Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Outubro Rosa: Prefeitura de Petrolina zera fila de espera para mamografia

(Foto: Ilustração)

O mês de outubro dedicado a prevenção do câncer de mama chegou e com ele as mobilizações que incentivam a conscientização das mulheres a respeito da importância da prevenção e do diagnóstico precoce da doença. Em Petrolina (PE) a campanha com começa com uma boa notícia: através do programa ‘Zero Fila’, da plataforma ‘Petrolina Cuida’, a prefeitura eliminou a fila de espera por mamografias no município.

Somente dentro do programa, foram realizados mais de 3 mil exames em clínicas e hospitais públicos e privados. Entre as ações para resolver o problema da demanda reprimida, foram feitos diversos mutirões, organizados pela gestão municipal, entre eles, as carretas móveis que percorreram alguns bairros, como Gercino Coelho, José e Maria e João de Deus.

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), para o Brasil, estimam-se cerca de 60 mil novos casos de câncer de mama, para cada ano do biênio 2018-2019. Esse tipo de câncer também é o primeiro mais frequente nas mulheres da região Nordeste. Quanto mais cedo, porém, o diagnóstico, mais chances de cura.

“Eliminar a fila de espera para esse exame tão importante é muito gratificante. Quando iniciamos a gestão, tínhamos fila de espera desde 2015, e aos poucos fomos conseguindo organizar essa demanda reprimida, mas também atender as novas solicitações que surgiam no dia a dia.  É um exame importantíssimo de prevenção, porque caso seja detectado na fase inicial, há 95% de probabilidade de recuperação total do câncer de mama”, frisou a secretária de saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque.

A mamografia deve ser feita anualmente, principalmente para mulheres com mais de 35 anos. No município, é possível solicitar o exame através de uma consulta com o médico da Unidade Básica de Saúde de referência.

Deixe uma resposta