Tapetão: 1º de Maio perde no STJD e fica de fora da segunda fase do Pernambucano Séria A2

1º de Maio foi eliminado da competição. (Foto: Agência CH)

O 1º de Maio está fora da segunda fase do Pernambucano Séria A2. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julgou, nessa quinta-feira (10), a equipe do Decisão pela escalação irregular de dois atletas e puniu, por 5 a 3, o clube somente com uma multa de R$ 100, sem perda de pontos.

De acordo com a denúncia da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), o Decisão descumpriu, claramente, o artigo 6º do Regulamento da Competição. Segundo o dispositivo, os clubes só poderiam inscrever até quatro atletas oriundos de outras federações estaduais, e o Decisão inseriu seis atletas de fora.

Para o advogado do 1º de Maio, o clube de Bonito (PE) deveria, então, ser enquadrado pelo art. 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê a perda de pontos à equipe que escale jogador em situação irregular.

No entanto, para a maioria do Pleno do STJD, o clube deveria, como foi, ser enquadrado somente pelo art. 191, que prevê, como punição, uma multa de R$ 100 a R$ 100 mil por deixar de cumprir o regulamento.

Com isso, o Decisão avança para a segunda fase e o 1º de Maio fica de fora da competição, que deve ser realizada novamente no final do próximo ano. O presidente da FPF, Evandro Barros, disse, antes do julgamento, que a federação iria cumprir o que fosse decidido pelo STJD.

Deixe uma resposta