Petrolina: estudantes realizam manifestação em defesa da educação nesta quinta-feira

(Cartaz/Divulgação)

Mais uma vez, estudantes, professores, trabalhadoras e trabalhadores e população em geral irão às ruas de Petrolina (PE) em defesa da educação pública e da Previdência social. As manifestações ocorrerão nesta quinta-feira (30), a partir das 15h, na Praça do Bambuzinho e principais avenidas da cidade.

Em nota, a Frente Brasil Popular/Petrolina, composta por entidades sindicais, associações e movimentos sociais, declarou apoio ao movimento dos estudantes, considerando a ação como parte da luta em defesa dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras do Brasil.

“Os cortes do governo federal na educação atingem 63 universidades e 38 Institutos Federais – IF´s de ensino, em todo País.  O montante R$ 1,7 bilhão representa 24,84% das verbas discricionárias, aquelas destinadas ao pagamento das contas de água, luz, telefone, internet, serviços de segurança, manutenção de equipamentos, aulas de campo, pesquisa, laboratórios de graduação e publicações de livros e periódicos. Sem esses recursos, o funcionamento das instituições pode ficar inviabilizado”, diz um trecho da nota.

O ato é organizado pelos estudantes, através da União Nacional dos Estudantes (UNE), com participação direta de diversos movimentos sociais.

Deixe uma resposta