Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Em discurso sobre democracia, Gabriel Menezes pede respeito a “vontade alheia”

Vereador discursou sobre democracia (Foto: Blog Waldiney Passos)

Candidato a deputado estadual pelo PSL, partido do também presidenciável Jair Bolsonaro, o vereador Gabriel Menezes fez uso da Tribuna Livre na sessão de quinta-feira (30) para criticar o clima de intolerância entre os eleitores do seu candidato e dos seguidores de Luiz Inácio Lula da Silva.

LEIA TAMBÉM:

Osinaldo Souza usa Tribuna Livre para cobrar mais geração de emprego em Petrolina

Sem projetos na pauta, vereadores aprovam Indicações e Requerimentos colocados em votação na Casa Plínio Amorim

Gabriel é líder do partido na Casa Plínio Amorim e destacou o comportamento de algumas pessoas nas redes sociais. “Se você vai votar em Bolsonaro, o voto é seu. Se você pretende votar em Lula ou em qualquer outro candidato, o voto também é seu. Então exerça seu papel de cidadão, mas respeite a vontade alheia”, afirmou.

Para o vereador, democracia se faz respeitando a opinião de cada um e ilustrou o caso com sua mãe, eleitora de outro candidato à presidência. “O nome disso é democracia, no real sentido da palavra. Assim como existe muita gente em Petrolina que vai votar em Jair Bolsonaro para presidente, mas não vai votar em Gabriel Menezes para deputado estadual”, destacou.

O edil afirmou ser necessário respeitar a opinião contrária, pois assim se faz democracia e reforçou o pedido aos eleitores. “É um direito não votar em ninguém, mas não deixa de ser um erro porque os canalhas do poder, eles vão ter a oportunidade de se eleger e se eleger com menos votos. Os votos brancos e nulos são descartados, o que vale são os votos nominais”, ressaltou.

Deixe uma resposta