Homem é preso suspeito de estuprar criança de 11 anos, em Paulo Afonso

(Foto: Ilustração)

Um homem foi preso na terça-feira (28), na cidade de Paulo Afonso (BA), suspeito de estuprar uma garota de 11 anos. Segundo o G1 Bahia, o caso foi registrado na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) do município.

A delegada Antônia Jane disse que no último domingo (26) a menina fugiu de casa e foi até a residência do suspeito, que tem 20 anos. A mãe da garota ficou sabendo e a levou de volta. Contudo, na segunda-feira (27) a criança voltou a escapar para encontrar o homem.

Ele foi preso em flagrante em sua residência. A Polícia Civil não divulgou a identidade do suspeito. A garota foi submetida a exame de perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Juazeiro: homem descumpre medida protetiva, invade residência de ex e tenta cometer feminicídio

(Foto: Ilustração)

Mais um caso de violência contra a mulher foi registrado na região. José Maurício Sobreira da Silva foi detido na quinta-feira (9), acusado de tentar matar sua ex-companheira em Juazeiro (BA). Ele descumpriu medidas protetivas impostas pela Delegacia Especializada no Atendimento da Mulher (DEAM), no dia 24 de abril e nessa semana invadiu a casa de sua ex, para tentar matá-la.

Segundo a Polícia Civil, a tentativa de feminincídio foi registrada na segunda-feira (6), quando José Maurício se escondeu na residência de sua ex-mulher e surpreendeu a vítima, desferindo três golpes de cassetete na cabeça. A filha do casal tentou intervir, tomou o cassetete da mão de José, mas seu pai pegou uma faca e desferiu golpes nas duas.

Os três entraram em luta corporal e conseguiram desarmar o agressor, mas ele acabou tomando o cassetete de volta. Nesse momento a filha do casal ligou para seu avô e pediu ajuda. O vizinho das vítimas, que é primo da ex-mulher de José escutou o barulho e entrou na residência.

Ao perceber a chegada do vizinho o agressor fugiu. A polícia foi acionada e foi decretada a prisão preventiva do agressor por tentativa de homicídio. Na DEAM ele confirmou a versão das vítimas e foi encaminhado à Audiência de Custódia.

Polícia Militar prende homem por importunação sexual em Juazeiro

Um homem foi preso na quinta-feira (4) em Juazeiro, durante rondas da 75ª CIPM no bairro Mandacaru 1. Segundo a Polícia Militar, ele teria importunado sexualmente uma mulher que é sua vizinha.

A vítima teria relatado aos policiais que o suspeito pediu um copo d’água e por ser conhecido, lhe foi permitida a entrada na residência. No entanto, ele agarrou a mulher pelo cabelo e começou a acariciar as partes íntimas dela.

Uma vizinha da vítima entrou na residência, momento no qual a mulher conseguiu se desvencilhar do agressor. Ela relatou o fato ao companheiro que foi com ela até a polícia. Durante buscas na comunidade o suspeito foi identificado e preso.

No momento da prisão o agressor alegou ter sido agredido por populares. Ele foi encaminhado à Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM), juntamente com a vítima.

Casos de violência contra a mulher são maiores no interior de Pernambuco

(Foto: Ilustração)

O Dia Internacional da Mulher, celebrado nessa sexta-feira (8) remete às conquistas sócio-políticas delas, mas também é um momento de reflexão. Em Pernambuco a data representa para o Poder Público um grande desafio, já que em 2018 os dados da violência contra esse grupo foram preocupantes.

De acordo com o monitoramento realizado pela secretaria de Defesa Social, no ano passado foram contabilizados 36.314 casos de violência doméstica e 2.522 ocorrências de estupro em todo Estado. O interior lidera negativamente e teve 18.074 ocorrências de violência doméstica e outros 1.371 de estupro.

Petrolina e municípios vizinhos

Petrolina terminou 2018 com 1.949 registros de violência doméstica – praticada por companheiro, cônjuge, filho ou parente da vítima. Araripina somou 315, Salgueiro 353, Lagoa Grande 61 e Ouricuri 186. Em relação aos casos de estupro, Petrolina teve 77, Araripina 19, Ouricuri somou 12 e Salgueiro 13.

LEIA MAIS

Polícia Civil de Juazeiro deflagra Operação Dandara e prende oito por violência contra a mulher

(Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A Polícia Civil de Juazeiro (BA) deflagrou nessa sexta-feira (30) uma operação para prender acusados de violência contra a mulher. Denominada “Dandara” a ação tinha como foco o cumprimento de 13 mandados de prisão, após a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) entrar com as representações no Ministério Público da Bahia.

Segundo a PC, os mandados tinham como alvo homens os quais descumpriram medidas protetivas contra as vítimas. Dos 13 mandados, oito foram cumpridos. Todos os presos foram submetidos a exames de corpo de delito e encaminhados à Audiência de Custódia.

A operação contou com apoio da Coordenadoria Regional da Polícia Civil em Juazeiro, Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes, da 1ª Delegacia Territorial, Delegacia de Homicídios e Delegacia Territorial de Uauá (BA). O nome da ação homenageia a esposa de Zumbi dos Palmares. Dandara foi uma liderança feminina negra que lutou contra o sistema escravocrata.

PETO prende acusado de cometer violência doméstica

Policiais militares da PETO/75 prenderam na tarde da quinta-feira (17) um homem acusado de agredir sua esposa, no Residencial Juazeiro I. De acordo com a Polícia Militar, os agentes chegaram até o local depois de receber uma denúncia via Centro Integrado de Comunicações (CICOM).

A equipe se deslocou até o residencial e constatou a veracidade da denúncia. O acusado e a vítima foram encaminhados à Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), para a tomada das medidas cabíveis.