mais aguardada do evento subiu ao palco. Wesley Safadão fez uma apresentação histórica com mais de duas horas de forró, alternando hits atuais como “Meu coração deu PT” com músicas de sucesso da época da Garota Safada, a exemplo de “Tentativas em vão”.

LEIA MAIS

Combate ao Lúpus e tarifa do transporte público em pauta na sessão de hoje da Casa Plínio Amorim

Plenário da Câmara Municipal de Petrolina/Foto: Waldiney Passos

Dois momentos importantes constam da pauta para a sessão da Câmara Municipal de Petrolina nesta terça-feira (9): a participação da coordenadora do Grupo de Atenção a Pessoa com Lúpus do Vale do São Francisco, Fabiana da Conceição Bezerra, para explanar sobre a importância de políticas públicas para as pessoas com Lúpus em virtude da Campanha de Combate à doença, que é realizada todos os anos no dia 10 de maio e a audiência pública, para tratar do aumento da tarifa do transporte coletivo, que visa debater o porquê da majoração ocorrida no dia 19 de março. As duas solicitações são de autoria do vereador Gilmar Santos (PT).

A sessão ordinária acontecer a partir das 9 horas no plenário da Casa Plínio Amorim. A audiência pública está prevista para ter início a partir das 10 horas da manhã.

 

Saúde anuncia ampliação de público alvo para seis vacinas

(Foto: Internet)

O Ministério da Saúde anunciou hoje (3) a ampliação do público-alvo para seis doses que integram o Calendário Nacional de Vacinação – tríplice viral, tetra viral, dTpa adulto, HPV, meningocócica C e hepatite A.

As mudanças, segundo a pasta, têm como objetivo aumentar a proteção de crianças, garantindo elevada cobertura vacinal, além de ampliar a imunidade de adolescentes e diminuir a circulação de doenças na população.

“Não adianta a vacina estar disponível no posto de saúde. É necessário que pelo menos 95% das crianças do município recebam a dose”, destacou a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações, Carla Domingues.

Entre os adultos, a meta é manter a eliminação do sarampo e da rubéola e diminuir o número de casos de caxumba e coqueluche.

Confira como fica a aplicação das seis vacinas após as alterações

  • Hepatite A: passa a ser disponibilizada para crianças até 5 anos. Antes, a idade máxima era 2 anos. A vacina, segundo o ministério, é considerada altamente eficaz, com taxas de soroconversão de 94% a 100%.
LEIA MAIS