Acesso à água: plano do governo federal pode beneficiar 3 milhões de pessoas do semiárido nordestino

(Foto: Ilustração)

O Serviço Geológico do Brasil está buscando recursos para tirar do papel um plano inédito, de R$ 245 milhões, que pode beneficiar 3 milhões de pessoas que não têm acesso à água no semiárido nordestino. O plano feito por especialistas do órgão federal prevê um investimento em oito tipos diferentes de ações para oferta de água, com obras previstas por 48 meses.

O valor do investimento pode parecer alto, mas é pequeno quando comparado ao gasto com abastecimento emergencial aos sertanejos ao longo de um ano. Somente em 2019, a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, ligado ao MDR (Ministério do Desenvolvimento Regional), gastou R$ 610,5 milhões com a Operação Carro-Pipa.

A pedido da Celpe, Compesa suspenderá abastecimento nesta segunda em mais de 50 bairros

(Foto: Ilustração)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) divulgou, nesta sexta-feira (17), uma nota informando sobre a suspensão do abastecimento em vários bairros das zonas leste e oeste de Petrolina (PE) na próxima segunda-feira (20). De acordo com a empresa, a ação foi um pedido da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe).

O funcionamento da captação de água do Distrito Industrial será interrompido a partir das 13h, com previsão de conclusão às 17h, quando a distribuição de água será restabelecida gradativamente.

A Compesa pede a compreensão dos moradores dessas áreas e informa que restabelecerá o funcionamento do sistema logo após a conclusão das intervenções da Celpe”, diz trecho da nota.

Confira os bairros que serão afetados

Obras de melhorias do sistema de esgotamento sanitário de Cabrobó são iniciadas

(Foto: ASCOM)

A Compesa deu início às obras para melhorias do Sistema de Esgotamento Sanitário de Cabrobó (PE). O projeto vai garantir a melhoria operacional do sistema, que tem capacidade de coletar, transportar e tratar quase 70 litros de esgoto por segundo.

Com investimentos de R$ 80 mil, a obra será concentrada em três redes coletoras principais e contempla a limpeza/desobstrução e recuperação de poços de visita, instalação de equipamentos e substituição de trecho de coletores danificados, além da reativação de uma lagoa de estabilização.

Desperdício de água limpa revolta moradores do bairro Parque Mandacaru

Vazamento tem preocupado moradores.

Um vazamento que já dura aproximadamente 20 dias tem tirado o sossego dos moradores do Parque Mandacaru, em Petrolina (PE). De acordo com os comunitários, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) foi acionada diversas vezes, mas, até o momento, não compareceu no local para realizar a manutenção necessária.

O vazamento está ocorrendo na rua 28 do bairro e um dos pontos de referência é o estabelecimento conhecido como “Adriano pré-moldado”. No entanto, de acordo com os moradores, a Compesa afirma que não consegue localizar o endereço da rua para realização do serviço.

Nosso blog entrou em contato com a companhia e aguarda posicionamento sobre o caso para saber quais ações serão realizadas para solucionar  o problema no bairro.

Compesa retoma abastecimento após intervenção emergencial

Segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento, as intervenções realizadas em caráter emergencial foram concluídas após curto-circuito no sistema elétrico da captação de água tratada de Petrolina. Com a finalização dos serviços, o sistema voltou a operar e o abastecimento está sendo retomado gradativamente.

A Companhia ressaltou, ainda, que a intervenção, iniciada na quarta-feira (25), foi de caráter emergencial. Desta forma, por não ser um serviço previamente programado, não foi possível comunicar antecipadamente a população sobre a interrupção do abastecimento.

Curto-circuito causou falta de água em Petrolina nesta quarta, segundo Compesa

De acordo com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), a falta de água que atingiu diversos bairros de Petrolina (PE) nessa quarta-feira (25) de Natal foi provocada por um curto-circuito no sistema elétrico da captação de água tratada.

O abastecimento está suspenso em bairros das zonas Leste, Norte e Central. Segundo a companhia, as equipes seguem trabalhando no local e a previsão é de que as intervenções sejam concluídas na manhã desta quinta-feira (26), quando o sistema será reativado e o abastecimento normalizado gradativamente.

Confira os bairros com abastecimento suspenso

Loteamento Recife, Vila Marcela, Vila Eulália, Areia Branca, Dom Malan, Caminho do Sol, Maria Auxiliadora, José e Maria, Mandacaru,Terras do Sul, Santa Luzia, São Jorge, Vila Débora , Loteamento Padre Cícero, Dom Avelar, São Joaquim, Monsenhor Bernardino, Loteamento Santa Barbara, Vivendas I e II, Buona Vita, Pedra Linda, Vale Dourado, Vila Esperança, Condomínio Mais Viver, Mais Viver Vinhedos, Centro, Jardim Amazonas e Alto do Cocar.

Prefeitura de Dormentes amplia Programa e reforça abastecimento de água no interior

(Foto: Divulgação)

Investindo em melhorias para o abastecimento de água potável no município, a prefeitura de Dormentes (PE) ampliou o Programa Água no Interior (PAI). Entre as principais ações, a gestão municipal triplicou o número de carros-pipa e já distribuiu mais de 1.300 carradas de água nas localidades mais necessitadas.

Para ampliar o Programam, vários carros-pipa foram contratados, além dos caminhões do município que estão atendendo cerca de mil famílias por mês no interior e também na sede. “A estiagem prolongada tem castigado a nossa região e estamos trabalhando duro para garantir água de qualidade a nossa população. Além de ampliarmos o abastecimento através dos carros-pipa, garantimos também a perfuração de 68 poços artesianos, em localidades sorteadas pelas associações de agricultores rurais. Vamos continuar trabalhando para que em breve, a gestão consiga atender todas às famílias que estão precisando de água”, explica a prefeita, Josimara Cavalcanti.

Os carros-pipa estão abastecendo as famílias das seguintes localidades: Assentamento Maravilha; Assentamento Santa Tereza; Assentamento Pedro Paulo; Vila da Maravilha; Vila do Isidório; Vilas de São Bento; Vilas de Lagoa de Fora; Vilas de Caatinga Grande; Vilas de Lagoas; Vila Nova; Vila dos Morrinhos; Bairros da Sede.

Bairros de Petrolina ficam sem água devido serviço de manutenção, segundo Compesa

Bairros ficarão sem água novamente.

Nesta terça-feira (17) e quarta-feira (18), os bairros das zonas leste e oeste de Petrolina devem ficar sem água. De acordo com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), serão realizados serviços de manutenções preventivas nas instalações elétricas da Estação de Tratamento de Água do Distrito Industrial e na Estação Elevatória, localizada no bairro José e Maria.

Vale ressaltar que nas últimas semanas nosso blog tem recebido inúmeras reclamações sobre falta de água. Ainda segundo a Compesa, a previsão é de que os serviços sejam concluídos até às 12h30, em cada dia, quando o sistema será reativado e o abastecimento normalizado gradativamente.

Atenção: falta de água provoca suspensão de atendimento na Unidade de Saúde do Gercino Coelho

(Foto: Ascom/PMP)

Os atendimentos na Unidade de Saúde da Família (USF) Roza Maria Ribeiro, no bairro Gercino Coelho, em Petrolina (PE) estão suspensos na tarde desta segunda-feira (16). A informação é da prefeitura, segundo a gestão municipal, o motivo é a falta d’água que atinge a comunidade, o que gerou desabastecimento na unidade.

“Pela manhã, os serviços foram realizados, mas a falta d’água impede a continuidade dos atendimentos nesta tarde. Segundo os funcionários, não há água para limpar o prédio, nem nos bebedouros ou banheiros”, diz o comunicado da prefeitura.

Alguns bairros devem ter o abastecimento suspenso nesta sexta, segundo Compesa

(Foto: Ilustração)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) emitiu um aviso informando sobre a paralisação no fornecimento de água, nesta sexta-feira (13), em alguns bairros de Petrolina (PE) devido a realização de um reparo na rede de abastecimento.

De acordo com a companhia, os bairros Gercino Coelho, Atrás da Banca, Palhinhas e Parque Bandeirantes devem ficar sem água durante a realização do serviço, que acontece das 8h às 17h.

Ainda segundo a Compesa, após a reativação do sistema, a distribuição de água será retomada gradativamente.

Desabastecimento da Adutora de Curaçá provoca falta d’água no distrito de Pinhões, em Juazeiro

(Foto: Ilustração)

Em comunicado divulgado pelo Serviço de Água e Saneamento Ambiental – SAAE de Juazeiro,a prefeitura de Juazeiro esclareceu a falta de água no distrito de Pinhões, zona rural da cidade.

De acordo com o SAAE, a falta d’água registrada nos últimos dias na sede do distrito de Pinhões está sendo provocada pelo desabastecimento da ‘Adutora do Forró’, de responsabilidade do SAAE de Curaçá (BA).

“O Setor de Divisão do Interior do Serviço de Água e Saneamento Ambiental – SAAE/Juazeiro constatou o esvaziamento da tubulação e a paralisação no sistema de captação. Vale ressaltar que existe um acordo entre os dois SAAEs, e que a direção em Juazeiro já está buscando uma solução para a resolução do problema”, diz o comunicado.

Sem água em casa, moradores do Centro de Petrolina e do N-7 cobram providências da Compesa

Moradores do Centro de Petrolina e do Núcleo 7 (N-7) do Projeto Senador Nilo Coelho, zona rural da cidade, entraram em contato com o Blog Waldiney Passos, nesta quinta-feira (5), para denunciar a falta de água nas referidas localidades.

Segundo os denunciantes, no Centro da cidade, as casas estão sem água desde ontem (4). Já no N-7, os transtornos são ainda maiores, pois os moradores estão sem água desde o último domingo (1).

“Até o momento a água não chegou nas torneiras, todo dia tá faltando água no centro de Petrolina. Bairros vizinhos também têm sofrido a mesma situação, e os moradores já não sabem o que fazer”, relata um morador.

Diante das reclamações, procuramos a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), para saber o que provocou o desabastecimento nas localidades, bem como qual a previsão para a normalização do abastecimento. Até o momento não obtivemos resposta.

Escolas, creches e unidades de saúde são prejudicas por falta d’água, segundo prefeitura

(Foto: Ilustração)

O caos que se instalou em Petrolina nos últimos dias, devido à falta de água recorrente em vários pontos da cidade, tem prejudicado, além das residências, a oferta de serviços públicos municipais. Ainda nesta terça-feira (03), nosso blog tem registrado reclamações contra a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

De acordo com a prefeitura, a Unidade de Saúde da Família (USF) Roza Maria Ribeiro, no bairro Gercino Coelho, teve que suspender as atividades na tarde desta terça-feira por conta do problema que persiste desde a última semana.

Pela manhã, os serviços foram realizados, mas a falta d’água impede a continuidade dos atendimentos no período da tarde. Segundo os funcionários, não tem água para limpar o prédio, nos bebedouros e nos banheiros.

Compesa realizará obra de extensão e interligação da rede de água em Izacolândia

Falta de água é reclamação constante dos moradores da localidade. (Foto: Google Maps)

Sofrendo com a constante falta de água, os moradores do distrito de Izacolândia, em Petrolina (PE), finalmente têm um motivo para comemorar. A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) anunciou a realização de uma obra de extensão e interligação da rede de água na comunidade.

O objetivo, segundo a Compesa, é melhorar o abastecimento de água em Izacolândia e equalizar as pressões. Ainda de acordo com a companhia, a obra deve ser iniciada na próxima semana, devendo ser concluída em um prazo de 30 dias.

Falta de água ainda atinge vários bairros de Petrolina

Na última nota enviada ao nosso blog, às 11h50 desse sábado, a Compesa afirmou que dentro de 24h o reabastecimento estaria normalizado. (Foto: Ilustração)

Os moradores de vários bairros de Petrolina continuam reclamando da falta de água em suas residências. Nosso blog tem registrado muitas pessoas inconformadas com a suspensão do abastecimento, que já dura cerca de três dias em alguns pontos de Petrolina (PE).

Segundo José Gilson Gomes, morador do Terras do Sul, zona norte da cidade, afirmou que até o início da tarde desse domingo (1º) ainda não havia água nas torneiras. “Já faz três dias que estamos sem água aqui no Terras do sul. A compensa prometeu que sexta-feira à noite estaria tudo normal. Só que até agora não tem uma gota de água na torneira. A situação está feia aqui. O povo cavando buracos para pegar água no cano principal, mas não tem nada”, afirmou.

Outro morador, que preferiu não se identificar, morador do Henrique Leite, também reclamou da falta de água. “Disseram que estava chegando [água], mas não está. Tivemos que comprar água de um caminhão pipa para não ficar sem água para tomar banho e lavar a louça”, disse.

123