Governo da Bahia convoca 184 reservistas da Polícia Militar

A edição dessa quinta-feira (22) do Diário Oficial da Bahia traz a convocação de 184 reservistas a Polícia Militar. Eles atuarão em funções de aquartelamento, auxiliar administrativo e telecomunicações da instituição (atendimento no 190). A boa notícia é que há convocados em todas as regiões, inclusiva na Norte, onde Juazeiro está localizada.

A convocação é temporária e remunerada. De acordo com o Governo do Estado, a medida busca melhorar o trabalho da PM nas ruas, com a liberação de outros profissionais que até então estavam dedicados ao trabalho interno.

Confira a seguir os 11 convocados na região Norte:

Maviael Melo apresenta “O Espelho Dos Girassóis”; Livro será lançado no próximo dia 29

O poeta, cantador, compositor e cordelista pernambucano Maviael Melo lança no próximo dia 29, às 20h, no seu canal do youtube seu mais novo livro. O artista versátil, hiperativo e provocador dialoga constantemente com todas as linguagens em que as palavras falam mais alto de todas as formas. No papel de escritor, agora ele tira de sua cartola literária um novo fruto, feito como que num sopro gigante de inspiração durante a pandemia, o livro O Espelho dos Girassóis.

Em tempos de problemas históricos com a memória, o livro é, um tapa de luva no cenário em que vivemos e ao mesmo tempo provocador com seus personagens. Maviael oferece aos personagens e aos leitores, uma viagem nos campos da memória alinhavando os labirintos do passado na ponte do presente.

LEIA MAIS

Bahia registra 1.221 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.221 casos de Covid-19 e 1.352 curados. Dos 339.215 casos confirmados desde o início da pandemia, 325.134 já são considerados curados e 6.697 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (26,66%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (7.967,61), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.397,06), Madre de Deus (6.338,60), Apuarema (5.920,87).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 688.298 casos descartados e 78.921 em investigação. Na Bahia, 28.066 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 21 óbitos que ocorreram entre 9 de agosto e 10 de outubro.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.384, representando uma letalidade de 2,17%.

Veja os preços do produtos agrícolas comercializados no Mercado do Produtor de Juazeiro

Um dos frutos mais consumidos no nordeste atualmente devido ao seu alto teor de vitamina C, a Acerola vai se tornando um dos mais procurados no Mercado do Produtor de Juazeiro, devido a necessidade de fortalecimento do sistema imunológico, devido a pandemia do novo coronavírus. Paralelo a essa procura, aumentou o preço da fruta.

No Mercado do Produtor de Juazeiro o consumidor vai encontrar a caixa da acerola custando em média R$ 40,00, já quem quiser comprar a quilo o preço é R$ 1,88. A cotação completa dos produtos comercializados no Mercado do Produtor pode ser encontrada na tabela abaixo.

Cotação 21 De Outubro

 

Live aborda conflitos no campo na região Centro-Norte da Bahia

Na próxima terça-feira (27), a Comissão Pastoral da Terra (CPT) Centro-Norte/BA realizará uma Live sobre Conflitos no Campo na região. A roda de conversa, que será transmitida ao vivo através do Youtube e Facebook da CPT Bahia, terá início às 19h. Pesquisadores sobre a questão agrária e trabalhadoras e trabalhadores rurais participarão do momento.

A Live tem como objetivo apresentar os dados do Caderno de Conflitos no Campo Brasil 2019, com foco na região centro-norte baiana. O Caderno é uma publicação anual da CPT Nacional, que há mais de trinta anos reúne registros de conflitos no campo do país. No ano passado, a CPT registrou 1.833 conflitos no campo no Brasil, número 23% maior que em 2018 e o maior registrado pela Pastoral nos últimos 14 anos. Esse número equivale a uma média de 5 conflitos a cada dia.

LEIA MAIS

Bahia registra 1.762 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas; o dobro dos casos divulgados ontem

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.762 casos de Covid-19, exatamente o dobro da quantidade divulgada nesta segunda-feira (19), quando foram registrados 881 novos casos. O número de curados apresentado neste boletim de hoje é de 1.605 pessoas. Dos 337.994 casos confirmados desde o início da pandemia, 323.782 já são considerados curados e 6.849 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (26,73%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (7.850,05), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.382,05), Madre de Deus (6.329,11), Apuarema (5.920,87).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 685.808 casos descartados e 78.004 em investigação. Na Bahia, 27.997 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 21 óbitos que ocorreram entre 10 de julho e 19 de outubro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.363, representando uma letalidade de 2,18%.

Bahia registra 881 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas e número de ativos continua estável

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 881 casos de Covid-19 e 911 curados. Dos 336.232 casos confirmados desde o início da pandemia, 322.177 já são considerados curados e 6.713 encontram-se ativos. 682.417 casos já foram descartados, mas 77.216 continuam em investigação. Na Bahia, 27.874 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (26,78%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência (maior risco de transmissão) por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (7.823,93), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.357,66), Madre de Deus (6.329,11), Apuarema (5.920,87).

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 26 óbitos que ocorreram entre os dias 22 de junho e 18 de outubro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.342, representando uma letalidade de 2,18%.

Migração de abelhas para zona urbana de Juazeiro é provocada por mudanças climáticas

Abelhas estão migrando para zona urbana (Foto: TV Bahia/Reprodução)

A migração das abelhas do interior a sede de Juazeiro foi destaque no Bahia Rural do último domingo (18). A matéria, veiculada a nível estadual, destacou as capturas dos enxames e também os fatores que influenciam na ida dos insetos a zona urbana.

As abelhas são do tipo africanizadas, resultado do cruzamento da africana com a europeia. Ou seja, são dos tipos defensivas e atacam para se defender. A migração para a zona urbana é reflexo das mudanças climáticas, somada à degradação ambiental da caatinga.

“Pode ser uma consequência do desmatamento, o impacto é óbvio. Nós temos o risco humano e animal. E nós podemos ter um impacto sobre as abelhas, porque em várias situações os enxames precisam sofrer intervenções”,  explica a bióloga do Centro de Conservação e Manejo de Fauna (Cemafauna Caatinga), Aline Andrade.

O Corpo de Bombeiros registrou 30 ocorrências apenas em setembro. O 9º Grupamento do Corpo de Bombeiros (9º GBM) atua no suporte das remoções, que é feito pela ONG Abelha Viva e da Prefeitura de Juazeiro.

Bahia registra 654 novos casos da Covid-19 e número de casos ativos permanece estável

O boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), divulgado pela pasta neste domingo (18), aponta que o número de casos ativos permanece estável. Foram 654 novos casos da infecção nas últimas 24h, com 6.769 casos ainda ativos. Ao todo são 335.351 casos confirmados.

Em relação aos óbitos, a divulgação evidencia 28 novas ocorrências. O total de mortes desde o início da pandemia no estado é  7.316. A taxa de letalidade da doença atualmente é de 2,18%.

Entre os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (26,80%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia ((7.823,93), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.344,06), Madre de Deus (6.314,89), Apuarema (5.893,59).

Sem realização de testes rápidos neste domingo, Juazeiro registra apenas 1 novo caso de Covid-19

(Foto: ASCOM)

A Secretaria Municipal da Saúde (SESAU) registra no boletim deste domingo (18) apenas 1 novo caso da Covid-19 em Juazeiro (BA), totalizando 4.769 pessoas que foram infectadas pelo novo coronavírus. Até o momento foram realizados 17.226 testes, dos quais 12.415 tiveram resultados negativos, considerados descartados.

Encontram-se em isolamento domiciliar 1.016 pessoas e entre os casos confirmados, 2.575 são do sexo feminino, 2.206 do sexo masculino e, destes, 284 são profissionais de saúde. O município contabiliza 12 pacientes internados, sendo 05 em leitos de UTI e 07 em leitos intermediários.

Confira o quadro geral das internações dos pacientes de Juazeiro e dos leitos ocupados na Rede PEBA:

Leitos Ocupados 18 10

Bahia registra 1.799 novos casos de Covid-19; crescimento de 17% nas últimas 24 horas

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.799 casos de Covid-19, segundo o boletim divulgado neste sábado (17) pela Secretaria da Saúde do Estado (SESAB), o número é 17,1% maior do que o registrado nesta sexta-feira (16), que foi de 1.536. O número de curados no mesmo período é de 1.497. Dos 334.697 casos confirmados desde o início da pandemia, 320.437 já são considerados curados e 6.972 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (26,89%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência (maior risco de contaminação) por 100.000 habitantes são: Ibirataia (7.797,81), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.324,83), Madre de Deus (6.305,41), Apuarema (5.729,88).

Na Bahia, 27.770 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. O boletim deste sábado também apresentou 21 óbitos que ocorreram entre 10 de julho e 16 de outubro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.288, representando uma letalidade de 2,18%.

Bahia registra 1.536 novos casos de Covid-19 e 24 mortes pela doença nas últimas 24 horas

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.536 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) e 1.643 curados (+0,5%). Dos 332.898 casos confirmados desde o início da pandemia, 318.940 já são considerados curados e 6.691 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (26,95%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia ((7.516,98), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.314,52), Madre de Deus (6.253,26), Apuarema (5.729,88).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 674.757 casos descartados e 77.562 em investigação. Na Bahia, 27.638 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 24 óbitos que ocorreram entre os dias 31 de agosto e 15 de outubro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.267, representando uma letalidade de 2,18%.

Bahia registra 1.575 novos casos de Covid-19 e 29 óbitos nas últimas 24 horas

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.575 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) e 1.434 curados (+0,5%). Dos 331.362 casos confirmados desde o início da pandemia, 317.297 já são considerados curados e 6.822 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (27,01%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (7.438,61), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.307,01), Madre de Deus (6.239,04), Apuarema (5.716,23).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 671.204 casos descartados e 76.967 em investigação. Na Bahia, 27.489 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 29 óbitos que ocorreram entre 19 de junho e 14 de outubro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.243, representando uma letalidade de 2,19%.

Aumenta o número de crianças internadas por Covid-19 na Bahia

O número de crianças internadas por complicações causadas pela Covid-19 tem aumentado na Bahia. De acordo com dados da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), a ocupação é de 56% nos leitos clínicos e de enfermaria pediátricas e de 68% nas unidades de terapia intensiva (UTI) voltadas exclusivamente para as crianças com a doença.

De acordo com o secretário estadual da saúde, Fábio Vilas-Boas, o fato ocorre em paralelo a uma mudança na faixa etária das pessoas que vem sendo contaminadas. Ele informa que hoje existe uma grande quantidade de pacientes entre 20 e 40 anos de idade internados com coronavírus.

“São exatamente essas pessoas que estão nas praias, nos bares, nos paredões políticos e festas nos finais de semana. Essa é uma demonstração clara que está havendo uma flexibilização indevida, e as crianças e jovens acometidos pela Covid-19 e irão contaminar de novo os idosos em breve”, alertou o Secretário.

Bahia registra 2.460 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

(Foto: ASCOM/SESAB)

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 2.460 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,8%) e 1.600 curados (+0,5%). Dos 329.787 casos confirmados desde o início da pandemia, 315.863 já são considerados curados e 6.710 encontram-se ativos.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (27,10%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (7.347,18), Almadina (6.551,98), Itabuna (6.286,38), Madre de Deus (6.220,07), Apuarema (5.702,59).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 666.672 casos descartados e 76.243 em investigação. Na Bahia, 27.375 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

O boletim epidemiológico de hoje contabiliza 26 óbitos que ocorreram entre 18 de julho e 13 de outubro. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 7.214, representando uma letalidade de 2,19%.

123