Prefeitura de Juazeiro segue novas medidas para contenção da pandemia determinadas pelo Governo do Estado

A Prefeitura de Juazeiro decidiu seguir o novo decreto estadual publicado nesta terça-feira (29). O toque de recolher válido para toda a Bahia agora é das 22h às 5h, do dia 29 de junho a 8 de julho.

Os estabelecimentos comerciais e de serviços deverão encerrar as atividades até meia hora antes do horário de início do toque de recolher, para permitir o deslocamento de funcionários e clientes até suas residências.

Ainda seguindo o novo decreto estadual, será vedada a venda de bebida alcoólica das 18h do dia 1° de julho até às 5h de 5 de julho de 2021, em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery).

Proibições

LEIA MAIS

Bodocó prorroga toque de recolher até 18 de junho

(Foto: Ascom)

No final do semana que foi marcado pela celebração dos 97 anos de emancipação política, a população de Bodocó (PE) viu o decreto n° 38/2021 manter as medidas restritivas anunciadas pela gestão municipal, desta vez até 18 de junho.

Portanto, as aulas presenciais e o consumo de bebida alcóolica dentro de restaurantes e similares segue vetado até o final da semana. O toque de recolher, das 22h às 4h, também continua nesta semana. A cidade soma mais de 2 mil casos de covid-19 desde o início da pandemia.

Durante o discurso feito na cerimônia de hasteamento da bandeira, no aniversário da cidade, o prefeito Otávio Pedrosa (PSB) de um recado. “Vacina sim, máscara sim e covid não“, afirmou o gestor, que também é médico.

Salgueiro restringe funcionamento do comércio e templos religiosos até 27/06

(Foto: Divulgação)

O cenário da covid-19 na região segue preocupante e a Prefeitura de Salgueiro (PE) anunciou, no domingo (13), uma nova restrição ao comércio da cidade. Até o próximo dia 27 de junho, os estabelecimentos poderão funcionar até 20h durante a semana.

Aos sábados, domingos e feriados esse horário cai para 18h. A restrição também vale aos templos religiosos, que foram considerados serviços essenciais através de lei municipal sancionada pelo prefeito Marcones Sá (PSB). Salgueiro soma 6.310 casos confirmados de covid, 6.010 recuperados e 117 óbitos.

Pernambuco: 35 municípios do Sertão terão quarentena mais rígida na próxima semana

(Foto: Hélia Scheppa/SEI)

Na coletiva de imprensa de quinta-feira (10), o Governo de Pernambuco anunciou mudanças no Plano de Convivência com a Covid-19. Regiões como Agreste, Zona da Mata e Metropolitana vão avançar de etapa e com isso, poderão ter o comércio funcionando aos finais de semana.

Já as 35 cidades da Macrorregião 3, no Sertão, onde houve aumento na solicitação de leitos de UTI, haverá uma quarentena mais rígida, a partir de segunda-feira (14). Estão contempladas as Gerências Regionais de Saúde (Geres) VI, X e XI, com sedes em Arcoverde, Afogados da Ingazeira e Serra Talhada, respectivamente.

Desta forma, até 20 de junho, somente poderão funcionar as atividades permitidas no decreto. A Macrorregião 4, no Vale do São Francisco e Araripe, segue no esquema atual, sem novas restrições. “Vamos acompanhar o desenvolvimento desses números para reavaliar a situação”, justificou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Com saúde próxima do colapso, Pernambuco deve apresentar novo protocolo das atividades econômicas hoje

(Foto: Ascom/CDL)

Com os leitos de UTI cada vez mais sobrecarregados, o Governo de Pernambuco deve anunciar mais medidas restritivas nesta quinta-feira (10). A previsão é que um novo protocolo seja apresentado hoje (10), tendo em vista que o Estado está com 97% de ocupação.

Vale lembrar que o atual decreto vence no domingo (13). Neste momento, Pernambuco está com alta no número de mortes. No boletim de quarta-feira (9), o Estado anotou mais 81 vidas perdidas por causa da infecção pelo novo coronavírus.

Até agora, 16.549 pessoas já morreram desde o início da pandemia em decorrência da doença no Estado. Há ainda mais de 509 mil pessoas que já contraíram a doença nas cidades pernambucanas.

Pernambuco: medidas restritivas seguirão até 13 de junho

(Foto: Hélia Scheppa/SEI)

As medidas restritivas seguirão em Pernambuco até o dia 13 de junho. Na coletiva de imprensa, realizada na quarta-feira (2), o secretário estadual de Saúde, André Longo informou que foi preciso endurecer as proibições em algumas regiões, como o Sertão.

No Sertão, a afetada é a Macrorregião 3 (englobando Arcoverde, Serra Talhada e Afogados da Ingazeira), que terá restrições aos sábados e domingos, quando somente serviços autorizados podem funcionar. O Agreste também seguirá com as medidas já impostas. No Sertão do São Francisco, não há mudanças.

Onde muda?

Arcoverde, Buíque, Custódia, Ibimirim, Inajá, Jatobá, Manarí, Pedra, Petrolândia, Sertânia, Tacaratu, Tupanatinga, Venturosa, Afogados da Ingazeira, Brejinho, Carnaíba, Iguaraci, Ingazeira, Itapetim, Quixaba, Santa Terezinha, São José do Egito, Solidão, Tabira, Tuparetama, Betânia, Calumbi, Carnaubeira da Penha, Flores, Floresta, Itacuruba, Santa Cruz da Baixa Verde, São José do Belmonte, Serra Talhada e Triunfo seguirão com restrições do comércio ao final de semana, até 13/06.

LEIA MAIS

PE: restrições em vigor terminam dia 6 e cresce expectativa sobre anúncio do Estado

As medidas restritivas impostas em Pernambuco, com peculiaridades em algumas regiões, terminam no próximo dia 6 de junho. E há expectativa do anúncio da prorrogação das restrições. Por outro lado, as localidades com índices positivos podem ter uma leve flexibilização.

A informação é do Jornal do Commercio, que nesta quarta-feira (2), apresenta um balanço dos números da covid-19 no Estado. Ontem, por exemplo, foi constatada uma redução no número de casos positivos (média móvel) no Estado.

Contudo, a preocupação no momento é a região de Caruaru e Garanhuns, onde foi constatada uma elevação nas internações e há um decreto específico. Atualmente o comércio está funcionando de forma limitada, inclusive aos finais de semana. A próxima coletiva de imprensa do Estado deve acontecer nesta quinta-feira (3), onde serão anunciados os próximos passos no enfrentamento da pandemia.

Com 100% de ocupação, Paulo Afonso terá toque de recolher até 12 de junho

Com 100% dos leitos de UTI ocupados, a Prefeitura de Paulo Afonso (BA) anunciou, na terça-feira (25), mais medidas restritivas para tentar conter a disseminação da covid-19. De hoje (26) até 12 de junho a cidade ficará em toque de recolher, das 19h às 5h.

Já o comércio poderá funcionar das 8h às 14h, de segunda a sábado. As exceções são postos de combustíveis; distribuidoras e revendedoras de gás e água; casas funerárias; indústrias relacionadas a serviços essenciais; transportadoras; serviço de construção civil, estabelecimentos médicos, hospitalares, unidades de saúde, consultórios odontológicos, laboratórios de prótese, laboratório de analises clinicas, farmacêuticos, psicológicos, clinicas de fisioterapia, clinicas credenciadas ao DETRAN-BA, vacinação e venda de produtos hospitalares.

LEIA MAIS

Governo intensifica restrições para conter aceleração da Covid-19

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (24.05), novas medidas restritivas para diferentes regiões do Estado. Na Macrorregião 1, que contempla a Região Metropolitana do Recife e cidades da Zona da Mata, apenas atividades permitidas poderão funcionar nos finais de semana. Durante a semana, permanece o esquema atual, com fechamento às 20h. Da próxima quarta-feira (26.05) até o dia 6 de junho, os 53 municípios das Gerências Regionais (Geres) IV e V – que têm como cidades polo Caruaru e Garanhuns – no Agreste, e mais 12 cidades da Geres II, com sede em Limoeiro, entrarão em quarentena rígida também nos dias de semana.
LEIA MAIS

Nas redes sociais, Governador da Bahia adianta que vai adotar novas medidas restritivas contra a Covid 

Rui Costa, governador da Bahia.

O Governador da Bahia, Rui Costa (PT), usou as redes sociais na manhã desta sexta-feira (21) para adiantar aos baianos a implantação de novas medidas restritivas em combate à Covid-19. 

No post, o governador justifica que existe a possibilidade de faltar leitos de UTI nas próximas semanas. “ Vamos ter que adotar novas medidas restritivas contra a #Covid19. Poderemos não ter leitos de UTI suficientes nas próximas semanas. Abrimos o máximo que era possível.”, explica o Governador.

Rui Costa destacou ainda que a decisão será tomada junto com os prefeitos e anunciada hoje ou amanhã. “Vou conversar hoje com os prefeitos para alinhar medidas e anunciar hoje ou amanhã”, afirma.

Restrições das atividades econômicas seguirão até 6 de junho em Pernambuco

O Governo de Pernambuco prorrogou, até 6 de junho, as medidas restritivas em vigência. A decisão tem como base os números preocupantes nas UTIs do estado. A iniciativa contempla todas as regiões do Estado, exceto a 2ª Macrorregião, no Agreste, que segue com um decreto específico.

Durante a coletiva de imprensa, realizada na quinta-feira (20), o secretário estadual de Saúde, André Longo lembrou que regiões como o Agreste ainda possuem dados em alta. “No Agreste houve um aumento [dos casos de SRAG] de 10%”, disse.

Restrições

Portanto, por mais 15 dias segue valendo o funcionamento das atividades de maneira geral nos finais de semana até as 18h, para quem iniciar às 10h. Os estabelecimentos que abrirem às 9h só poderão funcionar até as 17h. Nos dias de semana, as atividades econômicas em geral continuam com permissão para funcionar das 10h às 20h. O comércio de praia, de segunda à sexta-feira, das 9h às 16h, mantendo a proibição nos finais de semana.

Bahia: toque de recolher é prorrogado para 17 de maio

(Foto: Alberto Maraux/SSP-BA)

O toque de recolher, das 21h às 5h, na Bahia foi prorrogado mais uma vez. Na noite de domingo (9) o Governo do Estado informou que as medidas restritivas seguirão até 17 de maio. Nos 227 municípios previamente listados pela gestão estadual, o toque de recolher vale das 20h às 5h.

Também fica proibida a venda de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery), das 18h de 14 maio até às 5h de 17 de maio. Shows e festas, independentemente do número de participantes, também continua proibida até 17 de maio. As aulas podem continuar acontecendo de forma semipresencial.

Juazeiro seguirá decreto

Ainda ontem a Prefeitura de Juazeiro confirmou que seguirá o decreto estadual. Na cidade, além das proibições já mencionadas, seguem proibidas a prática de quaisquer atividades esportivas coletivas amadoras, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomerações.

Academias podem funcionar desde que limitem a ocupação ao máximo de 50% da capacidade do local e observados os protocolos sanitários estabelecidos. O mesmo vale aos atos religiosos.

Comércio de Petrolina terá horário especial neste final de semana por conta do Dia das Mães

Conforme o Blog mostrou ao longo desta semana, o comércio terá horário especial neste final de semana. O objetivo do Governo do Estado é evitar aglomerações nas compras para o Dia das Mães. Portanto, o setor varejista de Petrolina e demais cidades funcionará das 8h às 20h nesta sexta-feira (7) e sábado (8).

LEIA TAMBÉM

Governo de Pernambuco flexibiliza funcionamento do comércio por conta do Dia das Mães

No domingo, as lojas poderão abrir das 8h às 18h. O Sindilojas Petrolina orienta aos empresários sobre esse expediente. “Fica a critério das empresas se acomodarem dentro deste horário permitido, de acordo com suas demandas e necessidades, observadas claro, todas as questões trabalhistas que estão previstas e acordadas na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT)”, diz a nota.

LEIA MAIS

Covid: decreto determina fechamento de clubes e quadras em Orocó

(Foto: Reprodução/Internet)

A Prefeitura de Orocó, no Sertão de Pernambuco, decretou mais restrições na cidade, por conta da covid-19. O documento disponibilizado pela gestão municipal na quinta-feira (6). Uma das novidades é o fechamento de clubes de festa e quadras poliesportivas.

A Prefeitura terá o expediente externo suspenso. Além disso, o decreto também proíbe a participação de comerciantes de outras cidades na feira livre. “A luta é de todos, ninguém está imune ao vírus, que já mostrou ser letal. Então, use máscara, álcool em gel, mantenha o distanciamento social”, diz a Prefeitura.

Governo de Pernambuco prorroga medidas restritivas por mais 15 dias

Secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo (Foto: Aluísio Moreira/SEI)

A coletiva de imprensa do secretário estadual de Saúde, André Longo, na quinta-feira (6) foi marcada por mais uma prorrogação de medidas restritivas em Pernambuco. As restrições no setor econômico seguirão por mais 15 dias, ou seja, até 23 de maio.

LEIA TAMBÉM

Governo de Pernambuco flexibiliza funcionamento do comércio por conta do Dia das Mães

“Estamos em um platô de casos altos, mas sempre estando em alerta para outras medidas que poderão ser adotadas a qualquer momento. Uma medida restritiva mais intensa serve para impedir uma aceleração exponencial. Detectada a necessidade de adotar medidas mais rígidas, não hesitaremos, disse.

LEIA MAIS
1234