Bolsonaro confirma indicação de Milton Ribeiro para o MEC

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) confirmou a indicação de Milton Ribeiro para assumir o Ministério da Educação (MEC). A informação foi compartilhada pelo chefe de Estado, no final da tarde desta sexta-feira (10), pelo seu Facebook oficial.

A nomeação, inclusive, já foi publicada no diário oficial da União, numa edição extra.

Na publicação, Bolsonaro detalhou itens do currículo de Ribeiro, que é graduado em Teologia, formado e mestre em Direito, é doutor em Educação, pela Universidade de São Paulo (USP).

UFPE planeja dar bônus na nota do Enem para feras de Pernambuco que concorrem a medicina no Recife

(Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem)

Vestibulandos que estudaram e moram em Pernambuco e vão concorrer aos cursos de medicina, cinema, oceanografia e geologia ministrados no campus Recife da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) poderão ganhar um bônus na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O estudante terá acréscimo de 10% na média do exame ao se inscrever, para essas graduações, no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A proposta é do reitor Alfredo Gomes e será votada pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE).

Atualmente, esse benefício já existe, na UFPE, para egressos de escolas da Zona da Mata e do Agreste pernambucano e que disputam vagas em cursos ministrados nas unidades acadêmicas de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata, e Caruaru, no Agreste.

LEIA MAIS

Alunos de faculdades privadas e Facape organizam carreata neste sábado em defesa da redução das mensalidades

Insatisfeitos, com a postura das faculdades particulares e com a direção da Facape, alunos convocam uma carreata para este sábado (11).  Eles protestam contra a falta de sensibilidade das instituições, que mesmo em época de pandemia, quando muitos perderam parte da renda familiar, insistem em cobrar mensalidades integrais mesmo oferecendo aulas EAD ou remotas.

Confira a nota:

“Em tempos de pandemia, o que se espera das pessoas é empatia e solidariedade. No entanto, não é o que percebemos por parte das IES particulares e Autarquia Educacional do Vale do São Francisco. Estas instituições têm, todos os meses, lesado os seus alunos através das mensalidades. Não estamos cobrando delas nada que não seja direito nosso, nenhuma vantagem ou benefício, só queremos que façam o que é justo para com os responsáveis por manter o funcionamento dessas faculdades e universidades na cidade.

LEIA MAIS

Câmara de Vereadores de Petrolina concede Moção de Aplausos ao colégio Plenus

(Foto: Ascom/Plenus)

A Câmara de Vereadores de Petrolina concedeu, por unanimidade, ao Plenus Colégio e Curso uma Moção de Aplausos pela conquista do 1° lugar no Exame Nacional do Ensino Médio – Enem 2019, pelo 7° ano consecutivo.

A Moção de Aplausos, de autoria do presidente da Casa Plínio Amorim, vereador Osório Siqueira, foi votada nesta quinta-feira (9) durante Sessão Extraordinária Remota por vídeo conferência.

LEIA MAIS

MEC anuncia novas datas do Enem; Exame será aplicado em 17 e 24 de janeiro

(Foto: Internet)

O Ministério da Educação anunciou nesta quarta-feira (8) as novas datas da provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A primeira prova será no dia 17 de janeiro de 2021 e a segunda prova em 24 de janeiro de 2021.

O Exame estava previsto para novembro deste ano, mas houve pressão da sociedade e de parlamentares para a o adiamento das provas em virtude da pandemia do novo coronavírus.

A notícia foi anunciada em entrevista coletiva com representantes do MEC e do Inep.

Durante a entrevista, foi afirmado que a data levou em conta os alunos da rede pública. O adiamento do exame era um pleito principalmente desses estudantes que, na sua maioria e ao contrário dos alunos da rede privada, estão desde o início da pandemia sem auxílio de aulas e professores.

O MEC e o Inep afirmaram ainda que medidas sanitárias serão adotados para garantir a realização da prova com segurança.

Facape abre segunda etapa de processo seletivo e pela primeira vez com análise do histórico escolar

(Foto: Ascom/Facape)

A partir dessa quinta-feira (09), a Facape abrirá inscrições para a segunda etapa processo seletivo da Instituição para 2020.2. E traz uma novidade. Pela primeira vez, e inovando na região, a faculdade que completa esse mês 44 anos, vai selecionar o aluno através de análise do histórico escolar.

No ato da inscrição pelo site, o candidato apresenta o histórico escolar do ensino médio, e a Facape fará uma análise das notas de acordo com o curso desejado pelo aluno, exceto Direito, que não tem mais vaga. Ainda continua a opção da nota do Enem para ingresso nessa segunda etapa.

As inscrições do processo seletivo da Facape acontecem de 09 a 24 de julho no site facape.br. Outra boa novidade é financiamento do curso de Direito através do Fies, financiamento do Governo Federal e também do Cred Facape, que é o financiamento estudantil da própria instituição. Serão 150 vagas ao todo. 60 para o turno da manhã, 60 para a tarde e 30 para o turno da noite. É a primeira vez que a Facape oferece essa oportunidade ao público.

Todas as informações sobre o processo de inscrição no novo Fies serão disponibilizadas no site de acordo com o calendário oficial do Fies 2020/2. O edital do financiamento você pode conferir no portal da Facape e a inscrições ocorrerão entre os dias 21 e 24 de julho de 2020.

O resultado do Fies 2020/2 e P-Fies 2020/2 estará disponível no dia 28 de julho de 2020, e a complementação de inscrição será realizada do dia 28 ao dia 30 de julho. A Pré-seleção da lista de espera do Fies 2020/2 está prevista para o dia 28 de julho ao dia 31 de agosto de 2020.

Faculdade de medicina de Juazeiro abre seleção para candidatos por transferência externa e para portadores de diploma

(Foto: Ascom/Estácio)

Estão sendo ofertadas 22 vagas para fins de TRANSFERÊNCIA/INGRESSO, para o segundo, terceiro, quarto e sexto períodos, de acordo com a disponibilidade para o segundo semestre de 2020.

Podem se inscrever candidatos que estejam regularmente matriculados em cursos da área de Saúde (Biomedicina, Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia e Psicologia) e de Medicina de outras Instituições de Ensino Superior nacionais regularmente credenciadas pelo Ministério da Educação – MEC (Transferência Externa) e Instituições estrangeiras.

LEIA MAIS

Inscrições para o Sisu começam nesta terça

A classificação é de acordo com o desempenho obtido nas provas. (Foto: Internet)

As inscrições para a edição 2020 do segundo semestre do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começam nesta terça-feira (7). Estudantes interessados em concorrer a vagas em instituições públicas de ensino superior devem acessar o site do programa até esta sexta-feira (10). Mais de 51 mil vagas serão oferecidas em instituições do país.

Pela primeira vez, além dos cursos de graduação presenciais, o Sisu 2020.2 vai ofertar vagas na modalidade a distância (EaD). Podem participar da seleção candidatos que prestaram as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2019 e não tiraram nota zero na redação. Quem fez a prova na condição de treineiro está fora do processo.

De Pernambuco, apenas o Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão) oferece vagas nesta edição do Sisu. São 120 no total, distribuídas em quatro cursos: licenciatura em química em Ouricuri (35 vagas); viticultura e enologia em Petrolina (25 vagas); licenciatura em química (25 vagas) e gestão de tecnologia da informação (25 vagas) em Floresta.

LEIA MAIS

Renato Feder rejeita convite para assumir Ministério da Educação

(Foto: Divulgação)

O secretário de Educação e Esporte do Paraná, Renato Feder, anunciou neste domingo (5) que rejeitou o convite do presidente Jair Bolsonaro para assumir o Ministério da Educação. No Facebook, ele anunciou que o convite foi feito pelo presidente na última quinta-feira (2), mas que resolveu não aceitar.

“Recebi na noite da última quinta-feira uma ligação do presidente Jair Bolsonaro me convidando para ser ministro da Educação. Fiquei muito honrado com o convite, que coroa o bom trabalho feito por 90 mil profissionais da Educação do Paraná. Agradeço ao presidente Jair Bolsonaro, por quem tenho grande apreço, mas declino do convite recebido. Sigo com o projeto no Paraná, desejo sorte ao presidente e uma boa gestão no Ministério da Educação”, escreveu.

Secretário de Educação no Paraná, Feder já havia sido cotado desde a saída de Abraham Weintraub. No entanto, ele acabou sendo preterido, e o comando foi entregue a Carlos Alberto Decotelli.

Escolas particulares de Pernambuco solicitam volta das aulas em 21 de julho

Sistema de rodízio é sugerido pelo Sindicato (Foto: Reprodução/Internet)

As aulas na rede privada de Pernambuco podem voltar no próximo dia 21 de julho. Pelo menos é isso que solicita o Sindicato de Escolas Particulares de Pernambuco. Na sexta-feira (3) um documento do Sindicato foi entregue ao Governo do Estado, pedindo ainda um sistema de rodízio para as aulas.

Os colégios particulares estão fechados desde março e ainda não há inclusão do segmento escolar no Plano de Convivência estadual. Para viabilizar a retomada o próprio Sindicato elaborou um calendário, a ser executado por turmas.

Rodízio até agosto

Inicialmente voltam as turmas da educação infantil, 1º ano do ensino fundamental e 9º ano do ensino fundamental, além das três séries do ensino médio. A segunda etapa, prevista para 28 de julho, incluiria turmas do 2º ao 5º ano do ensino fundamental. A terceira, em 4 de agosto, teria turmas do 6º ao 8º ano do ensino fundamental.

Diálogo 

A Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco sinalizou que sentará com o segmento para dialogar e elaborar o plano. Enquanto isso, tanto a rede particular, quanto a pública seguem paralisadas. Apenas as aulas virtuais estão em vigência.

MEC deve oficializar secretário de Educação do PR como novo ministro

Renato Feder é o secretário da Educação do Paraná (Foto: Divulgação)

Renato Feder, atual secretário de Educação do Governo do Paraná, deverá ser oficializado como novo Ministro da Educação (MEC). A informação foi divulgada na manhã dessa sexta-feira (3), pela Rádio Bandeirantes e confirmada por fontes ligadas ao Governo Federal.

O nome de Feder ganhou força nos últimos dias, especialmente pelo seu perfil apaziguador. Caso confirmado, ele substituirá Carlos Decotelli, que ficou menos de cinco dias no MEC. Decotelli seria o primeiro ministro negro do Governo de Jair Bolsonaro (sem partido), mas caiu após uma sequência de polêmicas envolvendo seu currículo.

O MEC já teve três ministros desde o início da gestão Bolsonaro. O primeiro foi Ricardo Vélez Rodriguez, sucedido por Abraham Weintraub, exonerado depois de deixar o Brasil para morar nos Estados Unidos e Decotelli. Até o momento o Palácio do Planalto não se pronunciou oficialmente.

Prefeitura começa a entregar o segundo kit merenda aos alunos da rede municipal em Juazeiro

Os 35 mil alunos da rede municipal de ensino começaram a receber da Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Educação e Juventude – SEDUC, o segundo kit merenda, com objetivo de complementar a alimentação das crianças e adolescentes das escolas da sede e do interior, neste período de enfrentamento ao Coronavírus.

Nesta quarta e quinta-feira (1º e 2), os pais dos alunos das EMEIs Maria Suely, Jandira Borges, Caic e Ana Maria Morgado receberam os kits com feijão, arroz, frango, carne, macarrão, massa de milho, leite em pó, biscoito e frutas referentes à Agricultura Familiar.

A mãe, Maria Uanda, agradeceu ao prefeito por mais essa iniciativa. “Nesse momento de pandemia estamos enfrentando muitas dificuldades, meu esposo está desempregado, com dificuldade de pagar as contas, comprar alimentos. Com esse kit vai melhorar a alimentação da minha filha em casa, tanto no café da manhã como no almoço. O prefeito e a equipe da Educação têm cuidado com muito carinho dos nossos filhos, só tenho a agradecer”, avaliou a mãe da aluna da EMEI Maria Suely.

“Quando o nosso filho está na escola, ele recebe as refeições, mas como estamos em isolamento social é um aumento de gastos para as famílias que já não têm dinheiro suficiente, como a nossa. É um gesto muito nobre do prefeito, acredito que todos os pais e alunos estão muito agradecidos”, disse a mãe Paula Santos, da EMEI Jandira Borges.

A gestora, Tânia Rosa contou que tudo foi preparado com higienização e cuidados para a proteção dos pais e da equipe da escola. “Colocamos suportes com álcool gel, a sinalização com adesivos no piso para manter o distanciamento necessário, solicitamos o uso de máscaras da equipe e também dos pais. Essa é uma ação muito importante do Governo Municipal, principalmente para os alunos, muitos precisam desse kit para complementar a alimentação em casa. Parabéns ao prefeito e à secretária por cuidar dos nossos alunos”, ressaltou a gestora das EMEIs Maria Suely e Jandira, do bairro Tabuleiro.

O prefeito Paulo Bomfim, desde o início da pandemia no mês de março, já decretou várias medidas, como a entrega dos kits merenda no primeiro e segundo semestre, e a suspenção das aulas, buscando conter a expansão da Covid 19, além de várias outras medidas de cuidados e prevenção à população.

A secretária da SEDUC, Lucinete Alves, informou que a Prefeitura entregou no primeiro semestre mais de 260 toneladas de alimentos, que somam mais de 35 mil kits merenda para os alunos das 136 escolas da rede nas zonas urbana e rural do município. “Como fizemos no primeiro semestre, a entrega está seguindo o cronograma organizado pela equipe da SEDUC, e as equipes escolares estão entrando em contato om os pais marcando o dia e horário para buscar o kit na escola. Quero agradecer às gestoras, às equipes escolares e da SEDUC e ao prefeito Paulo Bomfim por esta ação tão importante que contribui para a alimentação dos nossos alunos”, conclui.

Segundo o cronograma da SEDUC, nesta e na próxima semana, vão receber os kits merenda os alunos de 11 unidades da Educação Infantil, as EMEIs Maria Suely, Jandira Borges, Caic, Ana Maria Morgado, Arlinda Alves, Gentil Damásio, Leni Lopes, Antônio Guilhermino, Aprígio Duarte, Nosso Senhor dos Aflitos e Anna Hilda.

Aulas presenciais em Pernambuco continuam suspensas até 31 de julho

Aulas estão suspensas até 31/07 (Foto: G1/Reprodução)

Aulas presenciais em Pernambuco, em escolas, faculdades e universidades públicas e privadas, estão suspensas até 31 de julho por causa da covid-19. Decreto estadual, publicado pela primeira vez em 18 de março, expira nesta terça-feira (30), mas será renovado por mais 31 dias.

“O Governo de Pernambuco prorroga a suspensão das atividades presenciais nas instituições de ensino em todo o Estado até o dia 31 de julho. A Secretaria de Educação e Esportes está trabalhando na elaboração de um plano para retomada das atividades presenciais que inclui um protocolo com diretrizes específicas para a Educação, observando todas recomendações pedagógicas e sanitárias”, diz nota do governo.

A expectativa agora é em relação ao plano de retomada da educação. Não há ainda data para ser divulgado. Mas já se sabe que o retorno será por etapas, gradualmente, como tem acontecido com as atividades econômicas. A data para reabertura das unidades de ensino depende, conforme o próprio governo, dos números de casos da covid-19.

LEIA MAIS

Decotelli entrega carta de demissão, diz blogueiro

(Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

O ministro da Educação, Carlos Alberto Decotelli, entregou na tarde desta terça-feira (30) a carta de demissão ao presidente Jair Bolsonaro. É o que informa o blog do Valdo Cruz, Comentarista de política e economia da GloboNews.

Até a última atualização da reportagem, não havia a confirmação de que Bolsonaro aceitou o pedido. A expectativa do governo é encontrar um novo nome para o posto ainda nesta terça.

Após a polêmica sobre títulos que diz possuir, desmentidos pelas instituições de ensino, a própria equipe do presidente aconselhou Decotelli a deixar o cargo.

Embora tenha publicado uma mensagem em rede social elogiando a capacidade do ministro, desde a noite desta segunda, o presidente já dava como insustentável a situação dele. Bolsonaro fez a publicação depois de ter se reunido com Decotelli e ouvido explicações.

São três os pontos questionados no currículo de Decotelli:

  • denúncia de plágio na dissertação de mestrado da Fundação Getúlio Vargas (FGV);
  • declaração de um título de doutorado na Argentina, que não teria obtido;
  • e pós-doutorado na Alemanha, não realizado.

Na última quinta-feira, Bolsonaro anunciou e o “Diário Oficial da União” publicou a nomeação do ministro. Mas no fim de semana, após se tornarem públicas inconsistências em seu currículo, nem chegou a tomar posse.

UNINASSAU Petrolina abre processo seletivo para professores

A Faculdade UNINASSAU Petrolina está selecionando professores para o semestre 2020.2. As inscrições podem ser feitas até próxima segunda-feira (6), exclusivamente pela internet. Há vagas para 23 disciplinas, distribuídas pelos cursos de Ciências Contábeis; Direito; Engenharias Civil, Elétrica e Mecânica; Farmácia, Nutrição e Psicologia.

A seleção

Os docentes devem encaminhar currículo lattes atualizado para o email do departamento selecionado (a lista de contatos está no edital). O processo seletivo será dividido em duas fases: análise curricular e avaliação escrita e didático-pedagógica. Serão levados em conta os títulos dos pleiteantes.

As cargas horárias de trabalho variam entre 40h e 60h, nos turnos da manhã, tarde e noite. As informações completas estão disponíveis no Edital. Mais informações basta procurar a UNINASSAU Petrolina, localizada na Avenida Clementino Coelho.

123