Projeto fotográfico desenvolvido na UBS do bairro Antônio Cassimiro incentiva gestantes para a realização do pré-natal

O primeiro ensaio foi feito no Parque Municipal Josepha Coelho. (Fotos: Bianca Luara)

Durante a gestação, a realização do pré-natal é fundamental na prevenção ou detecção precoce de patologias tanto das mães como dos bebês, proporcionando um desenvolvimento saudável do bebê e reduzindo os riscos da gestante. Pensando nisso, um projeto pioneiro desenvolvido na Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Antônio Cassimiro, em Petrolina (PE), tem feito a diferença.

A iniciativa partiu da Enfermeira Louise Mangabeira, que atua há dois anos no Antônio Cassimiro, principalmente no atendimento às gestantes. Em entrevista ao Blog Waldiney Passos, ela contou o que motivou a criação do projeto fotográfico que vem dando resultados positivos.

“Inicialmente era uma questão de autoestima, com o objetivo de mostrar que a gravidez por mais que tenha complicações, ela também é uma fase bonita. Eu percebia que para as pacientes, a gestação era só mais uma fase da vida, mas que não era uma fase de comemoração , o longo período da gestação não era comemorado. Aliado a isso veio o incentivo ao pré-natal”, disse.

Intitulado “Doce espera”, o projeto conta ainda com a maquiadora Monalisa Ellen e com a fotógrafa Bianca Luara, que se dispuseram a embarcar, de forma voluntária, no projeto idealizado por Louise. O primeiro ensaio do projeto foi feito há pouco mais de um mês, no Parque Municipal Josepha Coelho, e beneficiou cinco gestantes que seguiram todos os requisitos, o cumprimento do pré-natal, é o principal deles.

“O pré-natal é de suma importância para a gestação. O projeto premia as gestantes que fazem todas as consultas, que participam das palestras educativas,  e cumprem todo o processo”, explica Louise. “É uma rede de mulheres beneficiando outras mulheres. O que eu quero é que nos próximos anos tenham mais pessoas envolvidas, mais maquiadores e fotógrafos disponíveis e que mais gestantes sejam assistidas por esse projeto”. 

Larissa Fernanda da Silva Oliveira foi uma das beneficiadas no primeiro ensaio. “Foi a melhor coisa que me aconteceu, foi maravilhoso, a maquiagem, as fotos. Foi muito bom participar desse projeto, se não fosse elas eu não teria condições de fazer um ensaio fotográfico”, ressalta.

Vacinação de gestantes é fundamental para proteger bebês, dizem especialistas

(Foto: Internet

Tema que encerrou a Jornada Nacional de Imunizações na tarde de ontem (7), a vacinação de gestantes foi apontada por especialistas como fundamental para proteger bebês contra doenças que podem infectá-los antes de chegar o momento da imunização. As coberturas vacinais entre grávidas, apesar de terem se elevado ao longo dos últimos anos, continuam abaixo das metas estabelecidas.

O calendário nacional de vacinação do Ministério da Saúde recomenda que as gestantes estejam em dia com a vacina contra a hepatite B, que se vacinem nas campanhas anuais contra a gripe e que tomem também a vacina dTpa, que previne a difteria, o tétano e a coqueluche.

Dados apresentados no encontro pelo Programa Nacional de Imunizações mostram que a vacinação de grávidas contra o vírus influenza ficou em 84,6% na campanha de 2019 – abaixo da meta de 90%. No caso da a vacina dTpa, a cobertura em 2018 foi de 62,81%, também inferior aos 95% pretendidos.

A vacinação de gestantes com a dTpa no Brasil começou em 2014, como uma reação ao aumento de casos de coqueluche, que tem incidência considerável entre bebês menores de 2 meses – idade mínima para tomar a primeira dose contra a doença. A partir de 2017, a vacina passou a ser recomendada para gestantes a partir da 20ª semana como forma de proteger o recém-nascido.

A taxa de imunização de 2018 com a dTpa, apesar de baixa, é a maior desde 2014 e o presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações, Juarez Cunha, defende que é preciso informar mais a população e capacitar os profissionais de saúde para que não sintam insegurança no momento de indicar as vacinas às gestantes.

“[A vacinação da gestante] É a principal forma de proteger o bebê nos primeiros meses de vida, quando há o maior risco. Temos muito a percorrer na cobertura vacinal da gestante e temos certeza que, a partir do momento em que a gestante souber que isso é uma forma de proteger o bebê, ela vai se vacinar. Mas, para isso, também precisamos que os nossos profissionais de saúde indiquem a vacinação”.

Com informações da Agência Brasil

Prefeitura de Casa Nova realiza entrega de enxovais para gestantes

(Foto: Ascom)

A prefeitura de Casa Nova (BA), através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social entregou na manhã da última segunda-feira (22), kits natalidades às mães gestantes, acompanhadas pelo Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família – PAIF no CRAS, localizado na Quadra X, bairro Topol.

A entrega foi feita pela secretária Maria da Silva Dias (Maria Regina), juntamente com o Técnico Misael Carlos. “O cuidado com a mulher gestante faz parte da política de assistência social de Casa Nova e passou a ser prioridade; o que antes se resumia aos atendimentos da saúde, por exemplo, atualmente faz parte de todas as áreas, inclusive no social. Essa é uma determinação do prefeito Wilker Torres que cumprimos com prazer”, disse Maria Regina .

LEIA MAIS

Aprovado projeto que garante às gestantes o direito de remarcar testes de aptidão física dos concursos públicos

(Foto: Ascom)

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou nesta quarta-feira (20) o Projeto de Lei 83/2018, que garante às gestantes inscritas em concursos públicos o direito de fazer as provas de aptidão física em data diferente da estabelecida em edital. A proposta, de autoria do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), foi aprovada em caráter terminativo e segue para análise da Câmara.

O projeto estabelece que a remarcação do teste físico será concedida independentemente do período da gravidez; da condição física e clínica da candidata gestante; ou do grau de esforço do exame físico e do local de sua realização.
Para o senador, as candidatas gestantes não podem ser prejudicadas na disputa por um cargo público.

“Quando existem provas de aptidão física nos concursos públicos, as gestantes acabam perdendo a oportunidade de acessar o serviço público por não ter como atender os requisitos das provas físicas. Com essa iniciativa, aprovada por unanimidade na CCJ do Senado, estamos dando um grande passo para ter reconhecido mais um direito da mulher”, afirmou Fernando Bezerra Coelho.

PLS 88/2015

FBC lembra que o Senado aprovou outro projeto de sua autoria em defesa dos direitos das mulheres. O PLS 88/2015 combate a discriminação salarial no mercado de trabalho ao endurecer a punição das empresas que pagarem salários diferentes para homens e mulheres que desempenham a mesma função. A proposta foi aprovada pelo plenário do Senado na semana passada e será analisada pela Câmara dos Deputados.

O texto prevê pagamento de multa pela empresa que descumprir o dispositivo da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) que proíbe considerar o gênero como variável determinante para remuneração, formação profissional e oportunidades de ascensão profissional.

Segundo o senador Fernando Bezerra Coelho, nas pequenas empresas, a diferença salarial entre homens e mulheres é de 20%. Nas médias e grandes empresas, essa diferença pode chegar a 40%. “Não podemos aceitar que as mulheres tenham salários menores quando fazem o mesmo tipo de trabalho. A CLT já prevê pagamento de multa, mas essa triste realidade continua existindo”, disse.

Se for constatada a ilegalidade por meio de ação judicial, a empresa terá que pagar multa que corresponde ao dobro da diferença salarial verificada mês a mês. “Se o homem ganha R$ 100,00 e a mulher ganha R$ 80,00, a multa será de R$ 40,00 e será aplicada em favor da funcionária prejudicada. Isso endurece a legislação para proteger o direito da mulher brasileira”, explicou.

Flagrante: Gestantes dormem em bancos e cadeiras na maternidade de Juazeiro

(Foto: Reprodução/WhatsApp)

Fotografias que circulam nas redes sociais e em grupos de WhatsApp da região, desde a manhã desta quarta-feira (12) mostram gestantes dormindo em bancos e cadeiras na Maternidade de Juazeiro (BA), localizada no bairro Santo Antônio. As imagens disseminadas na internet, mostram o descaso e desrespeito da gestão municipal com as pacientes.

A mensagem descritiva que acompanha as fotos, afirma que as mulheres grávidas resolveram dormir de forma improvisada por que no Hospital não tem leitos disponíveis para abrigar todas as pacientes.

LEIA MAIS

Palestra discute consumo de álcool e drogas na gestação

(Foto: Ascom)

Na manhã dessa quarta-feira (11) o Grupo de Apoio às Mães de Prematuros do Hospital Dom Malan/IMIP promoveu uma palestra sobre o consumo de álcool e drogas na amamentação. Realizada na Casa de Apoio, a discussão trouxe informações e orientações às mães.

O GAMP realiza encontros periódicos e discute temas trazidos pelas próprias mães que têm seus filhos internados na unidade. A idealizadora do projeto, Juliana Benevides explica como funciona o grupo. “Temos um cronograma flexível e as ações acontecem de uma a duas vezes por semana. Nesta sexta, por exemplo, teremos um novo encontro às 10h, onde abordaremos a necessidade de cuidarmos do cuidador e a arte da convivência”.

O Grupo foi criado com a missão de incentivar as mães a amamentarem os bebês prematuros e como uma troca de experiência entre os profissionais do HDM.

Mulheres gestantes do bairro Malhada da Areia, em Juazeiro, participam de atividades alusivas à Semana do Bebê

(Foto: ASCOM)

A VIII Semana do Bebê iniciada na última segunda-feira (14) continua realizando diversas atividades no município nas áreas da Saúde, Social e Educação. Nesta quarta-feira (16), a equipe do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) do bairro Malhada da Areia reuniu dezenas de gestantes para discutir o tema da primeira infância e os cuidados com a gestação.

Profissionais como assistente social, educador social e psicóloga conversaram com as futuras mamães esclarecendo também dúvidas sobre benefícios a que têm direito e garantias no momento do parto, além da troca de experiências. “Temos um público relativamente grande de gestantes no CRAS do bairro, principalmente em se tratando de adolescentes. Conseguimos atrair uma grande quantidade de grávidas para conversamos sobre as dificuldades e também as alegrias pelas quais passam durante essa fase de suas vidas. As informações aqui passadas serão retransmitidas para aquelas que não puderam comparecer”, destacou a psicóloga Morgama Moura.

LEIA MAIS

Prefeitura qualifica equipes que atuam na assistência às gestantes em Petrolina

(Foto: Internet)

Com o intuito de melhorar a qualidade da assistência de Pré Natal ofertada pelo município de Petrolina às gestantes, a Secretaria de Saúde promoverá, entre os dias 14 e 15 de março a “capacitação de pré-natal de alto risco”.

O evento, voltado para médicos e enfermeiros que atuam na Atenção Básica de Petrolina, será ministrado pela médica Sindara Parente, uma das referências em pré-natal de alto risco da AME Policlínica.

De acordo com a secretária executiva de Atenção à Saúde, Ana Carolina Freire, a capacitação será levada a todas as unidades básicas de saúde de Petrolina. “Inicialmente serão todas as UBS’s da zona urbana, e depois da zona rural. Esta é uma capacitação muito importante, já que auxilia diretamente nos cuidados com a gestante e a redução da mortalidade infantil”, ressalta.

Maternidade de Juazeiro conta com projeto ‘Boas Vindas’ para gestantes

(Foto: Divulgação)

Na manhã desta quinta-feira (09), uma equipe multiprofissional da Maternidade de Juazeiro recebeu no local, gestantes acompanhadas na Unidade Básica de Saúde de Palmares. A iniciativa faz parte do projeto ‘Boas Vindas’.

A secretária da Saúde, Fabíola Ribeiro, realizou a abertura da atividade, acompanhada pela equipe de superintendentes da Secretaria de Saúde de Juazeiro. O projeto ‘Boas Vindas’ foi criando com o intuito de preparar mulheres para o momento do parto.

“É uma estratégia para levar mais informação para as mulheres que fazem o acompanhamento pré-natal na nossa Atenção Básica e que irão parir na nossa Maternidade. Durante esses encontros, elas vão conhecer todo o trabalho que é desenvolvido aqui, além de tirar suas dúvidas sobre como se preparar para o trabalho de parto”, explica a secretária da Saúde, Fabíola Ribeiro.

As atividades do projeto são divididas em dois momentos. Um deles será realizado todas as quintas-feiras, a partir das 10h, na Maternidade. Durante este encontro, as gestantes vão conhecer o trabalho desenvolvido no local, e como será seu acompanhamento, desde o momento da triagem até o trabalho de parto.

O outro momento será por meio de visitas da equipe da Maternidade nas Unidades Básicas de Saúde, com a promoção de uma roda de conversa que visa tirar dúvidas das gestantes sobre a gestação, amamentação e outros temas.

Juazeiro: Projeto ‘Boas Vindas’ tira dúvidas das gestantes sobre o parto

Outras rodas de conversa serão agendadas com os demais Postos de Saúde do município. (Foto: ASCOM)

Gestantes atendidas na Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Palmares, em Juazeiro, participaram na última quinta-feira (19) da primeira roda de conversa do projeto “Boas Vindas”. A ação tem o objetivo de tirar dúvidas das gestantes acompanhadas pela Atenção Básica do município, além de apresentar o trabalho realizado pela Maternidade de Juazeiro.

De acordo com a psicóloga da Maternidade, Luciana Lustosa, cerca de 30 pessoas participaram do primeiro encontro, entre mulheres grávidas, acompanhantes e agentes comunitários de saúde.

“Este trabalho segue uma diretriz da rede cegonha, que considera importante estabelecer um vínculo entre as gestantes e a maternidade. Tivemos uma roda de conversa bastante proveitosa, discutindo um pouco sobre a gestação, aspectos psicológicos e o trabalho de parto”, relata.

LEIA MAIS

Programa ‘Criança Feliz’ beneficiará mais de 900 famílias em Petrolina

O programa tem como foco gestantes e crianças de até três anos beneficiárias do Bolsa Família. (Foto: ASCOM)

Um dia após lançar um projeto de incentivo à interação entre crianças e idosos, a Prefeitura de Petrolina dá mais um passo nos cuidados com a primeira infância. O prefeito Miguel Coelho lançou nesta quinta-feira (28), o programa ‘Criança Feliz’ que visa ao apoio e acompanhamento do desenvolvimento físico, emocional e social dos pequenos.

O  programa deve beneficiar mais de 900 famílias na cidade contribuindo não só com o desenvolvimento das crianças, mas também com todo o convívio familiar como ressaltou Miguel Coelho durante lançamento no Parque Josepha Coelho.

“O nome “Criança Feliz” é muito apropriado porque nós acreditamos que as maiores beneficiárias deste programa são as famílias e consequentemente suas crianças. Com estas visitas, nós conseguiremos trazer momentos de reflexão às famílias que serão atendidas. Desde quando este programa foi lançado que nós fomos atrás para trazer para cá porque ele tem um papel fundamental não só para a primeira infância mas também para as políticas sociais”, disse o prefeito.

LEIA MAIS

Juazeiro: começa distribuição de repelentes para grávidas beneficiárias do Bolsa Família

(Foto: ASCOM)

A entrega de repelentes para as gestantes beneficiárias do Bolsa Família de Juazeiro (BA) foi iniciada nessa segunda-feira (27) durante um ato solene no Hospital Materno Infantil. A ação foi desenvolvida pela Secretaria de Saúde (Sesau) do município, em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (Sedis).

Segundo o secretário de Saúde, Plínio Amorim, até o fim da semana, todas as Unidades de Saúde estarão abastecidas. “A distribuição para as gestantes beneficiárias do Bolsa Família seguirá a programação das Unidades de Saúde, visto que será necessário um trabalho educativo acerca do uso do produto e dos cuidados para combater o Aedes Aegypti. Nos próximos meses, as mulheres poderão pegar o repelente durante a consulta de pré-natal”, esclarece.

O objetivo do evento foi formalizar o início da entrega dos repelentes e, na ocasião, foi realizado um trabalho educativo acerca do uso do produto. Cada gestante tem direito a dois frascos mensais, além da distribuição de um folder explicativo. A diretora médica do Hospital Materno Infantil, Fabíola Ribeiro, realizou as devidas orientações.

LEIA MAIS

Evento para gestante acontece nesta segunda em Petrolina

(Foto: Ilustração)

A Secretaria de Saúde de Petrolina promove nesta segunda (27) e terça (28), o um evento para as gestantes do município, com o tema ‘Mães da nossa terra’. O encontro conta com a participação de diversos profissionais da área de saúde.

A programação conta com orientações de cuidados e no pós-parto, feitas por um enfermeiro, nutricionista e um fisioterapeuta. A secretária de saúde do município, Magnilde Albuquerque, acredita que o momento será ideal para que as futuras mães tirem suas dúvidas.

“Serão dois dias importantíssimos para nossas gestantes. Um momento de tirar dúvidas com os profissionais de saúde e dar mais segurança para a mãe em relação a um dos períodos mais importantes da vida de uma mulher”, destacou.

Além das palestras e consultas com os profissionais, serão sorteados kits (bolsa com produtos de higiene e um pacote de fraldas) entre as participantes.

O evento acontece a partir das 8h no auditório do Senac e não há necessidade de inscrição prévia.

Comissão aprova distribuição gratuita a gestantes de repelentes contra Aedes aegypti

(Foto: Arquivo)

(Foto: Arquivo)

A Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 5461/16, do Senado, que torna obrigatória a distribuição às gestantes, de graça, repelente com eficácia comprovada contra o mosquito Aedes aegypti.

A proposta acrescenta dispositivo ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA – Lei 8.069/90). A lei garante à gestante, nutrição adequada, atenção humanizada à gravidez, ao parto e ao pós-parto e atendimento pré-natal, perinatal e pós-natal integral no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

A relatora na comissão, deputada Gorete Pereira (PR-CE), afirmou que várias medidas podem ser usadas para prevenir a ocorrência da microcefalia decorrente da infecção pelo Zika vírus. “O uso de repelentes adequados, não tóxicos e que protejam efetivamente a gestante é condição de primeira linha.”

LEIA MAIS

Programa “Anjo da Guarda” para gestantes acontece no próximo sábado

(Foto: ASCOM)

(Foto: ASCOM)

O Dia D do Programa Anjo da Guarda, oferecido para gestantes, acontecerá no próximo dia 09, das 8h às 14h, em 19 unidades de saúde do município. Durante a ação, a equipe do Anjo da Guarda realiza consultas de pré-natal e o cadastramento das gestantes no programa.

Relação das Unidades de Saúde:

AME/UBS CADASTRADA                   BAIRROS ATENDIDOS

AME Leonor Elisa                           Dom Avelar, Monsenhor Bernardino, Terras do Sul

AME Lia Bezerra                             José e Maria, Santa Luzia, Loteamento Recife

AME Bernardino Campos             Vila Eduardo, Areia Branca

AME João Moreira                          Henrique Leite, Serrote do Urubu

AME Roza Maria                             Gercino Coelho, Centro, Agrovila Massangano, Caititu

AME Josefa Silva                             Pedra Linda

AME Maria de Lourdes                  Antônio Cassimiro

AME Maria do Socorro Gil            Ouro Preto, Jardim Amazonas e Alto do Cocar

UBS Álvaro Rocha                           João de Deus

UBS Anália Batista                          Cosme e Damião, Jardim São Paulo

UBS Dra Sinhá                                 Alto da Boa Vista, São Gonçalo

UBS Ricardo Soares                        Cohab Massangano, Rio Corrente, Cohab VI

AME Gildevânia de Oliveira           PSNC N5, N4

UBS N11                                            PSNC 10, 11

UBS C1                                               C1, N3

AME Isaac Cordeiro                         Izacolândia, Nova Descoberta e Bebedouro

AME Plinio Amorim                         Rajada, Pau Ferro, Caititu, Uruás

UBS PSNC KM25                              PSNC KM 25

AME Hildo Diniz                               N8, C3, N7

Com informações da ASCOM