“Está a serviço de alguém que quer inviabilizar o projeto do PT”, disse Gilmar Santos sobre pré-candidatura de Odacy Amorim

Esquenta o debate sobre a candidatura do PT para governador. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Durante o fim de semana, o vereador Gilmar Santos (PT) postou um vídeo em uma rede social afirmando que a vereadora do Recife Marília Arraes (PT) é a candidato do Partido dos Trabalhadores nas eleições do ano que vem para concorrer ao governo de Pernambuco.

Contrariando a afirmação do vereador Gilmar, ontem (5) durante entrevista ao programa super manhã, com Waldiney Passos, na rádio Jornal Petrolina, o deputado estadual Odacy Amorim (PT) confirmou que ele é que deve ser o candidato do partido para governador.

Procurado pela a redação do Blog Waldiney Passos para saber a opinião do vereador a respeito da declaração de Odacy Amorim, Gilmar Santos foi taxativo. “Não há impasse no PT sobre a decisão de lançar o nome de Marília Arraes para disputar o governo estadual no próximo ano. Quanto ao deputado Odacy Amorim, ou é um projeto pessoal ou está a serviço de alguém que pretende inviabilizar o projeto do PT”, afirmou Gilmar.

Leia a nota do vereador Gilmar Santos na íntegra

“Não há impasse quanto a decisão da militância e dos simpatizantes ao PT de Pernambuco sobre o nome da companheira Marília Arraes para disputar o governo estadual no próximo ano. Acreditamos que a candidatura de Marília devolve grande oportunidade ao partido no estado para a retomada de um protagonismo de lutas junto aos movimentos sociais e populares, em defesa de direitos das populações mais empobrecidas e vulneráveis da nossa sociedade.

É mulher que expressa coragem, inteligência, assume a luta do PT e das forças de esquerda contra o golpe, tem disposição para a construção de um projeto que devolva a Pernambuco maior desenvolvimento econômico, inclusão social e distribuição de renda e, mesmo sendo vereadora, com limitadas estruturas, comparadas com as de poderosos caciques da política pernambucana, consegue ter mais força de representatividade de que certos deputados e senadores. Isso fica evidente nessa primeira pesquisa de intenção de votos, onde ela aparece em todos os cenários do segundo turno, concorrendo tanto com o governador Paulo Câmara, quanto com o senador Fernando Bezerra Coelho, tendo 10% contra 2% do FBC.

Quanto à pré-candidatura do deputado Odacy Amorim, diante dos fatos colocados, ou é um projeto pessoal ou está à serviço de gente que pretende inviabilizar o projeto do PT no estado. Esperamos que o deputado perceba a força da realidade e reveja suas posições”.

Deixe uma resposta