Morador cobra providências para terreno que vem sendo utilizado como depósito de lixo em Petrolina

Terreno é privado e vem sendo usado como depósito de lixo (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Um terreno privado, localizado na Rua Montreal, no Loteamento Nova Iorque, em Petrolina vem sendo utilizado como depósito de lixo. Como consequência, ratos, baratas e insetos estão aparecendo as casas vizinhas, incomodando a população que é surpreendida diariamente com visitantes indesejados.

De acordo com o leitor – morador da comunidade há anos – o terreno nunca foi cercado pelo proprietário. A Prefeitura já teria sido acionada anteriormente para adotar medidas contra o dono, contudo, nada foi feito. “As residências vivem infestadas de insetos, ratos, baratas etc“, relatou o leitor.

Nossa equipe apresentou essa demanda à Prefeitura de Petrolina no começo da semana, porém, até o momento não recebemos uma resposta do problema apresentado. Deixamos o espaço aberto aos esclarecimentos.

Falta de educação de moradores do bairro Palhinhas irrita leitor do Blog

Leitor se irritou com falta de educação (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Equipes da Prefeitura de Petrolina estiveram no bairro Palhinhas para fazer a limpeza de um terreno na Rua do Progresso, por trás da Panevale. Pouco depois de os funcionários saírem da comunidade, os próprios moradores voltaram a despejar materiais no local.

O fato irritou um leitor do Blog, que criticou a falta de educação dos comunitários. “O terreno foi limpo, mas voltaram a descartar o lixo. Cortam os pés de árvores, depois colocam fogo não tem quem aguente a fumaça”, disse à nossa Produção.

Ainda segundo o leitor, as equipes apenas foram fazer a limpeza depois das queixas da comunidade e que o proprietário do terreno não toma as devidas providências. O Blog entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina, que enviou uma nota.

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação, “o descarte de lixo e entulho em terrenos baldios é proibido. O descumprimento é cabível da aplicação de multa que pode variar entre R$250 e R$ 1400”, afirma a nota. A população pode ajudar denunciando os infratores, na Ouvidoria do município, através do número 156.

Falta de educação de moradores irrita morador, que pede limpeza no Loteamento Rafael, em Petrolina

Moradores usam local como lixão (Foto: Reprodução/WhatsApp)

A Redação do Blog recebeu um apelo de moradores do Loteamento Rafael, localizado em frente ao Residencial Brasil, em Petrolina. Eles clamam à Prefeitura de Petrolina que tome providências em relação ao entulho depositado nos terrenos.

“Alguns moradores do Residencial Brasil e carroceiros têm feito descarte de móveis e lixo doméstico, o mal cheiro tem incomodado e insetos peçonhentos têm invadido minha casa. Pra completar, alguns ainda colocam fogo e a fumaça tem provocado problemas respiratórios”, desabafou um leitor que preferiu não ser identificado.

Nossa Produção entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina. Em nota, a secretaria Desenvolvimento Urbano e Habitação (Sedurbh) informou que “uma equipe de fiscalização será enviada ao local para identificar e notificar o proprietário, para que ele limpe e construa um muro nos limites do terreno“, por se tratar de terreno particular.

Ainda de acordo com a Sedurbh, “após a notificação, o prazo é de 15 dias para a limpeza do imóvel e de 60 dias para cercar o espaço, sujeito à multa que pode variar de R$ 600 a R$ 1300. A Sedurbh ainda orienta a população a formalizar a denúncia junto à Ouvidoria Municipal através do número de telefone 156, ou presencialmente na sede da Secretaria, de segunda à sexta-feira, pela manhã”, concluiu.

Falta de educação de moradores no Jardim São Paulo irrita leitor

O flagrante dessa quinta-feira (18) feito por um leitor do Blog vem do bairro Jardim São Paulo. Moradores da Rua Vitória Régia estão dando um péssimo exemplo: saem de suas residências para jogar lixo em terreno particulares.

Além do lixo, resto de móveis e obras também podem ser vistos no local. Segundo nosso leitor, o que mais incomoda é a falta de respeito da população. “Pessoas sem nenhum respeito ao seu próximo tiram o lixo da porta de sua casa e joga em terreno baldio. Total falta de respeito e cidadania com o seu próximo e cadê o poder público para fiscalizar?”, questionou.

Outro lado

Nossa produção entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina. Através de nota a secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Sedurbh) informou que o terreno utilizado como depósito de lixo é particular. “Até a próxima semana, uma equipe de fiscalização será enviada ao local para identificar e notificar o proprietário, para que ele limpe e construa um muro nos limites do terreno“, informou a pasta.

Ainda segundo a Sedurbh, o proprietário terá um “prazo é de 15 dias para a limpeza do imóvel e de 60 dias para cercar o espaço, sujeito à multa que pode variar de R$ 600 a R$ 1300”.

Leitor chama atenção para terreno que serve como depósito de lixo no Gercino Coelho

Não contentes com lixo depositado no local, moradores estão incendiando material acumulado

Uma cena é comum em Petrolina: terrenos utilizados como depósito de lixo, acumulando desde resto de podas até vasos sanitários. E não bastasse a comunidade dar esse mau exemplo, alguns moradores ainda incendeiam o lixo para tentar diminuir o acúmulo de lixo.

É isso que vem acontecendo no bairro Gercino Coelho, em um terreno particular localizado entre a Rua Raposo Tavares e Maurício de Nassau. Um morador entrou em contato através do nosso WhatsApp pedindo ajuda. “Tem um homem, sem compromisso com a vizinhança, ateia fogo e compromete o descanso e bem estar dos moradores. São inúmeras crianças e idosos com problemas respiratórios, a cada semana que isto ocorre”, disse.

Outro lado

Em nota, a secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEDURBH) informou que o terreno em questão é particular. Uma equipe de fiscalização irá até o bairro tentar identificá-lo e notificá-lo, para que faça a limpeza e construa um muro no local.

Leitor reclama de entulhos em terreno próximo ao Cemitério de Petrolina

Lixo, restos de obras, galhos de poda e até um sofá. Todo esse material foi abandonado em um terreno próximo a Praça do Carro e ao Cemitério de Petrolina, na região central da cidade. O flagra foi feito por um leitor que passa diariamente pelo local e pediu providências do município.

“O lixo se amontoa junto com esgoto a céu aberto, bem na travessia de pedestres onde pessoas passam para trabalhar e jovens trafegam para a escola, um absurdo”, relatou via WhatsApp ao Blog Waldiney Passos.

Outro lado

Nossa produção entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina sobre a limpeza do local. Fomos informados que o referido terreno é um dos cinco pontos de descarte de lixo limpo regularmente a cada 15 dias pela Secretaria de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos (SEINFRA).

Segundo a pasta, é importante que a população cumpra com seu dever e tenha consciência, já que existe um esquema de coleta diário do lixo urbano.

Terreno abandonado no Henrique Leite preocupa moradores da Avenida 1

Uma moradora do bairro Henrique Leite entrou em contato com o Blog para denunciar uma situação incômoda. Um terreno ao lado de sua residência vem juntando lixo e facilitando a proliferação de mosquitos, ratos e outros transmissores de doenças.

De acordo com a leitora, o imóvel está localizado na Avenida 1 do bairro, próximo à uma igreja evangélica e ninguém do Henrique Leite sabe quem é o proprietário do terreno. “Há tempo que o dono não aparece, se quer sabemos quem é o dono e por isso não conseguimos entrar em contato com ele. O mato tá muito alto, tá subindo pelo telhado e chegando nas casas vizinhas inclusive a minha”, disse à nossa produção.

O Blog entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina que respondeu em nota. De acordo com a secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS), uma equipe de fiscalização será enviada ao endereço para tentar identificar o proprietário. Ele poderá ser multado em R$ 500 ou R$ 1.300,00.

Confira a seguir a resposta da SEDURBS:

Leitora pede limpeza na Vila Eduardo, próximo ao G Barbosa

Uma moradora do bairro Vila Eduardo, em Petrolina entrou em contato com o Blog para chamar atenção da Prefeitura de Petrolina sobre a limpeza na comunidade.

Isso porque existe uma obra próximo à Rua Osvaldo de Andrade, por trás da Igreja Eterna Aliança e os responsáveis pelo serviço estão depositando os entulhos na via pública. “Estão fazendo uma reforma e jogando o entulho na rua aqui por trás da Igreja, próximo ao G Barbosa”, relata a moradora.

Nossa produção entrou em contato com a Prefeitura de Petrolina para apresentar a demanda e estamos aguardando uma resposta.

Proprietário de terreno baldio no Dom Avelar será notificado, informa SEDURBS

Na quarta-feira (25) o Blog publicou a reclamação de uma moradora do bairro Dom Avelar, sobre um terreno baldio ao lado de sua residência. A Prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS) informou que uma equipe da Gerência de Fiscalização de Obras e Postura irá até o local.

LEIA TAMBÉM:

Moradora cobra fiscalização da Prefeitura sobre terreno baldio no Dom Avelar

A visita na Rua do Cobre é para identificar quem é o proprietário do terreno e notificá-lo, para que a limpeza seja feita. O dono do espaço está sujeito à multa que varia entre R$ 500 e R$ 1300.

Confira a resposta da SEDURBS: