Sobradinho (BA) realiza 2º Fórum Comunitário do Selo Unicef

O evento acontecerá nas dependências da prefeitura, no turno da manhã/Foto:reprodução internet

O evento acontecerá nas dependências da prefeitura de Sobradinho, no turno da manhã/Foto:reprodução internet

O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e a prefeitura de Sobradinho (BA) realizam na próxima sexta (10), o 2º Fórum Comunitário do Selo UNICEF – Município Aprovado, edição 2013-2016. No evento – que acontece nas dependências da prefeitura, das 08h às 10h- entidades representativas da sociedade, lideranças, grupos religiosos, sindicatos, entre outras organizações da sociedade civil, deverão realizar um diagnóstico e avaliar propostas que assegurem melhorias na qualidade de vida de crianças e adolescentes.

Para a secretária de Ação Social, Fernanda Sanjuan, “A gestão em Sobradinho não mediu esforços, cumpriu todas as etapas e metas estabelecidas e a conquista do selo UNICEF vai coroar todo esse trabalho intenso que vem sendo realizado, pelo gestor e todos os envolvidos, na busca por uma educação de qualidade para nossos jovens”.

O Selo UNICEF – Município Aprovado é um reconhecimento internacional aos municípios que atuam com responsabilidade nos projetos voltados para infância e a adolescência. O Fórum, aguardado com muita expectativa por todos os envolvidos, será uma grande oportunidade para avaliação das ações já implementadas e uma excelente espaço de debate para o encaminhamento de novas diretrizes no fortalecimento das políticas sociais para a infância e adolescência.

Para o prefeito de Sobradinho, Luiz Vicente Berti, “receber o reconhecimento da comunidade, dos professores, dos pais, alunos e entidades que atuam na defesa dos direitos das crianças e adolescentes, pelo trabalho que está sendo desenvolvido neste setor, já é um presente imensurável, mas não resta dúvida, que receber esse selo com o carimbo de uma instituição respeitada no mundo, como é o UNICEF, é um reconhecimento que trabalhamos para conquistar”.

Com informações da Assessoria

 

Deixe uma resposta