Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Ministro muda de opinião e descarta aumento de outros impostos para compensar valor do diesel

(Foto: BBC)

O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia mudou sua opinião divulgada em uma coletiva na segunda-feira (28). Ele disse que o Governo Federal não mais irá aumentar impostos para compensar a redução no valor do diesel. Hoje (29), Guardia afirmou que a compensação será feita mediante um acréscimo nas alíquotas.

LEIA TAMBÉM:

Governo analisa aumento de impostos para compensar redução no diesel

“Uma coisa é o que diz a lei. A LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal) determina que qualquer diminuição de impostos implique necessidade de compensação mediante aumento de alíquota, aumento de impostos ou redução de incentivos fiscais. O que o governo fará para compensar é a redução de incentivos fiscais. Em nenhum momento o governo trabalha com aumento de impostos”, ressaltou o ministro.

Outra mudança de opinião de Guardia foi em relação a reoneração da folha de pagamento das empresas, o que para ele não é suficiente para cobrir a redução dos impostos, não sendo necessárias medidas extras.

Deixe uma resposta