Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Aero Cruz justifica voto contrário da situação contra requerimento de Gilmar Santos

Líder da situação justificou voto contrário a requerimento de Gilmar Santos. (Foto: Jean Brito/ASCOM)

Na manhã desta terça-feira (14), durante sessão ordinária na Câmara de Vereadores de Petrolina, um requerimento de Gilmar Santos (PT) não foi aprovado pela bancada de situação, que rejeito a proposta por 12 a 6.

O vereador petista solicitava informações à secretaria Municipal de Educação, Margareth Zapponi, referentes às vagas de professores nas escolas municipais. Em seu discurso, Gilmar afirmou que existe um “esquema dentro da secretaria de Educação para proteger aliados [do governo]”.

LEIA TAMBÉM

Bancada da Situação derruba Requerimento apresentado por Gilmar Santos

Em resposta, o líder da bancada de situação na Casa Legislativa, Aero Cruz (PSB) afirmou já esperar esse tipo de posicionamento da oposição e que, diferente do governo passado, que indicava todos os professores, a atual gestão tem feito concursos e seleções para a categoria.

“Todos os professores aprovados são convocados através do Diário Oficial do município. O que acontece é que alguns estão sendo chamados e não querem ocupar o cargo longe de casa, mas não tem indicação, como era no governo passado”, disse.

Além disso, Aero afirmou que a situação não vai votar a favor de requerimentos de cunho político. “Como líder do governo, sempre disse que quando houver requerimento com cunho de esclarecimento iremos aprovar, como já fizemos. Mas, quando tiver qualquer tipo de requerimento para fazer palanque político, a gente vai derrubar”, afirmou.

Deixe uma resposta