Avenida Cardoso de Sá volta a ser iluminada depois de empresa danificar rede subterrânea

O trecho da Avenida Cardoso de Sá próximo a Cidade Universitária já está iluminado, após alguns dias às escuras. O problema foi causado após uma máquina da empresa contratada para executar a obra da ciclovia ter danificado a rede subterrânea da avenida.

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS), o reparo na rede elétrica precisou ser executado pela Prefeitura de Petrolina, já que a Ecomaq não quis arcar com os prejuízos causados, tendo em vista que o contrato entre as partes foi rescindido no final de março.

LEIA TAMBÉM:

Prefeitura rescinde contrato com empresa responsável por obras na ciclovia da Av. Cardoso de Sá

O secretário Eduardo Carvalho explicou o porquê da Prefeitura ter realizado o serviço. “Nós poderíamos brigar na esfera judicial e obrigar a empresa que danificou a rede a fazer o reparo no sistema de iluminação. O problema é que este caminho poderia demorar muito mais enquanto que a população, que está no prejuízo, seguiria sofrendo com os transtornos. Por isso, nos organizamos para resolver o problema, com a elaboração de projeto e levantamento de recursos, a fim de que aquele trecho pudesse voltar a ter iluminação adequada, diminuindo os transtornos para condutores e pedestres e aumentando a segurança de todos”, afirmou.

A Prefeitura de Petrolina rompeu o contrato com a Ecomaq no dia 23 de março, alegando que a empresa contratada não está cumprindo com suas obrigações e o ritmo da obra estava abaixo do esperado. Na época, o município havia informado que em 15 dias seria aberta uma nova licitação, com a finalidade de contratar uma nova responsável pela ciclovia da Cardoso de Sá.

Deixe uma resposta