Estudantes da rede municipal de ensino discutem sobre a ‘Cultura de Paz’ em Juazeiro

(Foto: Ascom)

Estudantes, pais, professores e gestores das escolas municipais Santa Inês, Maria de Lourdes e José Pereira participaram, na última sexta-feira (8) da Roda de Conversa do projeto ‘Valores Humanos e Cultura de Paz’, na Escola de Formação de Professores – EFEJ, em Juazeiro (BA). O projeto está sendo desenvolvido pela Diocese de Juazeiro, a Secretaria de Educação e Juventude – SEDUC, em parceria com outras instituições.

A mãe Raquel Silva contou que aconteceram muitas mudanças positivas do filho no comportamento, no relacionamento familiar e também no desempenho escolar, desde que o projeto passou a ser desenvolvido na escola onde o filho estuda. “Gostei muito que este projeto conseguiu realizar na vida do meu filho e da nossa família. Hoje temos uma relação mais amorosa dentro de casa, e ele está mais tranquilo, carinhoso e estudioso. Quero parabenizar a Diocese e a SEDUC por este trabalho”, ressaltou.

De acordo com a superintendente pedagógica da Secretaria de Educação e Juventude, Cristine Hermenegildo o objetivo dessa atividade foi avaliar as ações que estão sendo desenvolvidas há três meses nas escolas da rede municipal da sede e interior do município. “Foi um momento muito importante, onde tivemos a oportunidade de ouvir depoimentos dos alunos, pais, professores, gestores sobre as mudanças que aconteceram no ambiente escolar, nas relações familiares, nas comunidades depois de várias ações desenvolvidas para promover a paz. Estamos muito satisfeitos com os resultados do projeto”, afirmou.

LEIA MAIS

Prédio de escola no Piranga é particular e Prefeitura não pode fazer reforma, afirma SEDUC

Em nota, SEDUC explicou a situação da unidade escolar (Foto: ASCOM)

A situação preocupante vivida por pais, alunos e professores da Escola Dr. José de Araújo, localizada no bairro Piranga, em Juazeiro (BA) chegou ao conhecimento da gestão municipal. Nessa semana as famílias dos estudantes fizeram uma manifestação denunciando o risco de desabamento na unidade, cobrando melhorias do município no local.

Procurada pelo Blog Waldiney Passos, a Prefeitura de Juazeiro emitiu uma nota esclarecendo a situação. De acordo com a Secretaria de Educação e Juventude (SEDUC), o prédio onde funciona a unidade é particular, o que não permite reformas estruturantes.

“Para oferecer uma escola de qualidade, em prédio próprio, a SEDUC vai inaugurar a Estação do Saber, no antigo prédio da Estação Ferroviária, e vai receber no próximo ano 200 alunos do ciclo de Alfabetização da Escola Dr. José de Araújo e os outros 200, serão matriculados em um novo espaço, com mais conforto e segurança”, ressalta a nota.

Ainda segundo a SEDUC, a pasta está buscando alternativas para “repor os 25 dias letivos restantes ainda em 2019”, já que os pais dos alunos decidiram não mais levar seus filhos para as aulas, temendo de um tragédia.

Confira a íntegra da nota:

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina destrava recurso de R$ 1 milhão e investe em educação infantil

Prefeitura já adquiriu vários equipamentos para melhoria em escolas infantis da cidade. (Foto: Alexandre Justino)

A prefeitura de Petrolina conseguiu destravar recursos financeiros no valor de R$ 1 milhão nessa quarta-feira (06), através de processo licitatório. A verba, que estava travada desde 2012, já está sendo utilizada para aquisição de utensílios e equipamentos destinados às cozinhas das unidades de ensino da primeira infância da cidade.

Ao todo, já foram distribuídos 40 freezers, 24 fogões, 90 purificadores de água, 10 centrífugas, 30 processadores de alimentos, liquidificadores e mais de 20 tipos de utensílios de uso diário. A ação é coordenada pela Secretaria de Educação, Cultura e Esportes através da Diretoria de Alimentação Escolar. A previsão é de que, até o final do ano, todas as unidades do Nova Semente, CMEIs e pré-escolas serão beneficiadas com alguns dos objetos.

Para que possamos garantir a qualidade e harmonia no momento das refeições nas unidades de educação infantil, faz-se necessário não somente uma alimentação equilibrada e saudável. Equipar as unidades com utensílios e equipamentos é de suma importância, pois com os materiais adequados garantimos a qualidade no armazenamento dos gêneros alimentícios, bem como o preparo correto”, disse a diretora de Alimentação Escolar, Geórgia Mourão.

Programa do MEC vai aumentar nota de faculdade particular que ceder espaço ao Governo Federal

Ministro da Educação, Abraham Weintraub vai lançar programa (Foto: Internet)

As faculdades particulares do Brasil vão ter as notas aumentadas pelo Ministério da Educação (MEC), através de um programa que será lançado hoje (6). O MEC pretende elevar a pontuação das particulares que oferecerem espaços ociosos ao governo.

A tática se diferencia da avaliação do ensino superior privado, realizada pelo próprio MEC, para verificar a qualidade dos cursos do ensino privado. Dessa forma, a melhor nota das instituições pagas pelos estudantes será dada via parceria com o Governo Federal.

Chamado de Educação em Prática, o programa vai permitir que o governo use o laboratório para receber alunos do ensino médio público nas faculdades.

F-Carranca recebe Moção de Aplauso da Câmara de Vereadores de Petrolina

Grupo levou troféu de campeão à Casa Plínio Amorim (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os alunos que compõem a F-Carranca estiveram na Câmara de Vereadores de Petrolina na sessão dessa terça-feira (5) para receber uma homenagem do Poder Legislativo. O grupo, que foi campeão nacional há poucos dias, recebeu uma Moção de Aplausos pela conquista e fizeram uso da Tribuna Livre para falar mais da conquista.

A equipe do F-Carranca agora se prepara para disputar o Mundial em 2020, que acontecerá nos Estados Unidos. Os estudantes da Univasf ouviram promessas de apoio dos edis, entre eles, Gaturiano Cigano. O edil cobrou uma atitude dos colegas, para que não fiquem apenas no discurso e patrocinem o time.

LEIA TAMBÉM:

Alunos do F-Carranca têm recepção especial após conquista de título

“Se cada vereador pude ajudar vocês com 200 reais, nos somos 23 vereadores. É dessa forma que essa Câmara pode ajudar vocês e não com palavras”, disse Cigano. Líder da Oposição, Paulo Valgueiro (MDB) foi além e cobrou a Univasf.

“Que também a universidade possa apoiar verdadeiramente o projeto de vocês. Tenho certeza de que se o reitor, o vice-reitor e alguém da universidade precisar viajar para São Paulo terá a viagem paga. O mesmo não se aplica a vocês, vocês têm que ralar, ir pro sol. Vamos no momento certo fazer a lista de ajuda dos vereadores, mas que a Univasf faça sua parte e que o município faça a parte deles”, destacou.

Univasf abre seleção para estágio na área de informática e web design

(Foto: Divulgação)

Estudantes dos cursos de Ciências da Computação, Engenharia da Computação, Análise de Sistemas ou Gestão de Tecnologia da Informação podem se inscrever até o dia 10 de novembro para a seleção de estágio da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf).

Os candidatos devem estar cursando a partir do 4º período, em instituições de ensino reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC). Há duas vagas para de informática e web design. A inscrição pode ser feita encaminhando email para [email protected].

De acordo com a Univasf, o processo seletivo se dará por duas etapas: análise curricular e entrevista individual. O estágio terá carga horária de 20h semanais, com remuneração de R$ 364,00 e auxílio transporte no valor de R$ 132,00. A duração do estágio será de seis meses, prorrogável  pelo mesmo período.

Gabarito oficial do Enem deve ser divulgado dia 13 de novembro

Prova de Matemática e Ciências da Natureza será aplicada neste final de semana (Foto: Ilustração)

Os gabaritos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) devem ser divulgados em 13 de novembro, na próxima semana. A estimativa é do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Texeira (Inep). Ontem (3) os candidatos fizeram as provas de linguagens, ciências humanas e a Redação.

LEIA TAMBÉM:

Vazamento da prova do Enem “aparentemente” foi em Pernambuco, diz ministro

Neste domingo (10) é a vez de matemática e ciências da natureza. Ainda ontem o Ministério da Educação (MEC) liberou os Cadernos com as questões. Na hora da correção, lembra o Inep, os candidatos deverão ficar atentos para conferir o gabarito relativo à cor de prova que fez em cada domingo de aplicação.

Ainda de acordo com o Inep, o resultado dos participantes eliminados não será divulgado, mesmo que eles tenham realizado o Enem nos dois dias de aplicação. Os treineiros – fazem o exame para autoavaliação de conhecimentos – poderão consultar seus resultados 60 dias após a prova.

Vazamento da prova do Enem “aparentemente” foi em Pernambuco, diz ministro

Provas aconteceram nesse domingo.

O Ministério da Educação (MEC) trabalha com a possibilidade de que o vazamento de uma imagem da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) tenha ocorrido em Pernambuco, segundo o ministro da Educação, Abraham Weintraub. Uma foto da prova foi publicada na internet e circula nas redes sociais.

“Isso aparentemente aconteceu em Pernambuco e a gente já está chegando ao nome da pessoa”, disse o ministro em vídeo publicado no Twitter. Segundo ele, o caso está sendo investigado pela Polícia Federal.

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina inaugura CMEI no Porta da Palha

(Foto: Ascom/PMP)

O Porto da Palha ganhou um Centro Municipal de Educação (CMEI) nessa semana. A unidade foi entregue pelo prefeito Miguel Coelho e vai atender mais de 60 crianças, ofertando educação de qualidade às crianças do interior de Petrolina.

A unidade conta com salas de aula, espaços para recreação e alimentação, pátio, brinquedoteca e secretaria. A Prefeitura ofertará vagas para turmas do Berçário I e II, Maternal I e I, Pré I e II.

Durante a cerimônia de entrega, o prefeito de Petrolina celebrou os avanços na Educação do município. “Aumentamos em 600% o orçamento destinado ao público infantil e adolescente. Melhoramos as estruturas das creches e realizamos um grande concurso público. Aqui é um caso simbólico, foram muitos anos no Porto de Palha sem uma creche de qualidade, com tudo de graça, sem ter que fazer rifa, bingo e outras coisas. Trata-se de uma educação de alto nível, acessível, levada a cada canto de Petrolina”, disse.

Evasão escolar no município de Petrolina será discutida em audiência pública nesta sexta 

(Foto: Ascom/PMP)

A Prefeitura de Petrolina (PE) juntamente com a Vara da Infância e Juventude e outras instituições ligadas aos direitos da criança e do adolescente, discutirão nesta sexta-feira (1º), em uma audiência pública, a questão da evasão escolar no município. O evento será realizado no Ginásio Municipal Osvaldo de Carvalho, das 8h às 12h, e deve contar com a presença de pais, alunos, palestrantes, além de educadores da região.

Para a audiência foram convocados mais de 800 alunos, sendo 460 alunos de 21 escolas municipais e 383 de 10 escolas estaduais com registro de infrequência ou evasão escolar. Os estudantes devem comparecer à audiência acompanhados de seus responsáveis. Durante o encontro, serão realizadas palestras com profissionais da Vara da Infância e Juventude e Defensora Pública.

LEIA MAIS

Prefeitura inaugura CMEI na zona rural de Petrolina nesta quinta-feira 

(Foto: Arquivo)

Nesta quinta-feira (31), a comunidade de Porto de Palha será contemplada com uma importante obra. A prefeitura vai entregar para a população o primeiro Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) na comunidade ribeirinha. O equipamento será inaugurado pelo prefeito Miguel Coelho, a partir das 17h, no Sítio Porto de Palhas.

O CMEI Damásio dos Santos irá contemplar 64 crianças com turmas de Berçário I e II, Maternal I e I, Pré I e II e salas multes. Atendendo às demandas das comunidades de Porto de Palha, Lajedo, Barauna, Pancaraí e região, possibilitando que as crianças dessas localidades possam estudar mais perto de casa. A unidade conta com uma equipe formada por professores, assistentes de sala, auxiliar de serviços gerais, merendeira e coordenadora. O prédio é dividido entre salas, cozinha, pátio, secretaria e banheiros.

Alunos do F-Carranca têm recepção especial após conquista de título

Alunos desfilaram pela cidade após prêmio nacional (Foto: Ascom/Univasf)

Uma recepção especial. Assim foi a chegada da equipe F-Carranca a Petrolina nessa semana. O grupo de estudantes da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) foi campeão da 21ª Competição SAE – Brasil AeroDesign, realizada entre 24 e 27 de outubro em São José dos Campos (SP).

A equipe campeã é formada por estudantes das engenharias da Univasf e depois de anos brigando pelo título, a conquista veio. De quebra, além do 1º lugar o F-Carranca também foi voltou para casa com o Prêmio de Excelência em Projeto da Embraer.

Na terça-feira (29) os campeões desfilaram em carro aberto pelas ruas das cidades de Juazeiro e Petrolina. A carreata contou com o apoio das equipes do Corpo de Bombeiros da Bahia e de Pernambuco, da Companhia de Segurança, Trânsito e Transportes (CSTT) de Juazeiro e da Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina Ampla (Ammpla). Familiares, amigos, patrocinadores e os coordenadores do projeto acompanharam a festa, que terminou no Campus da Univasf em Juazeiro.

Associação denuncia contingenciamento de recursos da UNEB, mas Governo da Bahia nega

Uneb é uma das afetadas segundo matéria (Foto: ASCOM)

Uma matéria divulgada no Correio da Bahia nessa quarta-feira (30) afirma quem as universidades estaduais da Bahia tiveram 30% dos recursos disponíveis contingenciados pelo Governo do Estado. Um das afetadas é a Universidade do Estado da Bahia (UNEB), que tem um campus em Juazeiro.

O corpo docente já prevê um prejuízo à pesquisa e extensão, afetando diretamente o pagamento de bolsas aos alunos. “Na Uneb, nós temos bastante ingresso de estudantes de camadas populares, que têm dificuldade de se manter na faculdade”, expõe ela. Esta realidade tem uma relação direta com os recursos, que ajudam os alunos a concluírem os estudos“, destaca Ronalda Barreto, coordenadora geral da Associação dos Docentes (Aduneb).

LEIA MAIS

Petrolina sedia encontro sobre educação contextualizada no Semiárido

(Foto: Ascom/PMP)

Petrolina sediou na semana passada o II Encontro Semiárido e Educação, evento que reuniu professores, gestores públicos e membros da sociedade civil na discussão sobre uma educação contextualizada. Dentro do evento foram elaboradas propostas as quais serão encaminhadas ao Ministério da Educação (MEC).

O Governo Federal analisará as demandas e caso queira, poderá colocar em prática. Entre as propostas estão a continuidade do processo de formação que já está em curso, o princípio da educação integral e integrada, o fortalecimento do diálogo entre escola e comunidade, a implementação da comunicação não violenta com base na justiça restaurativa, saúde bem estar do docente, entre outros.

A Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) promoveu o encontro em parceria com a Rede de Educação do Semiárido (Resab) e a Prefeitura de Petrolina.

Projeto desenvolvido pela prefeitura ensina comunidade da zona rural de Petrolina a fazer adubo com restos de plantas e alimentos

(Foto: Jonas Santos)

O cuidado com o meio ambiente tem sido prioridade das crianças da escola Olavo Bilac, da comunidade de Atalho, na zona rural de Petrolina, com a implementação do projeto ‘Eu Sou Meio Ambiente’, promovido pela prefeitura. A última oficina levou à comunidade e aos pequenos um processo importante e pouco conhecido: a compostagem doméstica.

Depois de intervenções, os alunos puderam plantar árvores, ter contato com a fauna da região, debater questões sobre o bioma Caatinga e o espaço escolar, e desta vez de aprender um novo método para redução de resíduos orgânicos gerados no dia-a-dia; a compostagem. O processo consiste em utilizar restos de alimentos, como cascas de frutas, verduras, borra de café, por exemplo, e transformá-los em adubo para hortas.

O projeto acontece através da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA), e para o diretor de projetos, Victor Flores, educar a comunidade com esses métodos de maneira didática é algo essencial. “Se a gente quer ver mudança, é necessário começar a incentivar nossas crianças desde cedo a terem cuidado com o nosso ecossistema. É um trabalho que começa na construção de uma consciência sustentável, mas que precisa ser acompanhada de ensinamentos práticos”, ressalta.

123