Moradores do Bernardino estão sendo prejudicados pela falta de veículos do transporte coletivo, afirma vereador Gilmar Santos

Mais um veículo do transporte coletivo para atender aos moradores do Residencial Monsenhor Bernardino. Foi isso que solicitou o vereador Gilmar Santos (PT) através do Requerimento n°167/2020, apresentado na sessão de terça-feira (23).

“É uma solicitação da comunidade do Residencial [Monsenhor] Bernardino ao diretor-presidente da AMMPLA, para que interceda junto à empresa Atlântico, no sentido de que a mesma disponibilize um ônibus a mais para atender a comunidade“, justificou Gilmar.

Moradores estão sendo prejudicados

Os mais prejudicados são aqueles retornando para casa após o dia de trabalho. “O Residencial está tendo muito prejuizo em relação ao deslocamento dos seus moradores, trabalhadores que vão para outras regiões da cidade. Na programação começa 5h40, 7h04, 8h32, 11h28, 12h56, 16h30, 17h20 e a última vez que o ônibus passa é às 19h05. Os trabalhadores que saem depois das 19h ficam prejudicados“, pontuou Gilmar.

Solução possível

Ainda segundo Gilmar, moradores relataram que no Residencial Vivendas há quatro veículos à disposição. “Seria possível passar no Bernardino, garantindo melhor deslocamento à comunidade do Bernardino“, finaliza.

Deixe uma resposta