Bandidos explodem agência do BB em Campo Alegre de Lourdes

Bandidos carregavam explosivos

Uma agência do Banco do Brasil, localizada no município de Campo Alegre de Lourdes (BA) foi explodida por bandidos na madrugada desta terça-feira (6). As primeiras informações indicam que o grupo estava fortemente armado e carregava explosivos.

Veículos da região relataram que alguns moradores foram feitos reféns na fuga e liberados posteriormente. O Blog procurou a Polícia Militar da Bahia e o BB para confirmar mais informações acerca da ação. Contudo, até o momento nenhuma das partes se pronunciou.

Petrolina: agência do BB na Rua Coronel Amorim será fechada em abril

Foto: Reprodução/TV Grande Rio

As mudanças prometidas no Banco do Brasil começarão no mês de abril. No dia 19/04 a agência localizada na Rua Coronel Amorim, Centro de Petrolina, será fechada. Portanto, os clientes serão migrados à unidade localizada na Avenida da Integração.

“Os serviços contratados com a agência atual continuarão sem alterações“, informa o BB em email encaminhado aos clientes. Os petrolinenses devem ficar atentos, pois além da mudança no local de atendimento, haverá outra alteração.

Os números da nova agência e conta estarão disponíveis em até 3 dias, após a data da alteração“, diz o banco. A consulta aos nodos dados poderá ser feito através dos caixas eletrônicos, no portal bb.com.br ou aplicativo BB no celular.

As senhas utilizadas no cartão e atendimento online não serão modificadas, confirma o BB. Para mais informações, basta entrar em contato com o telefone (61) 4004-0001.

Bancários do Banco do Brasil de Juazeiro e região realizaram paralisação das atividades nesta quarta-feira

(Foto: Ivan Cruz)

O Movimento foi um protesto contra o plano de reestruturação do Banco anunciado pelo governo federal no mês passado. Estão fechadas durante 24h as agências de Casa Nova e Juazeiro, no Shopping Águas Center. A Agência do Centro da cidade, retardou sua abertura para às 11h.

Segundo o Sindicato dos Bancários de Juazeiro, essa reestruturação prevista pelo Governo Federal prevê a demissão voluntária de 5 mil funcionários e o fechamento de 112 agências, 242 postos de atendimento e sete escritórios. Ainda de acordo com o sindicato, o governo que implantar o descomissionamento de caixas e desgratificação para funcionários com mais de 10 anos de vínculo e a remoção compulsória.

O presidente do Sindicato dos Bancários de Juazeiro e Região, Maribaldes da Purificação, frisou que é o momento de ir à luta e garantir os direitos da categoria.  “Os funcionários pedem que o banco seja transparente e abra negociações com relação ao plano que prevê a demissão, em plena pandemia, de cinco mil funcionários. E voltamos a enfatizar que essa luta é do interesse da sociedade como um todo, pois com menos funcionários e menos agência, o atendimento que já é precário vai ficar muito pior”, disse.

Funcionários do Banco do Brasil de Juazeiro e região paralisam as atividades na próxima quarta-feira

Em assembleia virtual realizada nesta sexta-feira (5), bancários do Banco do Brasil de Juazeiro e de outras cidades do norte do estado da Bahia, aprovaram por unanimidade, segundo o sindicato da categoria, entrar em estado de greve e parar as atividades no dia 10 deste mês, próxima quarta-feira. A votação para chegar a essa decisão foi on-line e ocorreu das 8h às 18h e 100%.

Segundo o presidente do Sindicato dos Bancários de Juazeiro e região, Maribaldes da Purificação, o movimento da próxima semana pretende ampliar a mobilização contra a reestruturação do Banco, planejada pelo governo Bolsonaro e a direção da empresa.

LEIA MAIS

Funcionários do BB de Petrolina protestam contra fechamento de agência

(Foto: Paulo Ricardo Sobral/TV Grande Rio)

Funcionários do Banco do Brasil em Petrolina fizeram uma manifestação na manhã dessa sexta-feira (29), contra o fechamento da agência na cidade. A medida foi anunciada pelo presidente do BB e engloba diversas unidades do banco em todo país.

“Teremos a extinção da bateria de caixas e mais essa dificuldade de atender mal. Não estamos atendendo bem e vamos atender pior. A equação é matemática, tirou funcionário, aumenta a fila”, disse o presidente do sindicato dos bancários de Petrolina, José Augusto Ribeiro.

Hoje é um dia de manifestação em todo país. Os funcionários do BB decretaram paralisação de 24h, para demonstrar insatisfação contra o pacote de reestruturação que a direção da instituição anunciou. Com informações do G1 Petrolina.

Seeb de Juazeiro se diz indignado com fechamento de agências do BB

(Foto: Internet)

O Sindicato dos Bancários de Juazeiro e Região (Seeb-Juazeiro) emitiu uma nota repudiando o fato de que várias agências do Banco do Brasil serão fechadas. De acordo com o Seeb, o BB pretende “demitir 5 mil funcionários até o início de fevereiro e desativar 361 unidades, entre as quais 112 agências e 242 postos de atendimento”.

Para o Sindicato, além do prejuízo à população, o encerramento das atividades dessas unidades trará prejuízos aos trabalhadores. Por fim o Seeb denuncia que o BB vem constantemente reduzindo o quadro de funcionários. De 2016 até o começo desse ano houve uma diminuição de 16%.

Além da demissão, os caixas serão extinguidos. O banco vai precarizar os atendimentos e a população ficará impossibilitada de resolver as pendências bancárias. Nada justifica o desmonte do Banco do Brasil, uma instituição sólida e que, de 2016 a 2019, registrou crescimento, em termos nominais, de 122% no lucro líquido. No mesmo período, a receita de tarifas aumentou 22%, também em termos nominais“, disse o Presidente dos Bancários de Juazeiro, Maribaldes da Purificação.

Banco do Brasil realiza leilão de mais de 60 imóveis

(Foto: Internet)

O Banco do Brasil realizará no final deste mês os leilões de imóveis da ação Novembro Mágico. São 85 imóveis, entre eles, casas, apartamentos e terrenos, localizados nos estados do Ceará, Bahia, Alagoas, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Sergipe e São Paulo. As condições de pagamento são de 3% de desconto para pagamento à vista, 30% de entrada mais três parcelas sem juros, além disso, contam com lances a partir de R﹩ 24.538,64.

Em Maceió/AL, o apartamento localizado na Avenida Doutor Milton Henio Netto Gouveia é um dos destaques. O imóvel conta com 52,23m² de área privativa e está desocupado. O lance inicial é de R﹩ 71.191,08 m², 45% abaixo do valor avaliado.

Em São Paulo, na cidade de Mococa, com lances iniciais 50% abaixo do valor avaliado de R﹩146.000,00, possui uma casa com três dormitórios, sendo uma suíte, uma vaga de garagem e um banheiro. O local conta com 156m² de área de terreno e 80m² de área construída.

Os interessados poderão participar do leilão presencialmente no auditório da Frazão Leilões (Rua da Mooca, 3547 – São Paulo/SP), ou pela internet. O leilão já está aberto para receber lances pela internet.

Para mais informações sobre os imóveis, é só entrar no link: https://www.frazaoleiloes.com.br/leiloes/5588-5588-leilao-de-imoveis-banco-do-brasil

Fundação Banco do Brasil lança desafio para investir até R$ 3 milhões em Tecnologia Social

(Foto: Internet)

A Fundação Banco do Brasil lançou o Desafio Transforma! A iniciativa é um modelo de rodada de investimentos para projetos que reaplicam uma ou mais das 595 Tecnologias Sociais certificadas pela Fundação BB. As inscrições encerram no dia 25 de setembro de 2020, exclusivamente pelo site transforma.fbb.org.br/premios. As instituições proponentes devem ter no mínimo 2 anos de experiência na execução do objeto de intervenção.

As selecionadas receberão um investimento social de R$ 300 mil a R$ 500 mil cada, com foco na reaplicação de uma ou mais tecnologias sociais cadastradas na plataforma Transforma!, para promoção de soluções de impacto socioambiental nas temáticas de educação e meio ambiente.

O processo seletivo acontecerá em duas etapas, na primeira serão analisadas  as condições gerais dos projetos alinhados com os critérios de avaliação, e a segunda etapa por meio de apresentação de um pitch, que será avaliado por uma banca de especialistas.15

ulgação de até 10 projetos finalistas está prevista para a segunda quinzena de outubro e o resultado final para dezembro deste ano. O regulamento sobre a seleção pode ser conferido neste link. A iniciativa tem parceria da BB Tecnologia e Serviços (BBTS), BB Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários (BB DTVM) e Ativos S.A. Além de parceria com a Microsoft e Escola Nacional de Administração Pública (ENAP).

Grupo não conseguiu levar dinheiro do BB em Afrânio, afirma PM

Agência co BB de Afranio

Bandidos agiram na madrugada de hoje, 10/09 (Foto: WhatsApp/Reprodução)

A investida de um grupo criminoso contra a agência do Banco do Brasil, em Afrânio (PE), não foi bem sucedida. De acordo com a Polícia Militar, nenhum valor foi subtraído da unidade durante a madrugada dessa quinta-feira (10). Em nota, a PM afirma que policiais do 5º BPM receberam informações sobre o ataque por volta de 2h.

LEIA TAMBÉM

Criminosos explodem agência do Banco do Brasil em Afrânio

Efetivos do 5º BPM e 2º BIEsp, de Petrolina, foram até a cidade vizinha e constataram que os bandidos colocaram explosivos nos caixas eletrônicos. “Porém, não conseguiram subtrair nenhum valor. Não houve registro de feridos ou reféns”, destaca a PM. O grupo é formado por cerca de oito bandidos e teriam fugido sentido Piauí. Por precaução, as polícias militares da Bahia e Piauí foram alertadas sobre a fuga. Mas até o momento, a quadrilha não foi localizada.

Banco avaliará danos em prédio

O Blog Waldiney Passos também procurou o BB. Em nota, o banco afirmou que o atendimento nessa quinta-feira precisou ser suspenso, devido à ação dos bandidos. “Os criminosos usaram explosivos e fizeram disparos nos terminais de caixas eletrônicos, com suspensão dos serviços de telecomunicação da unidade. A administração local do BB aguarda a conclusão dos trabalhos de perícia da Polícia Técnica para melhor análise da situação do local. Equipes de engenharia e manutenção do Banco serão deslocadas até a unidade para avaliação dos danos e serviços de limpeza“, destaca a nota.

Atendimento em cidades vizinhas

Segundo o Banco do Brasil, ainda não é possível saber quando o atendimento na agência será retomado. Isso porque, também se faz necessária uma avaliação na estrutura do prédio. Quem precisar utilizar os serviços é orientado a buscar o BB em Paulistana (PI) ou em Petrolina.

Criminosos explodem agência do Banco do Brasil em Afrânio

Agência completamente destruída após a ação criminosa.

Um assalto à agência do Banco do Brasil em Afrânio foi registrado na madrugada desta quinta-feira (10). Os criminosos utilizaram explosivos durante a ação. Segundo informações de populares, os moradores acordaram assustados com o forte barulho da explosão. Além disso, foi possível escutar muitos tiros.

Em vídeos compartilhados nas redes sociais é possível identificar uma grande quantidade de cápsulas de munições utilizadas pelos criminosos. Após a ação, muitos curiosos foram até o local.

A agência ficou completamente destruída. A sede da prefeitura municipal, que fica no mesmo prédio, também foi danificada. Ainda não se sabe se os criminosos conseguiram levar algum dinheiro e nem a quantia.

Receita abre consulta ao 4º lote de restituição do Imposto de Renda nesta segunda-feira (24)

A Receita Federal abre nesta segunda-feira (24), às 9 horas, a consulta ao quarto lote de restituição do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2020. O crédito bancário para 4.479.172 contribuintes será realizado no dia 31 de agosto, totalizando o valor de R$ 5,7 bilhões.

Desse total, R$ 248.630.681,67 referem-se ao quantitativo de contribuintes que têm prioridade legal: 6.633 contribuintes idosos acima de 80 anos, 36.155 contribuintes entre 60 e 79 anos, 4.308 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 17.787 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

LEIA MAIS

Atual presidente do HSBC irá presidir o Banco do Brasil

O presidente do HSBC, André Brandão, em audiência no Senado em 2015. (Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado)

André Brandão, atual presidente do banco HSBC no país, aceitou convite do governo para presidir o Banco do Brasil. Ele vai substituir Rubem Novaes, que deixou o cargo na semana passada. De acordo com uma fonte da equipe econômica, ainda faltam alguns detalhes burocráticos para o anúncio oficial de Brandão.

Um dos pontos que pesaram a favor da escolha do executivo é o fato de ele ter um perfil considerado como semelhante ao do presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto. “Um banqueiro jovem, mas bastante experiente , técnico, discreto e apolítico”, explicou o integrante da equipe econômica do governo.

A informação de que o governo estava prestes a fechar com Brandão foi divulgada nesta sexta-feira (31), pela comentarista Cristiana Lôbo, na GloboNews, e no blog dela, no G1.

Brandão ingressou no Grupo HSBC no final de 1999, na área de renda fixa, vendas e câmbio. Em 2001, assumiu o cargo de diretor de tesouraria, e posteriormente, foi promovido a diretor-executivo de tesouraria. Ele também atuou como diretor da área de mercado do banco para toda a América Latina, antes de chegar à presidência, em 2012.

Brandão tem mais de 20 anos de atuação no mercado financeiro. Além do HSBC, já trabalhou também no Citibank, entre São Paulo e Nova York.

(Com informações do G1)

Após ação criminosa, agência do BB não abrirá nesta segunda-feira em Sertânia

Equipes ainda avaliarão danos na agência do BB

A agência do Banco do Brasil localizada em Sertânia (PE) não estará funcionando nesta segunda-feira (4). A unidade foi alvo de criminosos no feriado de 1º de Maio. Em nota enviada ao Blog Waldiney Passos o BB informou que os danos no prédio ainda serão avaliados.

LEIA TAMBÉM

Bandidos explodem agências bancárias em Sertânia

“Equipes de engenharia e manutenção do BB serão deslocadas até a cidade na próxima semana para avaliar os danos diversos danos causados à estrutura física e de cabos ópticos da agência, quando será possível iniciar os procedimentos de limpeza“, disse.

LEIA MAIS

Bandidos explodem agências bancárias em Sertânia

Duas agências bancárias foram alvo dos criminosos

Um grupo criminoso explodiu duas agências bancárias na madrugada dessa sexta-feira (1º), em Sertânia, Sertão de Pernambuco. Os bandidos investiram contra uma unidade da Caixa Econômica Federal e outra do Banco do Brasil.

Os moradores acordaram com barulhos dos tiros e explosivos, por volta de 2h30 da madrugada. Segundo a população, a ação criminosa durou uma hora. Eles fugiram e até o momento não há informações sobre o paradeiro dos bandidos.

Grupo não teve sucesso na ação, afirma PM

A Polícia Militar de Pernambuco informou que foi acionada pela própria população que avistou “indivíduos fortemente armados”. Eles bloquearam os acessos da cidade com grampos nas rodovias, a fim de dificultar a ação dos policiais.

Equipes do 3º BPM, BEPI, 1ª CIPM e da ROCAM atuaram na ação e de acordo com a PM, os criminosos não lograram êxito nas unidades, fugindo em seguida. “As informações indicam que os suspeitos não conseguiram levar nada da Caixa Econômica, pois ficaram atordoados por causa da emissão de gases da agência“, destacou a polícia.

Na fuga o grupo abandonou e incendiou dois veículos, fugindo para Monteiro (PB). A PM seguem em diligências. A Caixa e BB ainda não se pronunciaram oficialmente sobre o ocorrido.

Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal anunciam liberação de crédito para empresas em dificuldades por causa do coronavírus

(Foto: Internet)

O Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal vão oferecer crédito para empresas com dificuldades financeiras por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). O anúncio foi feito pelos presidentes da Caixa, Pedro Guimarães, e do Banco do Brasil, Rubem Novaes, e o ministro da Economia, Paulo Guedes, após reunião no ministério, em Brasília (DF).

O presidente da Caixa informou que serão destinados R$ 30 bilhões para compra de carteira de crédito consignado e de financiamentos de carros de bancos médios, caso essas instituições financeiras tenham dificuldades; R$ 40 bilhões para capital de giro, principalmente para empresas do setor imobiliário e as pequenas e médias; e R$ 5 bilhões para o crédito agrícola.

LEIA MAIS
12345