Depois da notícia de fechamento, vereadores visitam Hospital de Campanha de Juazeiro

(Foto: Ascom/Câmara de Vereadores)

Depois da notícia de que o Hospital de Campanha de Juazeiro seria fechado, vereadores do município baiano resolveram fazer uma visita ao local. O oposicionista Alex Tanuri, realizou visita já na tarde desta terça-feira (23) e disse que ficou surpreso com o que viu. “Me disseram que ia ser fechado e demorei a acreditar, mas para não cair em inverdades fui verificar pessoalmente e vi que realimente está fechado”, disse o edil durante um entrevista a uma emissora de rádio.

Seguindo o exemplo do colega, na manhã desta quarta-feira (24), o presidente da Câmara, vereador Berg da Carnaíba, esteve nas instalações do Hospital de Campanha e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

LEIA MAIS

Juazeiro: Conselho Municipal de Saúde pede suspensão de comícios e caminhadas por causa do novo coronavírus

Alegando preocupação com a contaminação de pessoas pelo novo coronavírus, o Conselho Municipal de Saúde de Juazeiro pediu a justiça eleitoral que suspenda que realização de eventos, como comícios e caminhadas que estão sendo realizados pelos candidatos a prefeito e vereador.

O órgão emitiu nota informando que as pessoas que participam de tais eventos, não cumprem as medidas sanitárias, como distanciamento e uso de máscaras, exigidas pelas autoridades para evitar a contaminação pelo vírus.

Segundo o Conselho, os atos de campanha vêm promovendo flagrantes aglomerações e acentuando, de maneira elevada, o risco de uma segunda onda de pico da Covid-19 no município. O Comitê solicitou à Justiça Eleitoral o estabelecimento de normas mais rigorosas no sentido de garantir a não realização de eventos caracterizados pelo acúmulo de pessoas, já que, “até o momento, as normas expedidas têm diretrizes de caráter “orientador” o que, para este Conselho, trata-se de algo insuficiente diante dos riscos à saúde pública”, justifica, conforme consta em documento.

Membros do Conselho Municipal de Saúde visitam Hospital Dom Malan

(Foto: Divulgação)

Representantes do Conselho Municipal de Saúde de Petrolina visitaram o Hospital Dom Malana/IMIP na segunda-feira (7), para averiguar as condições o local. Na semana passada dois óbitos foram registrados na unidade, entre eles de uma grávida de 15 anos.

LEIA TAMBÉM:

Hospital Dom Malan afirma que grávida deu entrada já com suspeita de feto morto

Hospital Dom Malan afirma que grávida morreu em consequência de um choque séptico

A visita foi acompanhada pelo deputado estadual Odacy Amorim (PT), que exerce uma função na Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). Os membros do Conselho e Odacy se reuniram com a diretora do HDM, onde foram apresentados os problemas na unidade.

LEIA MAIS

Acontece em Petrolina o 1º Seminário do Controle Social

petrolina saude

O 1º Seminário do Controle Social,  realizado através do Conselho Municipal de Saúde, de Petrolina, Sertão pernambucano, acontece durante os dias 15 e 16 de 2016 e terá como temática “Por um SUS do tamanho do Povo Brasileiro”.

Os objetivos do evento é discutir a atualidade e os principais desafios do sistema de saúde no país bem como reunir conselheiros, representantes dos trabalhadores e dos movimentos sociais que trabalham com saúde no município, considerando que o momento é ideal com a chegada de novos conselheiros.
O Seminário acontecerá no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Petrolina, situado na Avenida das Nações, 280, Vila Mocó.

Confira a programação:
Nos dois dias o evento terá início às 9h da manhã e estarão previstas atividades durante manhã e tarde. A mesa de abertura contará com a presença da Secretária Municipal de Saúde, Mara Gonçalves, e Francisco Batista Junior, Conselheiro Nacional de Saúde (CNS) e ex-presidente do CNS.

No dia 16 de junho, o debate terá como tema a Conjuntura Política atual e riscos ao Sistema Único de Saúde e contará também com a participação de Francisco Batista Júnior, além da participação dos médicos Aristóteles Cardona Júnior e Pedro Diniz.

Maiores Informações gratuitas  pelo número 3866-8565 ou E-mail:c[email protected]

Diretores do Sindsemp tomam posse no Conselho de Saúde

Sindicato continuará com representação no Conselho de Saúde/Foto: ASCOM

Sindicato continuará com representação no Conselho de Saúde/Foto: ASCOM

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Petrolina (Sindsemp) vai continuar com representação no Conselho Municipal de Saúde. Tomou posse nesta segunda (30), a nova composição do colegiado e a  representação da entidade sindical ficou por conta do diretor de Saúde do Trabalhador, Lucenildo Lima, conhecido como Didi do Sindsemp, como titular; e Aparecida Alves, secretária geral da entidade e presidente da Associação dos Técnicos em Enfermagem, como suplente.

Para Didi, retornar ao Conselho e colaborar no debate das políticas públicas do setor é motivo de satisfação. ”Mais uma  vez estamos neste Conselho com o intuito de fortalecer o papel do SUS na saúde pública, fiscalizando e cobrando das autoridades a correta utilização dos recursos de saúde de nossa cidade”, afirma.

Na gestão anterior, o atual presidente do Sindsemp, Walber Lins, representava a entidade no Conselho.

Segundo as diretrizes da saúde pública no Brasil, um dos princípios mais importantes do Sistema Único de Saúde (SUS) está relacionado com a participação da sociedade no processo de fiscalização dos recursos e do andamento dos trabalhos realizados.  A participação ou controle social na saúde destaca-se, pois é a garantia de que a população participará do processo de formulação e controle das políticas de saúde.

Com informações da Assessoria

Conselho Municipal de Saúde aprova Relatório Anual de Gestão 2015

O Relatório Anual de Gestão (RAG) referente ao ano de 2015 foi aprovado por unanimidade pelos membros do Conselho Municipal de Saúde de Petrolina/Foto:ASCOM

O Relatório Anual de Gestão (RAG) referente ao ano de 2015 foi aprovado por unanimidade pelos membros do Conselho Municipal de Saúde de Petrolina/Foto:ASCOM

Nesta quinta-feira (19) o Relatório Anual de Gestão (RAG) referente ao ano de 2015 foi aprovado por unanimidade pelos membros do Conselho Municipal de Saúde de Petrolina (CMS). O relatório é a principal ferramenta de acompanhamento da gestão da saúde.

 “O RAG é elaborado pela equipe técnica da Secretaria de Saúde e possibilita dar total conhecimento sobre os investimentos e aplicações da gestão municipal na saúde. Temos o compromisso de submetê-lo às entidades que compõe o nosso controle social com o objetivo de garantir transparência a todas as nossas ações e resultados obtidos”, afirma a secretária de Saúde, Mara Gonçalves.

 Além de ser um instrumento que comprova a aplicação dos recursos, o relatório também tem a finalidade de apresentar os resultados alcançados com a execução da Programação Anual de Saúde e orientar o próximo planejamento.

Com informações da Assessoria