Abertura do processo licitatório para o sistema de transporte público de Petrolina acontecerá em 30 dias pós edital

audiencia 01

O transporte coletivo foi tema de audiência pública no auditório do Sest/Senat, na noite de terça-feira, (1º). A audiência foi convocada pela Prefeitura de Petrolina e realizada através da Autarquia Municipal de Mobilidade (AMMPLA-).

O evento contou com a presença do advogado Cícero Rosemberg Siqueira de Alencar, representante da Ordem dos Advogados do Brasil-Secção Petrolina, a mesa foi formada pela Comissão que coordenou os trabalhos, tendo como presidente Valdemar Nogueira, Secretária Carla Vanessa e membros, Paulo Valgueiro, Ryan Pedro, Clodoaldo da Silva e Jailson Gama.

O foco central da audiência era a licitação que vai selecionar as empresas para prestar serviços do sistema de transporte público, momento em que teve a participação de representantes de bairros e associações, membros dos conselhos municipais, a exemplo de Carlos Holanda, do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável, União dos Estudantes Secundaristas, Central Única dos Bairros de Petrolina,  empresários, vereadores e sindicalistas.

O diretor presidente da AMMPLA, Paulo Valgueiro destaca a audiência pública como, “um momento marcante e histórico para a população de Petrolina e a busca de avançar sempre mais na qualidade do transporte público”, ressaltou o diretor.

Paulo explica disse ainda que a ideia é informar, explicar e tirar as dúvidas do cidadão sobre a licitação, os deveres das empresas e o funcionamento do sistema. A abertura do processo licitatório acontecerá em 30 dias após a publicação do edital. “Um dos principais benefícios que esperamos com esse processo é qualificar a prestação desse serviço e garantir mais conforto e segurança aos usuários”, pontuou Valgueiro.

Deixe uma resposta