Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Moradores da Vila Mocó registram água acumulada em obra embargada da subestação da Celpe

As chuvas da semana passada em Petrolina trouxeram alegria e esperança para os sertanejos, mas também preocupação. A situação na obra da subestação da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) no bairro Vila Mocó preocupa os moradores dos condomínios próximos à obra que foi embargada pela Prefeitura de Petrolina na última sexta-feira (9).

Um leitor entrou em contato com o Blog e registrou a situação. “Com as chuvas surgiu outro problema: a água represada, o que pode se tornar um caso de saúde pública devido à proliferação de doenças. Peço que as autoridades se atentem para esse problema” escreveu o leitor em contato através do WhatsApp.

Nossa equipe entrou em contato com a assessoria de comunicação da Celpe, no Recife. Por meio de uma nota a companhia informou que encaminhará uma equipe ao local para averiguar a situação e tomar as medidas necessárias para o escoamento da água.

A Celpe no entanto não informou quando tal fato acontecerá. Enquanto isso os moradores ficam apreensivos com a situação.

Deixe uma resposta