Enfermeira acusa Promotor de agressão em Juazeiro

(Foto: Internet)

Nesta quinta-feira (5), a coordenadora de Enfermagem do hospital Pró-Matre em Juazeiro (BA) afirma que foi agredida por um Promotor de Justiça que atua na cidade de Remanso(BA).

A suposta agressão teria acontecido logo após a enfermeira ter negado entregar ao promotor o prontuário médico de um paciente que estava internado no hospital.

O promotor que estava acompanhado de dois homens, teria ficado inconformado quando a enfermeira seguiu o procedimento padrão de não divulgar prontuários sem autorização da família ou ordem judicial. O promotor teria sacado a arma e ameaçado prender a enfermeira.

“Eu fui buscar as informações, voltei, falei que o paciente não tinha solicitação de transferência, ele exigiu o prontuário e disse que eu seria presa se não entregasse”, relatou a enfermeira.

O blog está tentando entrar em contato com o Promotor para saber a sua versão dos fatos.

Com informações do Bahia Notícias

Deixe uma resposta