Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Atleta da Juazeirense passa mal durante treino e morre no hospital; clubes lamentam morte de Danilinho

Atleta tinha 32 anos e passou mal durante treino da tarde (Foto: Divulgação)

A Desportiva Juazeirense viveu uma tragédia na tarde dessa terça-feira (13). O meio campo Danilinho passou mal durante o treinamento no Estádio Paulo de Souza Coelho, em Petrolina (PE) na reapresentação da equipe após o Carnaval, foi levado ao hospital e não resistiu.

Segundo o Globo Esporte Bahia, o atleta estava treinando quando se sentiu mal e teria caído sozinho no gramado. Danilinho foi levado para o Hospital Memorial de Petrolina, mas teve seu óbito declarado às 17h30. O Hospital não declarou o que causou a morte do atleta.

Danilinho era natural de Bauru, em São Paulo. O atleta atuou no Figueirense, Chapecoense e Atlético-GO antes de chegar ao Cancão de Fogo em novembro de 2017. Danilinho tinha 32 anos e deixa a esposa e um filho de 10 anos. Não há informações sobre o velório do atleta, mas já se sabe que a esposa de Danilinho já está na região.

Juazeirense emite nota oficial

Na noite de hoje a Desportiva Juazeirense atualizou seu site oficial com uma nota sobre a morte de Danilinho. No comunicado, o clube informou que o jogador teve um mal súbito às 16h55 e deu entrada no hospital às 17h05, mas não resistiu. Confira a íntegra do comunicado:

Juazeirense comunica o falecimento do atleta Danilo Caçador

É com muito pesar que a Sociedade Desportiva Juazeirense comunica o falecimento do atleta Danilo Caçador, 32 anos. Danilinho sofreu um mal súbito às 16h55 desta terça-feira durante o treinamento da equipe no estádio Paulo Coelho, em Petrolina. Atendido ainda em campo, o atleta foi removido para o Hospital Memorial de Petrolina, onde deu entrada às 17h05. A equipe de emergência do hospital fez todos os procedimentos de urgência, o atleta chegou a ser reanimado, mas não resistiu a parada cardíaca e veio a óbito.

“Estamos prestando todo o apoio à família do atleta e o clube fará todos os procedimentos necessários. É um momento de dor para toda a família Juazeirense”, ressalta o presidente do clube,  Roberto Carlos.  Danilinho disputou apenas uma partida pelo Cancão – foi na estreia do campeonato Baiano, no empate de 2×2 com o Vitória, no Barradão.

Chapecoense e clubes lamentam morte

A Chapecoense divulgou por meio do seu Twitter oficial uma mensagem de apoio aos familiares de Danilinho. No comunicado oficial, a Chape lamentou profundamente o falecimento do jogador. Danilinho atuou em 13 partidas e marcou dois gols em 2013.

Danilinho atuou na Chape em 2013 (Foto: Reprodução/Twitter)

O Paysandu, rival do Remo – clube pelo qual Danilinho atuou na Série C de 2017 – também emitiu um comunicado nas redes sociais e enviou forças aos familiares e amigos do atleta. O Remo utilizou seu site oficial para lamentar a perda. No comunicado, o Remo lembrou a trajetória de Danilinho no clube que disputou a Série C 2017.

Outro clube pelo qual Danilinho atuou também utilizou o Twitter para lembrar do atleta. O Figueirense desejou paz aos familiares do atleta que vestiu as cores do clube em 2013. O Atlético Goianiense, onde Danilinho atuou em 2012 foi outra equipe a prestar condolências ao atleta.

Atualizado às 09h57 de 14/02/2018

Deixe uma resposta