Protetora de animais que denunciou pedradas no portão relata que situação foi resolvida

Na última semana o Blog publicou uma matéria sobre uma protetora de animais, que denunciou um fato preocupante no bairro Jardim Amazonas, em Petrolina. Pessoas começaram a arremessar pedras no portão da residência de Mery Duarte, após ela tomar a decisão de alimentar animais de rua.

LEIA TAMBÉM

Pedradas no portão: Moradora do Jardim Amazonas, em Petrolina, é alvo de ataques após começar a alimentar animais de rua

Em contato com o Blog nessa semana, Mery trouxe uma atualização do fato. Ela tinha uma suspeita de que as pedradas foram uma retaliação por sua atitude como protetora. Porém, houve uma infeliz coincidência, que já foi solucionada.

LEIA MAIS

Leitor fica na bronca com PM sobre cumprimento do decreto de “lockdown” em Petrolina

(Foto: SDS)

Apenas as atividades classificadas como essenciais pelo Governo de Pernambuco estão autorizadas a funcionar, mas em Petrolina um morador do bairro Jardim Amazonas afirma que há várias pessoas contrariando as determinações desde a semana passada.

“Vejo muitos estabelecimentos desrespeitando o decreto, principalmente nas Ruas 7 e 8 estão com lojas e bares abertos”, conta o denunciante. O flagrante poderia ter sido observado pela Polícia Militar de Pernambuco, caso uma equipe fosse destacada ao local. Segundo relata o leitor, quem deveria estar atento ao cumprimento do decreto fez pouco caso. “Fiz denúncia pra 190 e notei o descaso em acolher minha denúncia“, afirmou.

PM afirma não ter sido acionada

Em nota, a PM-PE afirmou não ter registrado qualquer ocorrência no Jardim Amazonas através do 190. “Ao tomar ciência da informação noticiada pela imprensa, encaminhou viaturas ao local com o objetivo de verificar o fato. Nada foi constatado, no momento, apenas os serviços essenciais estavam funcionando“, diz o comunicado.

A instituição reforça a importância do registro de queixas pelo 190. “Ratificamos a importância do registro de ocorrências através do 190, a fim de denunciar atividades que vão de encontro ao Decreto Governamental 50.433, que proíbe, em todo o estado, em qualquer dia e horário, o funcionamento de estabelecimentos e a prática de atividades econômicas e sociais, de forma presencial. O policiamento no local é realizado através de Guarnições Táticas e Motopatrulheiros, que contam, ainda, com o apoio do Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI)“, afirma a nota.

Petrolina: pacientes atendidos no Posto de Saúde do Alto do Cocoar devem procurar atendimento em outra unidade

(Foto: Ascom/PMP)

Os moradores que estavam acostumados a serem atendidos no Posto de Saúde do bairro Alto do Cocar, em Petrolina, serão atendidos agora na Unidade Básica de Saúde (UBS) no bairro Jardim Amazonas. O atendimento nesta unidade será por tempo limitado.

O motivo é que a equipe de manutenção da Secretaria de Saúde fará a troca da rede elétrica e realizará alguns reparos no prédio do Alto do Cocar. Após a conclusão dos trabalhos, ainda sem data prevista, será feita a limpeza da unidade para restabelecer todos os serviços.

Petrolina: vereadora Cristina Costa emite nota de pesar pelo o assassinato da professora Kezzia

(Foto: Redes Sociais)

A vereadora Cristina Costa (PT), Presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Câmara de Vereadores de Petrolina, emitiu nota neste domingo (12), lamentando o assassinato da professora Kezzia Homeilly. O fato ocorreu na noite de ontem, sábado (11), na rua 8 do bairro Jardim Amazonas, na Zona Norte da Cidade. Kezzia foi assassinada com 14 facadas por seu ex-companheiro, que não aceitava o fim do relacionamento.

Leia na íntegra a nota da vereadora Cristina Costa – Comissão da Mulher.

LEIA MAIS

Tragédia: Polícia confirma morte de mulher com 14 facadas em Petrolina; veja vídeo

Sobre a morte da professora de educação infantil, Kezzia, 32 anos, que noticiamos ontem a noite, fato ocorrido na rua 8, bairro Jardim Amazonas, em Petrolina, a polícia confirmou que por volta das 19h50, o acusado, esposo da vítima, desferiu 14 facadas nela, que não resistiu aos ferimentos e teve morte imediata.

Ainda em estado de choque, o acusado permaneceu no local do crime, sentado em uma calçado próximo ao corpo da vítima, onde foi preso em flagrante por policias da GT 202 com o apoio da GT 209.

Em um vídeo postado nas redes social, ele comenta “não, valoriza, não valoriza, passei o dia todinho rodando atrás dela, ninguém sabe aonde a mulher tava”.

O imputado foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil para adoção das medidas pertinentes ao caso.

Homem mata mulher no Jardim Amazonas e fica próximo ao corpo “não valoriza”

O fato ocorreu na noite deste sábado (11) na rua 8 do bairro Jardim Amazonas em Petrolina. Após cometer o crime, o homem com quem era casada, ficou sentado em uma calçada próximo ao corpo murmurando  “não, valoriza, não valoriza, passei o dia todinho rodando atrás dela, ninguém sabe aonde ela tava”.

A vítima foi a professora de educação infantil, Kezzia, ela tinha três filhos.

Guarda Civil de Petrolina prende homem com quase 1kg de maconha no Jardim Amazonas

Droga encontrada com acusado.

Na manhã desta quinta-feira (28), um jovem, de 22 anos, foi detido pela Guarda Civil Municipal de Petrolina transportando quase 1kg de maconha em uma mochila. Os guardas abordaram o suspeito durante patrulha de rotina no Jardim Amazonas, zona norte.

A equipe policial observou o passageiro de um mototáxi agir de forma suspeita ao perceber a presença dos guardas locais. Quando se aproximaram do rapaz, ele tentou fugir.

LEIA MAIS

Homem é preso após quebrar perna do próprio pai no Jardim Amazonas, em Petrolina

Material apreendido com o acusado.

No início desta semana, policiais do 2° BIEsp foram solicitados pela Central Telefônica para fazer deslocamento até o bairro Jardim Amazonas, em Petrolina (PE), e averiguar uma possível lesão corporal.

Ao chegar no local, o suspeito empreendeu fuga, sendo alcançado pelo efetivo policial. Ao ser revistado, foi encontrado com o acusado um simulacro de arma de fogo, um invólucro contendo 10g de maconha e uma faca.

LEIA MAIS

Prefeitura afirma que problemas na Rua 17 do Jardim Amazonas já estão sendo resolvidos

Moradores se queixaram com Blog sobre situação (Foto: Reprodução/WhatsApp)

O Blog mostrou na sexta-feira (25) a queixa dos moradores da Rua 17, no bairro Jardim Amazonas. Eles afirmam que o asfalto implantado pela Prefeitura de Petrolina é de baixa qualidade e que o serviço estaria inacabado. Nossa produção havia procurado a gestão, mas não havia obtido resposta a tempo de concluir a matéria.

LEIA TAMBÉM:

Moradores do Jardim Amazonas cobram atenção da Prefeitura sobre pavimentação na Rua 17

Após a publicação da matéria a secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA) informou em nota que “realiza o trabalho de pavimentação na Rua 17 do Jardim Amazonas com material conhecido como Tratamento Superficial Duplo (TSD) seguindo os mais altos padrões de qualidade”.

A nota afirma ainda que testes são feitos para comprovar a qualidade do material e que “durante a execução do serviço alguns problemas pontuais foram constatados e que já estão sendo resolvidos graças à articulação da SEINFRA junto à empresa responsável pela obra”, conclui a nota.

Moradores do Jardim Amazonas cobram atenção da Prefeitura sobre pavimentação na Rua 17

Um grupo de moradores do bairro Jardim Amazonas, em Petrolina (PE), procurou a redação do Blog nesta sexta-feira (25) para apresentar uma queixa quanto ao asfalto que está sendo implantado na Rua 17. Segundo a comunidade, o serviço custeado pela Prefeitura Municipal ainda está em andamento, porém, já apresenta problemas.

O asfalto estaria descolando e ganhou o apelido de “asfalto chocolate” pelos moradores. A obra ainda não foi concluída e isso vem causando outros problemas. “A gente queria que a Prefeitura fizesse esse asfalto. Mas tem gente pagando umas pessoas para concluir serviço, essa obra tem meses. A calçada é uma coisa boa, mas o asfalto deixa a desejar”, desabafou.

Nossa produção entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina, solicitando informações a respeito do serviço na Rua 17. Entretanto, ainda não tivemos retorno. O espaço do Blog segue aberto aos esclarecimentos.

Acusados de cometer homicídio em Petrolina são presos no Mato Grosso do Sul

(Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Após trocas de informações entre as Polícias Civil de Petrolina e de Campo Grande (MS) três homens acusados de envolvimento com um homicídio praticado em Petrolina foram presos. Ailton Luiz da Silva, Emerson Siqueira da Silva e Enderson Siqueira da Silva – pai, filho e sobrinho – foram detidos na tarde de quarta-feira (28) no Mato Grosso do Sul.

O trio teria assassinado Francisco de Assis Resende no bairro Jardim Amazonas, no dia 10 de setembro desse ano, após uma discussão. O filho da vítima teria se envolvido discutido com Ailton que agrediu o jovem, um dia antes do homicídio.

LEIA TAMBÉM:

Homem morre após discussão no Jardim Amazonas, em Petrolina

Sabendo do fato, Francisco foi até a residência dos acusados – que eram vizinhos no mesmo bairro – mas os três já aguardavam a vítima armados. Emerson sacou uma arma e atirou diversas vezes contra Francisco que ainda foi agredido com golpes de faca.

As investigações do crime ficaram a cargo dos delegados Magno Neves e Gabriel Sapucaia, da 25ª Delegacia de Homicídios de Petrolina, responsáveis por identificar a passagem do trio por vários estados, até chegarem ao Mato Grosso do Sul. Apesar de foragidos, contra os três foram expedidos os mandados de prisão na Vara do Júri da Comarca de Petrolina.

Sete bairros ficarão sem água nessa segunda-feira em Petrolina

Um reparo no registro que abastece os bairros Jardim Amazonas, Pedro Raimundo e Alto do Cocar fez com que a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) interrompesse nessa segunda-feira (19) o abastecimento de água em sete bairros de Petrolina.

Segundo a Compesa o problema foi identificado na quarta-feira (14). Dessa forma, além dos bairros já mencionados, terão o fornecimento interrompido as comunidades do Quati, Cohab Massangano, Jardim São Paulo e Bela Vista. A previsão é que a situação seja normalizada assim que o serviço for concluído.

Ação conjunta do 2º BIEsp e PRF termina com prisão de sete pessoas por receptação em Petrolina

Carros estavam sendo clonados no momento da abordagem.

Após operação realizada pelo 2º Batalhão Integrado Especializado (BIEsp) e Polícia Rodoviária Federal (PRF) na noite dessa terça-feira (21), sete pessoas foram presas suspeitas de receptação de carros roubados e formação de associação criminosa em Petrolina (PE). A ação aconteceu na rua 6 do bairro Jardim Amazonas, zona norte da cidade.

Segundo a Polícia, há cerca de um mês o local vinha sendo investigado. Algumas denúncias alertaram para o funcionamento noturno de um ferro velho. Ao chegar no local, o Biesp percebeu a existência de veículos novos, sendo que um dos automóveis estava com a numeração dos motores sendo adulterada.

Cosme Fernando Tavares Silva, Uilian Araujo Costa, Iris Junior de Oliveira Rios, Maicon Douglas dos Santos Silva, Alysson Barbosa dos Santos Cruz, Bruno de Souza Santos e Israel Bispo da Silva – que ex-vereador de Flores (PE) – serão autuados por receptação e formação de associação criminosa e serão encaminhados para a delegacia do Ouro Preto, em Petrolina.

Três bairros de Petrolina são contemplados com ampliação de esgotamento sanitário

(Foto: Ascom)

Três bairros de Petrolina foram contemplados com um investimento de R$ 1,3 milhão da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), após o governador de Pernambuco autorizar a realização de um serviço de saneamento básico na cidade.

Cerca de 20 mil pessoas serão beneficiadas nos bairros Vale do Grande Rio, Pedro Raimundo e Jardim Amazonas, onde o novo sistema está operando em fase de testes. “Continuar investindo em saneamento em Petrolina é uma das metas da Compesa”, disse o presidente da estatal, Roberto Tavares.

O novo sistema de esgotamento sanitário dos bairros Vale Grande Rio, Pedro Raimundo e Jardim Amazonas recebeu 3.500 metros de novas redes coletora de esgoto. Também foram substituídos e ampliados a capacidade do emissário de esgoto – tubulação que transporta o esgoto da unidade de bombeamento até a Estação de Tratamento de Esgoto – ETE Centro.

“Estamos concluindo apenas os serviços de pavimentação e terminando de realizar algumas interligações de novos ramais, uma vez que a capacidade de coleta foi ampliada. Mas o sistema já está funcionando”, afirma o Gerente de Unidade de Negócios da Compesa, João Raphael.

2º BIESP prende traficante de drogas no Jardim Amazonas

(Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Equipes do 2º Batalhão Integrado Especializado de Polícia (BIESP) prenderam um homem acusado de ser traficante de drogas em Petrolina. Tudo começou quando Estefanio Hargono foi parado numa ronda na manhã desse domingo (15) e com ele a PM encontrou uma peteca de maconha.

Questionado pelos agentes, ele disse ter comprado a droga de um outro homem no bairro Jardim Amazonas. No bairro a PM encontrou Manoel Messias, vendedor do entorpecente, onde na sua residência havia 20 papelotes da mesma droga e mair R$ 48,00 em espécie.

Os dois homens foram enviados à Delegacia de Polícia Civil para o registro da ocorrência. Manoel responderá pelo crime de tráfico.

123