Adalberto Cavalcanti chama atenção para crescente violência em Pernambuco

O deputado lembrou do caso Beatriz que ainda não foi solucionado. (Foto: ASCOM)

O Deputado Federal Adalberto Cavalcanti esteve na Tribuna do Plenário da Câmara dos Deputados para tratar da violência que vem crescendo no Estado de Pernambuco, com dados alarmantes. O Deputado fez novo apelo ao Governador Paulo Câmara.

Adalberto cobrou mais uma vez uma atitude para tratar da violência e insegurança das pessoas com relação aos crimes e índices crescentes em todo o Estado, nas cidades de Petrolina, Afrânio, Araripina, Belém do São Francisco, Cabrobó, Dormentes e muitas outras da região.

Para se ter uma ideia da gravidade do problema, somente no período do ano de 2016, ocorreram 3689 casos de homicídios em todo o Estado, sendo: 1934 no Interior e 1755 na Zona Metropolitana. De janeiro a dezembro de 2016 por exemplo, ocorreram 1916 assaltos a ônibus e em 2017 até o dia 04 de setembro, ocorreram 2691 assaltos a ônibus.

O Deputado também citou o caso da menina Beatriz de apenas 7 anos, que foi assassinada dentro da escola privada e religiosa de Petrolina em dezembro de 2015 e que, até o presente momento, o que temos é um suposto retrato falado do suposto criminoso.

Falou ainda da situação das estradas esburacadas nos trechos de Petrolina a Ouricuri, Santa Maria da Boa Vista e Parnamirim. Situação que tem facilitado a ação dos bandidos contra os motoristas que são obrigados a reduzir a velocidade.

Adalberto Cavalcanti concluiu seu discurso dizendo: “Estejam certos de que vou continuar cobrando providências. Esse é um dos compromissos de meu mandato com a boa gente do sertão de Pernambuco”.

Deixe uma resposta