Deputado Adalberto Cavalcanti troca PTB por Partido da Mulher Brasileira

GEDSC DIGITAL CAMERA

Deputado Federal Adalberto Cavalcanti (PMB)

Em busca de mais espaço no cenário político partidário para viabilizar sua pré candidatura a prefeito de Petrolina, já antenado com as articulações na calada da noite visando rifá-lo do processo, o deputado Adalberto Cavalcanti não pensou duas vezes em abandonar o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), liderado pelo ministro Armando Monteiro, e embarcou no Partido da Mulher Brasileira (PMB), nova legenda que vem ganhando força em todo o país e que é presidida pela maranhense Suêd Haidar.

Na visita que fez a este blogueiro no último final de semana Adalberto já sinalizava para esta possibilidade consolidada com a assinatura da ficha de filiação na última quinta-feira(10) em Brasília. O parlamentar recebeu ainda a missão  de estruturar o PMB em todo o Estado de Pernambuco, criando os núcleos nas cidades e arregimentando novos filiados.  “Vou dirigir um partido em meu estado, novo, limpo, com uma história de lutas e ligado as mulheres, que são organizadas e pertinentes nos afazeres que elas travam por uma sociedade melhor. Comungo com tudo isso e por essas razões mudei de partido. Vamos nos dar bem, tenho certeza disso¨, comenta.

No encontro que teve com  o deputado em Brasília a presidenta do PMB, Suêd Haidar, afirmou ter criado o partido após verificar uma necessidade de aumentar a participação das mulheres em todos os setores da sociedade, mas sem excluir a participação masculina. “O PMB é uma legenda capaz de defender o reconhecimento não só da mulher, mas também dos homens, garantindo em um mundo globalizado, o desenvolvimento do país como um todo. Para nós é motivo de orgulho está recebendo agora o Deputado Federal Adalberto Cavalcanti,  com um histórico tão bem avaliado pela sua luta em defesa dos que mais precisam. É mais um nordestino que vai nos dar orgulho nas fileiras do PMB¨, comemora.

 

Deixe uma resposta