Caso Beatriz: número de whatsapp será disponibilizado pelo MPPE para recebimento de denúncias

A partir da próxima segunda-feira (12) a população vai contar com mais um meio de denúncia para ajudar na resolução no caso da garota Beatriz Mota, que foi brutalmente assassinada, há um ano, no Colégio Auxiliadora, em Petrolina (PE).

Trata-se de um número de telefone disponibilizado pelos promotores de Justiça do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) que compõem a força-tarefa do caso Beatriz. O número (81) 98878-5733 estará disponível para denúncias através do aplicativo de mensagens Whatsapp.

Andamento investigações

O MPPE já entrou em contato com a nova delegada designada para atuar no caso, Gleide Ângelo. Uma data deve ser definida para realização de uma reunião para que as instituições atuem juntas na busca da solução do caso.

Deixe uma resposta