Sindicatos assinam nota conjunta e cobram mais fiscalização nas fazendas durante pandemia do coronavírus

Os municípios da região estão com comércio, escolas e órgãos públicos fechados como medida de enfrentamento ao novo coronavírus. Diante desse cenário os sindicatos ligados ao homem e mulher do campo assinaram uma nota conjunta cobrando mais fiscalização no interior.

Eles cobram a adoção de medidas sanitárias específicas aos trabalhadores da fruticultura irrigada, bem como aos familiares desses funcionários. A fiscalização mais rígida também é cobrada em Juazeiro (BA), Curaçá, Abaré e outros municípios da região.

O documento é assinado pela CONTAR, FETAEPE, FETAR BAHIA, STTAR PE, STJR Juazeiro, SINTAGRO dos municípios de Casa Nova, Curaçá, Sento Sé, Sobradinho e Juazeiro (BA), entidades de Lagoa Grande, Santa Maria da Boa Vista e Belém do São Francisco.

Deixe uma resposta