Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Moradora do bairro Jardim São Paulo reclama de lixo descartado em terreno baldio

(Foto: Talyta Farias)

Na última semana, o Blog Waldiney Passos recebeu várias denúncias da população petrolinense sobre terrenos baldios que se tornaram depósito de lixo, e que atualmente tiram o sossego de moradores dos mais diversos bairros de Petrolina (PE).

Talyta Farias é moradora do bairro Residencial Jardim São Paulo, e por meio do WhatsApp relatou o sufoco que é morar próximo a essas áreas que foram transformadas em lixões.

“Sou fortalezense mas atualmente moro em Petrolina, no bairro Residencial Jardim São Paulo, minha filha está estudando próximo ao IF Sertão e todos os dias, juntamente com toda a população que mora nas adjacências do terreno baldio ao lado do Instituto Federal, temos que aguentar ver animais mortos jogados lá, lixo de toda espécie também, e além disso um canal aberto que não serve para nada de proveitoso para a população”, desabafa a moradora.

A produção do Blog Waldiney Passos entrou em contato com a prefeitura de Petrolina, para saber quais providências serão tomadas para resolver o problema dos moradores do Residencial Jardim São Paulo, e qual o plano da gestão para combater e fiscalizar um problema tão recorrente na cidade.

Em nota, a Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Público (SEINFRA), explicou que a fiscalização é contínua, e que o problema é a grande quantidade de terrenos nestas condições que ficaram anos sem fiscalização antes da gestão de Miguel Coelho.

Ainda de acordo com a SEINFRA, uma equipe de Fiscalização de Obras e Posturas será enviada ao local indicado pela moradora do Jardim São Paulo para averiguar a situação e tentar identificar o proprietário do terreno.

Deixe uma resposta