Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Pernambuco registra redução no número de empregos, segundo ministério do Trabalho

O Nordeste em geral teve saldo positivo de 0,12%.

De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pelo Ministério do Trabalho nessa quarta-feira (22), Pernambuco teve redução de 0,01% no número de empregos, em julho, com o fechamento de 111 postos formais.

O resultado é a diferença entre 28.612 admissões e 28.723 desligamentos. No acumulado de 12 meses, o estado mantém um saldo positivo, com a abertura de 1.331 vagas.

Em julho, o recuo do mercado foi influenciado principalmente pelo setor de Serviços, com redução de 1.207 vagas, e pelo Comércio, com menos 738 postos. No entanto, boa parte dos setores tiveram saldo positivo.

Os destaques foram a Agropecuária, que abriu 922 vagas, a Indústria de Transformação, com 527 novos postos, e a Construção Civil, que teve mais 345 empregos formais registrados.

Setores de Atividade Econômica

Saldo de Julho de 2018

 

Variação Absoluta

Variação Relativa (%)

Extrativa Mineral

-6

-0,34

Indústria de Transformação

527

0,27

Serviços Industriais de Utilidade Pública – SIUP

50

0,26

Construção Civil

345

0,51

Comércio

-738

-0,25

Serviços

-1.207

-0,22

Administração Pública

-4

-0,01

Agropecuária

922

1,91

Total

-111

-0,01

Desempenho regional

O saldo de empregos de julho foi positivo em quatro das cinco regiões do país, com destaque para o Sudeste, com abertura de 24.023 postos (+0,12%). Os demais crescimentos foram verificados no Centro-Oeste, com 9.911 postos (+0,31%); Nordeste, com 7.163 vagas (+0,12%); e Norte, com 6.635 postos (+0,39%). A única redução ocorreu na Região Sul, com fechamento de 413 vagas (-0,01%).

Deixe uma resposta