Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Homem acusado de estuprar e torturar a filha durante quatro anos é preso em Petrolina

(Foto: Ilustração)

Na última terça-feira (16), um homem de 42 anos foi preso em Petrolina (PE), acusado de estuprar e torturar a filha. A vítima de 19 denunciou o pai em março deste ano. Segundo a jovem, ela tinha apenas 15 anos quando os abusos começaram.

Em entrevista a TV Grande Rio, a jovem falou sobre a motivação em denunciar o pai agressor. “Fui tentar uma coisa nova na minha vida e ele me obrigou a voltar. Nessa de voltar, eu sabia que ele não ia mudar e me deixar em paz. Aí, eu resolvi tomar essa atitude [de denunciar]. Foram anos bem doloridos”, diz a garota.

Sempre que tentava evitar os abusos, a vítima conta que era agredida e ameaçada pelo pai. “Ele dizia que, se eu não fizesse, quando ele me levasse para os cantos que ia tirar minha roupa e eu ia voltar pra casa pelada. Me batia. Dizia que ia separar da minha mãe, dizia que ia jogar meu avô na rua, que ia tocar fogo na casa”.

O ciclo de violência tirou da garota também o direito de estudar. Por conta dos abusos, ela teve que interromper os estudos. “Desisti com 16, com 17. Tentava e desistia. Aos empurrões, cheguei ao primeiro [ano do ensino médio]”.

Após a prisão, o suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, localizada no bairro Ouro Preto, onde prestou depoimento. A vítima passou por uma perícia no Instituto Médico Legal de Petrolina. De acordo com o delegado, Joseílton Sampaio, o homem vai ser investigado pelos crimes de estupro e tortura.

“Essa jovem foi submetida as mais diversas formas cruéis de violência. Desde queimadura a socos, pontapés. Identificamos que, além de ser estuprada, ela era torturada por esse agressor”, diz o delegado.

Com informações da Agência Brasil

Deixe uma resposta