Juazeiro contabiliza novas notificações de H1N1 e covid-19, mas sem novas confirmações

(Foto: Danny Lawson/AFP)

Depois de dias sem alterações consideráveis nas notificações de H1N1 e do novo coronavírus, Juazeiro (BA) voltou a registrar alta nos casos suspeitos de ambas as doenças. No boletim dessa quinta-feira (2) houve um salto de 52 para 54 notificações de H1; do covid-19 ontem eram 22 e hoje 28.

Segundo a Secretaria de Saúde do município (SESAU), das 54 ocorrências contabilizadas de H1N1, 13 foram confirmadas, somando dois óbitos. 24 casos são considerados suspeitos e 17 descartados.

Em relação ao covid-19, 15 foram eliminados, 11 seguem em análise aguardando resultado dos exames encaminhados ao Laboratório Central (LACEN) de Salvador e apenas dois estão confirmados. A Prefeitura ressalta que não há óbitos pelo novo coronavírus.

Influenza A causou a morte de adolescente de 15 anos registrado em Petrolina; revela exame

O boletim da Prefeitura de Petrolina desta quarta-feira (01) permanece sem alterações quanto aos dados relacionados à Covid-19. Restam 7 casos suspeitos, enquanto 12 já foram descartados. A cidade continua com 2 confirmações do novo coronavírus e nenhum óbito.

Quanto aos dados relacionados à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim aponta que 14 casos foram descartados, 9 estão em investigação e 7 testaram  positivo. Desses 7 casos positivos, um resultado saiu nesta terça-feira.

Trata-se do exame realizado na adolescente de 15 anos que faleceu no último dia 26 de março, no Hospital Universitário (HU). O resultado do teste foi positivo para Influenza A, um dos tipos de gripe. É importante ressaltar que a Secretaria Municipal de Saúde continua monitorando todos os casos suspeitos e confirmados dessas doenças.

Campanha de vacinação contra a gripe continua suspensa em Juazeiro

(Foto: ASCOM/PMJ)

A Campanha de Vacinação contra a Influenza (gripe) começou em todo o país no dia 23 de março, uma segunda-feira. Na terça-feira, dia 25 de março, a Secretaria de Saúde de Juazeiro (SESAU), divulgou a seguinte nota:

“Em razão de não ter recebido o número de doses suficientes para a Campanha de Vacinação contra a Influenza, a Prefeitura de Juazeiro informa que só retomará a imunização quando seus estoques forem reabastecidos na quantidade mínima necessária para atendimento ao público alvo. O primeiro lote recebido foi de somente 12 mil doses, correspondente a apenas 19% da demanda para idosos de Juazeiro.”

Nove dias se passaram e a SESAU, na tarde desta quarta-feira (01), emitiu mais uma nota a imprensa que diz o seguinte:

“A Secretaria da Saúde de Juazeiro informa à população que continua com número de doses insuficientes para retomada da campanha contra a Influenza nos postos de vacinação. Por este motivo, neste momento, o município irá priorizar os idosos acamados. A Sesau pede a compreensão de todos e informa ainda que, tão logo, sejam enviadas doses suficientes pelo Núcleo Regional de Saúde, a vacinação será retomada nas unidades de saúde e todo o público prioritário da campanha será atendido”.

O Núcleo Regional de Saúde, antiga de 15ª DIRES, informou a produção do Blog Waldiney Passos que na última sexta-feira (27), a Secretaria de Saúde recebeu 3.500 novas doses e outra remessa deverá chegar entre hoje (01) e amanhã (02). Segundo o coordenador do órgão, Dr. Pedro Alcântara, isso está acontecendo porque o Ministério da Saúde está enviando vacinas em pequenos lotes.

Mas, uma pergunta é inevitável ficar no ar. Por que não falta vacina contra a Influenza em Petrolina?

Casos de H1N1 seguem sem novas notificações em Juazeiro

Juazeiro segue monitorando pacientes

Juazeiro (BA) segue sem novas notificações de H1N1. Ao todo, segundo a Secretaria de Saúde (SESAU) são 52 ocorrências, das quais 13 foram confirmadas – entre elas duas mortes – 22 em investigação e 17 já descartadas. Os dados de H1N1 permanecem inalterados desde o final de semana.

Já os registros do novo coronavírus apresentaram uma novidade nessa quarta-feira (1°). De 21 notificações ontem, hoje são 22. Por outro lado, o número de casos descartados passou de 14 para 15. Ou seja, permanecem confirmados apenas dois casos e cinco seguem em investigação.

Nessa quarta-feira a Prefeitura de Juazeiro reabriu as feiras públicas, dando uma demonstração de que aos poucos a cidade retomará sua rotina. O comércio segue fechado, assim com as aulas na rede municipal que estão suspensas.

Boletim: Petrolina descarta mais um caso suspeito da Covid-19

A prefeitura de Petrolina informa que o boletim da Covid-19 desta terça-feira (31) traz uma boa notícia: o descarte de mais um caso suspeito que estava em investigação.  Com isso, restam 7 casos suspeitos, enquanto 12 já foram descartados. Petrolina continua com 2 confirmações do novo coronavírus, sem nenhum óbito.

Sobre a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), o boletim teve uma alteração nas últimas 24 horas. Descartados somam 13 casos, enquanto 9 estão em investigação e 6 testaram positivo. A Secretaria Municipal de Saúde continua monitorando todos os casos suspeitos e confirmados dessas doenças.

Paciente de Uauá testa negativo para a gripe H1N1

(Foto: Ilustração)

Um alívio para a comunidade uauaense. A Secretaria de Saúde do Município divulgou na tarde desta terça-feira (31), que deu negativo o resultado do exame de um paciente que apresentou sintomas da gripe H1N1. A ocorrência foi registrada no Hospital Municipal Dr. Jair Braga no início deste mês de março, quando o paciente, que não teve a identidade revelada, apresentou sintomas graves com possível quadro infectocontagioso, o que causou preocupação entre as autoridades de saúde.

A mostra do sangue da pessoa internada no Jair Braga, foi enviada para análise no Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN) em Salvador, onde ficou constatado que o paciente não é portador da Influenza.

Até o momento, Uauá continua sem casos confirmados de H1N1 ou do novo coronavírus, uma vez que todos os casos suspeitos foram descartados. Para que o quadro não sofra alterações, o município vai continuar adotando as medidas de prevenção e distanciamento social, recomendadas pelo Comitê de Gestão da Crise do Novo Coronavírus.

Juazeiro não tem novas notificações de covid-19 ou H1N1

O boletim diário de Juazeiro (BA) dessa terça-feira (31) traz uma boa notícia: não foram registradas novas notificações de coronavírus ou H1N1. Dessa forma, as ocorrências seguem com 52 de H1N1 e 21 de covid-19, dado estagnado desde domingo (29).

H1N1

Das 52 notificações, 13 foram confirmadas – entre elas dois óbitos – 22 seguem em investigação e 17 foram descartadas.

Covid-19

Do total de 21 notificações, Juazeiro tem duas confirmações, cinco investigações e 14 descartes. Mesmo com a notícia positiva, a Prefeitura segue com os decretos preventivos. Comércio e as escolas permanecem fechadas. Restaurantes e lanchonetes podem funcionar apenas como delivery.

Urgente: criança de três anos de idade da cidade de Curaçá morre com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG)

(Foto: Redes Sociais)

Uma menina de apenas três anos de idade morreu nesta segunda-feira (30) em um hospital de Salvador, com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Segundo informações da Secretaria de Saúde de Curaçá (BA), cidade onde a vítima morava com a família, a pequena Alice teria sido atendida em um hospital de Juazeiro com sinais de pneumonia e em seguida foi transferida para Salvador com problemas respiratórios.

Com cerca de uma semana de internação, a menina não resistiu e veio a óbito. De acordo com a Diretora de Atenção Básica à Saúde de Curaçá, Franciely Alves Nascimento, foi feita a coleta de sangue da criança e a mesma foi encaminhada a um laboratório onde serão feitos exames para saber se a causa da morte foi mesmo pneumonia, o novo coronavírus ou a gripe H1N1, já que os sintomas são bastante parecidos.

Ainda segundo Franciely Alves, o município de Curaçá tem 3 casos notificados para a Covid-19, sendo que 1 caso já foi descartado e outros 2 estão sendo investigados. Para a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) foram notificados 2 casos até agora e os dois estão em investigação.

O caso de Alice não foi notificado em Curaçá porque a menina teria sido atendida inicialmente em Juazeiro, mas a Secretaria de Saúde está considerando como um óbito do município de Curaçá por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

Juazeiro: notificações de H1N1 e covid-19 seguem inalteradas

Notificações não tiveram aumento (Foto: Danny Lawson/AFP)

O número de casos notificados, tanto de H1N1 quanto do novo coronavírus, em Juazeiro (BA) seguem estáveis nessa segunda-feira (30). O boletim divulgado pela Secretaria de Saúde (SESAU) no início dessa tarde anuncia 52 ocorrências de H1N1 e 21 de covid-19.

O número de confirmações do H1N1 continua em 13 – sendo dois óbitos – e 2 de coronavírus. Daquele, 22 seguem em análise e 17 foram descartados. Em relação ao covid-19 são 14 descartes e 5 investigações.

A Bahia teve ontem (29) a primeira morte confirmado pelo coronavírus, o que reforça a necessidade de a população seguir as orientações estaduais e municipais. A quarentena continua em Juazeiro, com escolas e comércio fechados.

Juazeiro segue sem novos casos de covid-19, mas tem 13 confirmados de H1N1

A Secretaria de Saúde de Juazeiro (SESAU) divulgou mais um boletim sobre os casos notificados de coronavírus e H1N1 nesse sábado (28). Hoje são 20 notificações do coronavírus, com apenas duas confirmações. Por outro lado, a H1N1 já teve 13 testes positivos.

De acordo com a Prefeitura, Juazeiro tem 50 notificações de H1N1, com duas mortes e 17 exames descartados. Em relação ao covid-19, cinco pacientes estão sendo monitorados e aguardam resultado dos testes feitos no Laboratório Central de Salvador (Lacen).

Assim como Petrolina, Juazeiro está com o comércio fechado, aulas suspensas e a recomendação é para que a população evite aglomerações.

Sobe de 18 para 20 casos notificados do novo coronavírus em Juazeiro

Nesta sexta-feira (27), a Secretaria da Saúde de Juazeiro atualizou os números relativos a COVID-19 e a H1N1. De 44 ontem, os casos notificados de H1N1 passaram para 46 notificações. 10 casos foram confirmados, incluindo dois óbitos; 22 casos estão em investigação e outros 14 casos suspeitos de H1N1 foram descartados.

LEIA TAMBÉM

Petrolina: teste de adolescente dá negativo para covid-19

Para o coronavírus, o registro no município passou de 18 ontem para 20 notificações, sendo 11 casos suspeitos descartados, sete estão em análise pelo Laboratório Central (LACEN) em Salvador, dois casos confirmados e nenhum óbito.

Coronavírus: número de casos descartados sobe para sete em Salgueiro

(Foto: Divulgação)

O boletim divulgado pela secretaria de Saúde de Salgueiro (PE) na noite de quinta-feira (26) trouxe dados animadores à população. Dos 10 casos notificados como suspeitos de coronavírus, sete já foram descartados. Outros três seguem sendo monitorados.

O município aguarda o resultado dos exames para confirmar ou descartar os em investigação. Até o momento não há nenhuma confirmação de covid-19 ou de H1N1. Mesmo assim a Prefeitura segue adotando medidas restritivas, como fechamento das escolas e do comércio.

Quem desrespeitar os decretos municipais e estaduais está sujeito a punição, com base no Código Penal A população pode ajudar na fiscalização, denunciando infratores pelo 190, número da Polícia Militar.

Miguel Coelho decide prolongar decretos de quarentena em Petrolina e quer estabelecer situação de calamidade pública

(Foto: Jonas Santos/PMP)

Durante entrevista coletiva realizada ao meio dia desta quinta-feira (26), via redes sociais, o prefeito Miguel Coelho anunciou que todos os decretos já publicados pela Prefeitura de Petrolina para suspender aglomerações com mais de 10 pessoas terão prazo estendido. Miguel ainda acrescentou que enviou à Assembleia Legislativa um decreto para instaurar situação de calamidade pública na cidade sertaneja.

Segundo o prefeito, todas as restrições impostas pelo município terão renovação oficial na próxima terça (31), pois este era o prazo limite de boa parte das medidas de suspensão dos serviços. A proposta é publicar o novo decreto renovando a quarentena em Petrolina por um novo período determinado.

“Não dá para subestimar esse vírus, temos que prezar pela vida. É um cenário muito dinâmico e os casos de doenças respiratórias graves, inclusive, Covid-19 estão crescendo em nossa cidade. Sei que isso é um remédio amargo, mas a preservação de vidas está em primeiro lugar”, reforçou o prefeito.

Petrolina tem dois casos confirmados de Coronavírus e quatro de outras síndromes respiratórias agudas graves como Influenza A e H1N1. Um dos pacientes com síndrome respiratória foi encaminhado à UTI montada pela Prefeitura de Petrolina e o Hospital Universitário para investigação e tratamento, não havendo, portanto, diagnóstico fechado sobre este caso.

Juazeirenses podem tirar dúvidas sobre o novo coronavírus e a H1N1 via Whatsapp

Com 2 casos confirmados do novo coronavírus e 9 da gripe H1N1, a Secretaria de Saúde de Juazeiro divulgou um número de Whatsapp para a população tirar dúvidas, comunicar a chegada à cidade advinda de país com casos confirmados para coronavírus ou receber informações sobre qual lugar procurar para ser atendido caso esteja com sintomas das enfermidades.

O número disponível é o (74) 9 9819-3089.  O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, no horário das 8h às 17h.

LEIA MAIS

Com um caso da gripe H1N1 confirmado, Prefeitura de Remanso também decreta fechamento do comércio

(Foto: Alex Gonçalves)

Com 12 casos suspeitos do Novo Coronavírus e um caso confirmado da gripe H1N1, a prefeitura de Remanso, na Bahia, publicou um novo decreto determinando a suspensão do funcionamento do comércio. A medida preventiva tem o intuito de combater uma possível disseminação das doenças no município.

Segundo a Secretaria de Saúde do Município, até o final da tarde desta terça-feira (24), todos os 12 casos suspeitos do Coronavírus estão em investigação. Já o único caso notificado da gripe H1N1, foi confirmado.

LEIA MAIS
12345