Petrolina recebe investimento de R$ 5 milhões em esgotamento sanitário e viaturas da Polícia Militar

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Nesta segunda-feira (19) o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB) desembarcou em Petrolina, para participar de evento onde assinou um convênio de R$ 5 milhões para a realização da segunda etapa da obra de implantação e ampliação do sistema de esgotamento sanitário do município.

Durante o evento foram liberadas emendas dos deputados Lucas Ramos (PSB), Odacy Amorim (PT), Miguel Coelho (PSB), destinadas a saneamento básico e a saúde. Marcaram presença o senador, Fernando Bezerra Coelho (PSB); o Ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho (PSB); o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), o diretor de revitalização da Codevasf, Inaldo Guerra; o presidente da Compesa, Roberto Cavalcanti Tavares. Além de deputados estaduais e federais, vereadores e outras autoridades.

“Eu fiz questão de vir hoje para a entregar as viaturas e dar essa ordem de serviço junto com a Codevasf para o saneamento e outras obras de água. A gente sabe que uma cidade como Petrolina, bem planejada, com condições de avançar muito, tanto no saneamento quanto no abastecimento de água. A gente tem que ter um olhar especial, um cuidado de avançar em parcerias e ao mesmo tempo liberar emendas para as áreas de saúde, emendas parlamentares e cuidar e conversar com o prefeito para ver as demandas mais urgentes”, afirmou o governador.

Reforço na segurança de Pernambuco

Ainda durante a passagem por Petrolina, o governador anunciou diversas novidades no setor de segurança do Estado e entregou dez viaturas da Polícia Militar para o Sertão. Das viaturas entregues cinco ficarão no 5º Batalhão da Polícia Militar de Petrolina.

(Foto: Blog Waldiney Passos)

“Estamos contratando, no mês de agosto, 1.500 novos policiais militares, que vão reforçar todas as cidades. Vamos iniciar uma nova turma para ter mais 1.300 policiais miliares em dezembro. A partir também do mês de novembro/dezembro, vamos ter 140 delegados, 600 agentes, vai ter o pessoal da polícia técnica cientifica, que vai atuar também no IML, que a gente vai concluir também aqui nos próximos 6 meses para eu Pernambuco possa avançar do jeito que a gente quer”, concluiu Câmara.

Deixe uma resposta