Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Barro Vermelho vence XV de Novembro no Adauto Moraes

(Foto: Agência CH)

Bastou ao Barro Vermelho apenas cinco minutos para fazer dois gols e, de virada, vencer o XV de Novembro por 2 a 1 na abertura de mais uma rodada do Campeonato Juazeirense de Futebol, organizado pela Liga Desportiva Juazeirense e apoiado pela Prefeitura Municipal de Juazeiro, por intermédio da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte.

Após obrigar o goleiro Neném a operar algumas defesas no primeiro tempo, Natan fez 1 x 0 aos 31 minutos e colocou o XV à frente no marcador. Leo Lagoinha aos 41, e Arielton aos 46, marcaram e deram a primeira vitória para o Barro Vermelho.

O resultado coloca o Barro na liderança do grupo B com quatro pontos em dois jogos, ao lado de Olaria e Juazeiro e afunda o Tremendão na lanterna com grupo A sem nenhum ponto em dois jogos disputados.

Após a segunda derrota, a torcida do time da Rua de Baixo perdeu a paciência e hostilizou seu treinador Rodrigo Machado, o Rodriguinho, que terminou sendo expulso após ofender o árbitro Geones Lopes. O XV retorna a campo no próximo dia 4 de setembro, quando enfrenta o Juá Esporte. Já o Barro Vermelho descansa até o dia 11 e encara o América de Sobradinho no Adauto Moraes.

O jogo

Apesar de mais tempo de posse de bola e ter criado algumas chances de gol, o XV só marcou aos 31 minutos com a colaboração do goleiro rubro-negro, que soltou uma bola considerada fácil nos pés do atacante Natan, e este só teve o trabalho de rolar para o fundo da rede. Momentos antes num contra-ataque, Rodrigo Santana do Barro Vermelho, desperdiçou a oportunidade de abrir o marcador da partida chutando fraco nas mãos do goleiro Amâncio.

Na volta do intervalo o Barro Vermelho assumiu as ações ofensivas e passou a incomodar o veterano setor defensivo do adversário. Mas, com apenas três suplentes no banco, o técnico Elias tinha poucas opções para virar o jogo.

Mesmo assim, foi de lá que veio a solução, quando Arielton e Hever entraram em campo e mudaram a história da partida. Aos 41, Leo Lagoinha chutou cruzado da direita e empatou em 1 a 1. Atordoado, o XV assistiu cinco minutos depois Arielton, com o goleiro fora da meta, fazer o gol do triunfo barro-vermelhense por 2 x 1, dando números finais ao clássico.

Deixe uma resposta