Prefeito de Cabo de Santo Agostinho é preso na Operação Abismo

O prefeito da cidade de Cabo do Santo Agostinho, Lula Cabral (PSB) foi preso na Operação Abismo, deflagrada pela Polícia Federal (PF) em Pernambuco nessa sexta-feira (19). Lula é acusado de cometer fraudes no instituto previdenciário municipal.

As investigações tiveram início em março e apontam desvios de R$ 90 milhões em pelo menos cinco estados, entre eles Paraíba e Rio de Janeiro, onde também foram cumpridos mandados de prisão durante a manhã. De acordo com a PF, o esquema de corrupção coloca em risco a aposentadoria dos servidores municipais.

A PF confirmou a prisão do prefeito, mas devido ao sigilo não deu novas informações sobre o caso. A fraude também envolve a participação de empresários e religiosos e alguns mandados estão sendo cumpridos na operação.

Com informações do JC Online e Globo News

Deixe uma resposta