Esporte: Inter renova com Alan Ruschel até 2018

Um dos seis sobreviventes do voo da Chapecoense, o lateral esquerdo Alan Ruschel pertence ao Internacional. Na manhã deste sábado, por meio de uma nota postada em seu site oficial, o clube de Porto Alegre anunciou a renovação de contrato do jogador.

Na noite de sexta-feira, o Inter e o atleta entraram em acordo para prorrogar o vínculo até dezembro de 2018. Alan Ruschel assinará seu novo contrato apenas em janeiro de 2017, no início dos trabalhos da nova gestão, encabeçada pelo presidente Marcelo Medeiros.

Contratado pelo Internacional na temporada de 2014, Ruschel foi emprestado à Chapecoense em 2016 e tem vínculo com a equipe catarinense até maio de 2017. Um dos seis sobreviventes do voo que sofreu um acidente a caminho de Medellín, o atleta trabalha em sua recuperação.

Com informações do Terra Brasil

“Somente Deus pode explicar por que eu sobrevivi ao acidente”, diz Alan Ruschel em primeira coletiva após acidente aéreo

(Foto: Reprodução/SporTV)

O jogador da Chapecoense Alan Ruschel, que teve alta na sexta-feira (16), 17 dias após tragédia, concedeu uma entrevista coletiva na manhã deste sábado (17) na Arena Condá, em Chapecó.

Muito emocionado, principalmente no início da coletiva, Ruschel falou sobre seu desejo em voltar a jogar em breve “Farei de tudo para voltar a jogar. Com muita paciência, farei de tudo para dar muita alegria para esse pessoal aqui”.

Durante a entrevista, o lateral falou sobre o momento do acidente “Lembro de a gente chegando em Santa Cruz de la Sierra, embarcando. Não lembro do voo. Não lembro do acidente. Lembro depois da minha esposa Marina falando comigo lá no hospital”.

Durante o voo a pedido do Diretor de futebol da Chapecoense Eduardo Preuss, o Cadu Gaúcho, que morreu no acidente, Ruschel trocou de lugar. “Eu estava sentando mais pra trás e o Cadu pediu pra eu sentar mais na frente pros jornalistas sentarem no fundo”.

(Foto: Leonardo Zampier/Arquivo Pessoal)

Entre os sobreviventes Alan Ruschel, foi o primeiro a ganhar alta médica e voltou para casa na sexta-feira (16). O goleiro Jackson Follmann, foi transferido para Chapecó na manhã de hoje (17) para o mesmo hospital que estão os outros dois sobreviventes, o jornalista Rafael Henzel e o zagueiro Neto. Henzel tem previsão de alta para segunda-feira (19) e Neto usa antibióticos para tratar uma lesão no tornozelo esquerdo e faz fisioterapia respiratória. Não há data provável de alta.

Com informações do G1 Santa Catarina

Henzel e Ruschel são recebidos com emoção na volta a Chapecó

Henzel chega ao hospital em Chapecó, onde vai continuar o tratamento

Chapecó recebeu na noite desta terça-feira o retorno dos dois primeiros sobreviventes do desastre aéreo de duas semanas atrás com a delegação da Chapecoense, na Colômbia.

Por volta das 20h30 (horário da Bahia), o lateral Alan Ruschel e o jornalista Rafael Henzel chegaram ao aeroporto do município catarinense a bordo do jato Legacy da Força Aérea Brasileira após mais de nove horas de deslocamento. Lágrimas dos parentes e a alegria da torcida pelas ruas da cidade traduziram o tom vitorioso da volta da dupla.

Assim que o avião tocou a pista, fez um lento caminho até a parada completa. Antes disso, passou por uma espécie de “corredor” formado por dois caminhões dos bombeiros. Os veículos dispararam jatos de água na aeronave, em uma espécie de batizado para quem renasceu ao sobreviver de um acidente que causou a morte de 71 pessoas.