Senhor do Bonfim: prefeito critica manifestações violentas contra paciente que testou positivo para covid

Carlos Brasileiro criticou violência dos bonfinenses

Depois de confirmar o primeiro caso positivo de coronavírus no município, o prefeito de Senhor do Bonfim (BA), Carlos Brasileiro (PT) fez uma live nessa terça-feira (12) e criticou a parte da população que iniciou manifestações violentas contra o paciente de 31 anos, que se infectou em Petrolina.

LEIA TAMBÉM

1º caso confirmado de covid em Senhor do Bonfim foi importado de Petrolina

“É uma maldade, uma desumanidade você querer agredir pessoas, seja por redes sociais. Soubemos que tiveram manifestações de pessoas querendo linchar o rapaz. Será se ele queria pegar o vírus? É preciso que a gente respeite as vidas humanas. Se já não bastasse a dor de ser contaminado, ainda ter a dor das ofensas e palavras descabidas. O momento é de dar amparo a essa pessoa“, condenou o gestor.

Cuidados 

Para o prefeito, esse é o momento de reforçar as medidas de prevenção “estar unidos e cada um fazer a sua parte” para não haver disseminação da doença. “Lavar as mãos sempre, usar a máscara é imprescindível. O que mais incomoda: usar a máscara sempre que necessário ou a gente saber que tem um parente nosso infectado?“, questionou.

Acompanhamento

Sobre o primeiro caso positivo da cidade, Brasileiro antecipou que o paciente será examinado ao final de semana para saber se já está curado. “Nos próximos dias, possivelmente sexta e sábado, nós vamos fazer novos testes nele e em outras pessoas e mandar para Salvador para ter certeza de que o vírus não aflorou“, finalizou.

Deixe uma resposta