Petrolina: em Audiência Pública do PPA, população pede melhorias na saúde e no saneamento

Cerca de 1500 pessoas deram a sua contribuição para a iniciativa. (Foto: ASCOM)

A população petrolinense definiu as prioridades para o Plano Plurianual 2018/2021 durante audiência pública realizada pela prefeitura no último fim de semana, que contou com a presença do prefeito Miguel Coelho e de todos os secretários municipais. Cerca de 1500 pessoas deram a sua contribuição para a iniciativa, consolidando um avanço na democratização e transparência da gestão pública no município.

Entre os principais temas apontados pela população, para o município, estão: saúde (20,72%); saneamento básico (12,35%); ampliar e melhorar o Nova Semente (10,36%); Pavimentação (8,37%); combate a violência (7,17%); geração de emprego e renda (6,97%) e transporte coletivo (5,98%).

Quando observado o resultado por região, os assuntos de mais destaque da zona urbana são: saúde (16,14%); iluminação pública (16,14%); saneamento básico (14,55%); ampliar e melhorar o Nova Semente (10,85%); tratamento e abastecimento de água (10,85%); Pavimentação (7,94%); combate a violência (8,99%); geração de emprego e renda (6,88%) e transporte coletivo (4,23%).

Já da zona rural, as áreas que mais se sobressaíram foram: saúde (34,68%); iluminação pública (34,68%); tratamento e abastecimento de água (16,87%); combate à seca (9,68%); geração de emprego e renda (7,26%); combate a violência (5,61%). 

Segundo Laura Recena, secretária de Planejamento e Inovação, todas as estratégias a serem implementadas no próximo quadriênio estarão em conformidade com a realidade das finanças públicas e não irão comprometer a capacidade de realizar políticas, tampouco o equilíbrio das contas municipais.

“Essa escuta às comunidades, além de democratizar a participação na gestão pública, é fundamental para nortear as decisões. Afinal, a população é quem verdadeiramente sabe as prioridades do dia a dia. Então, a construção do plano junto da comunidade faz com que a gestão se aproxime da realidade social e invista melhor cada recurso investido pelo contribuinte”, ressaltou a secretária.

Construção do PPA

O documento orienta as ações de governo, constituindo-se no instrumento legal de planejamento público de médio prazo que explicita diretrizes, objetivos e metas da Administração Pública Municipal para os próximos quatro anos. Com os dados coletados na audiência, a Secretaria de Planejamento e Inovação irá iniciar a construção do PPA para submeter ainda este ano à Câmara de Vereadores.

Deixe uma resposta