Projeto pedagógico busca o prazer da leitura nas crianças

03

Na Diretoria de Ensino, setor da Secretaria de Educação de Petrolina destinado a acompanhar alunos e educadores a desenvolver ações que visem à qualidade do ensino, três formadores estão à frente de um projeto que ajuda professores a provocar o desejo pela leitura: é o PRAZER EM LER.

De acordo com uma das formadoras, Laurismar Paulino Feitosa, a secretaria distribui dois livros literários por ano para cada aluno. “Um para ser trabalhado sistematicamente pelo professor no primeiro semestre e o outro no segundo”. Segundo coordenadora, os livros não são apenas entregues e levados para casa; além de incentivar sua leitura, o educador promove atividades correlacionadas.

“São livros que envolvem vários gêneros, seja de poemas, quadrinhos, crônicas ou de suspense”.  “Em sala de aula o professor procura desenvolver as habilidades de leitura de forma mais complexa e interpretativa daquela literatura”, afirma.

O exemplo. Marcos Roberto Araújo tem 14 anos, é estudante da Escola Municipal Professora Anete Rolim e também um devorador de livros. “A leitura produz conhecimento. É através dela que eu posso viajar pela imaginação, adquirir intelectualidade, melhorar minhas formas de linguagens e conhecer outros mundos”, ressalta o garoto, que participa do ‘Prazer em Ler’.

Ponto de partida. O projeto é considerado pelo secretário de Educação, Cel. Heitor Leite, mais uma iniciativa de grande incentivo para as crianças. “Resultados na educação não são obtidos da noite para o dia. É preciso estratégia, ferramentas e determinação para alcançar diuturnamente os objetivos que colocamos. E estamos fazendo isso”. Ele continua. “Ou seja, ela [educação] precisa de estudantes, profissionais, que gostem, na verdade, hipervalorizem, a leitura para sua ascensão”, arrematou o titular. (Ascom)

Deixe uma resposta