Objetos abandonados em calçada preocupam população da Cohab IV

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Moradores da Rua José Bruno de Brito, bairro Cohab Massangano IV, em Petrolina (PE), há aproximadamente quatro anos são obrigados a desviar de objetos de grande porte, estrutura metálicas, ainda não identificadas, abandonadas na calçada de uma residência localizada na referida rua. Além do incômodo, a população local denuncia outros problemas causados pelo equipamento.

“A casa está abandonada, os objetos estava dentro da casa, foi retirado e colocaram na calçada. Em tempo de chuva, o objeto junta água parada, enche de larvas de mosquito, e ninguém toma providência. Nós já presenciamos pessoas usando drogas por trás do objeto, além de animais que se acomodam na estrutura”, disse uma moradora.

Diante da denúncia, o Blog Waldiney Passos procurou a prefeitura, no intuito de saber quais providências serão tomadas para resolver o problema. Até o momento a gestão municipal não se pronunciou sobre a demanda.

Prefeitura entregará cartões para identificar comerciantes autorizados a trabalhar no centro de Petrolina

Os 140 comerciantes informais que atuam no Centro de Petrolina e foram cadastrados pelo programa Calçada Livre vão receber, a partir da próxima quarta-feira (4), os cartões de identificação que indicam o local em que eles podem atuar e também os artigos que cada um pode comercializar. O cartão faz parte do programa Calçada Livre, da prefeitura, que tem o objetivo de melhorar o ordenamento público da cidade.

Para receber a identificação, o ambulante deve comparecer à sede da Secretaria Executiva de Segurança Pública, localizada na Avenida Darci Ribeiro, 700, Maria Auxiliadora, das 8h às 12h, levando um documento de identificação pessoal com foto. O comerciante deve respeitar o espaço indicado no cartão e seguir algumas regras, como manter o local limpo, ter a unidade móvel seguindo as dimensões estabelecidas, emitir as devidas licenças para funcionamento do empreendimento, obedecer ao horário de funcionamento comercial, ou seja, das 8h às 18h e zelar pelo patrimônio público.

No caso de descumprimento de qualquer uma das regras previstas, a licença pode ser cancelada. Além disso, o cartão de identificação é intransferível e de porte obrigatório durante o exercício de atividade. Esse documento é a culminância de um trabalho que vem sendo desenvolvido desde o ano passado e começou com uma ação de conscientização e distribuição de panfletos, para orientar pedestres, ambulantes e comerciantes sobre a importância da desobstrução dos passeios públicos.

O secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Giovanni Costa, o resultado esperado com o trabalho desenvolvido é ter uma cidade mais organizada. “É uma orientação do prefeito Miguel Coelho que a equipe de Disciplinamento Urbano se empenhe em deixar as calçadas sem obstáculos, para não dificultar o fluxo de pedestres e pessoas com deficiência , mas de forma responsável, sem prejudicar o ganha pão dos trabalhadores que dali tiram o sustento das suas famílias”, constata.

Pai e filha de 3 meses são assassinados em frente de casa em Sento Sé

Na noite dessa segunda-feira (11), um duplo homicídio foi registrado no Povoado do Piçarrão, Sento Sé (BA). Um homem e sua filha de apenas 3 meses de idade foram assassinados a tiros.

De acordo com informações de populares, o pai estava na calçada de sua residência com a bebê no braço, quando dois indivíduos se aproximaram em uma motocicleta e realizou diversos disparos de arma de fogo contra a vítima.

Um dos tiros ateria atingido a barriga da criança, que foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos. O pai faleceu no local. Ainda não se sabe o que teria motivado a ação criminosa.

AMPPLA responde denúncia de morador sobre carros estacionados em calçadas no Loteamento Eduardo, em Petrolina

Prática tem se repetido diariamente. (Foto: Leitor)

Após um morador do Loteamento Eduardo denunciar a prática irregular de alguns condutores que têm estacionado seus veículos em calçadas do bairro, atrapalhando a circulação de pedestres, a Autarquia Municipal de Mobilidade (AMMPLA) informou, por meio de nota, que os motoristas estão sujeitos a multas.

LEIA TAMBÉM

Morador reclama de carros estacionados em calçadas no Loteamento Eduardo

A irregularidade praticada pelos condutores constitui infração grave, o que gera multa de R$ 195,23 e remoção do veículo. A AMPPLA pede que a população denuncie esse tipo de infração.

Confira a íntegra da nota

A Autarquia Municipal de Mobilidade (AMMPLA) informa que vem desenvolvendo diversas ações com objetivo de alertar os condutores sobre estacionamentos em locais proibidos.

Vale destacar que de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), tal irregularidade se constitui em infração grave, o que gera multa de R$ 195,23 e remoção do veículo.

Para colaborar nas ações, a população pode denunciar esse tipo de infração através do telefone (87) 98835-2284, que é número da central de Ocorrências de trânsito da AMMPLA, e funciona das 7h até 1h da manhã, ou através do telefone da Ouvidoria do Município, 156”, ressalta a nota da autarquia“.

Entulho e lixo toma conta de calçada em rua no Centro de Petrolina

A Av. Barão do Rio Branco, no Centro de Petrolina (PE), está sendo palco de mais um local com acúmulo de lixo e entulho na cidade. Os carroceiros chegam no local sem vergonha alguma e despejam toda a sujeira nas calçadas.

Na esquina entre a avenida e a rua do Cajueiro é possível encontrar restos de podas de árvores e de construções. O local está se transformando em um verdadeiro lixão em pleno centro da cidade.

Moradores da Cohab Massangano reclamam de material para construção em calçada

(Foto: WhatsApp)

Os moradores da Cohab Massangano estão reclamando de algumas residências do bairro que estão com material para construção em suas calçadas. Areias e parte de entulhos atrapalham as pessoas que transitam pela rua 21 do bairro.

De acordo com alguns moradores, o problema prejudica, principalmente, os idosos do bairro, que precisam descer a calçada para poder seguir o caminho. “Isso acontece em várias casas. Os moradores se acham os donos da rua e fazem isso. Minha avó precisa de ajuda sempre que passa por aqui. Já tem mais de um mês essa situação”.

Juazeiro: Leitor reclama de falta de planejamento em construção de calçada no bairro Malhada da Areia

(Foto: WhatsApp)

Um leitor entrou em contato com o blog Waldiney Passos para reclamar da obra de uma calçada que foi construída e depois quebrada no bairro Malhada da Areia, em Juazeiro (BA).

Segundo a denúncia, foram construídos o asfalto e a calçada de passeio no local. Contudo, depois da obra, foi necessário quebrar a calçada nova para fazer a ligação das fiações elétricas.

“Falta de planejamento, ou seja, essa calçada teve um custo para os cofres da prefeitura, dinheiro esse que foi para o ralo e poderia ter gasto com outra coisa”, criticou o leitor.